Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Saúde

Taboão vai ganhar novo Centro de Atenção Psicossocial

Por Outro autor | 14/06/2011

cido

DivulgaçãoVereador Cido, Fernanda e o secretário de Saúde, José Alberto Tarifa, após reunião sobre CAPS II



O vereador José Aparecido Alves, o Cido, (DEM) trata as questões de saúde de Taboão da Serra como prioridade do seu mandato parlamentar. Em reunião no ultimo dia três de junho com o secretário de Saúde José Alberto e a coordenadora da saúde Mental,  Fernanda, o vereador recebeu a confirmação da criação do  CAPS II, uma das lutas de Cido na área da saúde. Ele é farmacêutico por formação o que justifica a preocupação com a área.

O novo Caps vai ser instalado na Av. Ibirama, no antigo centro de convivência, até o final do mês de julho. Segundo o Vereador Cido, que foi presidente da comissão de Saúde e foi delegado da conferência estadual de Saúde Mental, as cobranças feitas surtiram efeito.

“Fizemos duas audiências publicas sobre Saúde Mental, e uma visita no CAPS II do Jd. Ângela, juntamente com o atual conselheiro de saúde Sr narciso. Na ocasião  percebi que nosso município precisava com urgência da criação de um equipamento no município e a luta continua, pois a meta agora é criar o CPS III”, afirma o vereador Cido.

De acordo com ele, o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS II), entre todos os dispositivos de atenção à saúde mental, têm valor estratégico para a Reforma Psiquiátrica Brasileira. Para o vereador o surgimento destes serviços que passa a demonstrar a possibilidade de organização de uma rede substitutiva ao Hospital Psiquiátrico no país.

Cido explica que é função dos CAPS II prestar atendimento clínico em regime de atenção diária, evitando assim as internações em hospitais psiquiátricos; promover a inserção social das pessoas com transtornos mentais através de ações intersetoriais; regular a porta de entrada da rede de assistência em saúde mental na sua área de atuação e dar suporte à atenção à saúde mental na rede básica.

“É função, portanto, e por excelência dos CAPS II organizar a rede de atenção às pessoas com transtornos mentais nos municípios. O CAPS II é um articulador  da política de saúde mental num determinado território”, finaliza.

Texto: Assessoria do vereador

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.