Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Transporte e Trânsito

Transporte público: descaso com passageiros

Por | 2/06/2011

lotado

Karen SantiagoPassageiros definem como "lata de sardinha" a situação que enfrentam no transporte da região

Transporte lotado, atraso constante e falta de respeito com os passageiros, principalmente com os idosos, caracteriza o sofrimento diário dos usuários do transporte público na região que usam a expressão “lata de sardinha” para definirem como se sentem dentro dos ônibus e vans.

“Além de nos deixar aqui dentro como lata de sardinha (apertados, sem nenhum espaço), eles não respeitam os idosos. Quando eles (idosos) precisam tomar a condução, os perueiros não fazem questão, deixando os idosos no ponto de ônibus, isso tudo porque eles não pagam condução. Os perueiros (cobrador, motoristas) só autorizam a entrada se alguma pessoa que está na lotação se prontificar a descer”, denunciou Vilma.

Ciente da realidade enfrentada por esses moradores que dependem do transporte, a reportagem do Jornal na Net acompanhou na manhã desta quarta-feira, 01, a rotina desgastante e o sofrimento desses trabalhadores. A demora de pelo menos 40 minutos do ônibus intermunicipal complicou ainda mais a vida dos passageiros que constantemente ficam apertados, muitas vezes, sem local para se segurar, tamanho número de pessoas colocadas dentro dos ônibus e também das vans.

“É sempre assim. Eles dizem que a tendência é melhorar quando aumenta a passagem (condução), mais só piora. Principalmente as lotações que enchem cada vez mais, eles colocam um monte de gente, sem se preocupar que não tem espaço”, desabafou Graziela.

Os passageiros além de enfrentarem todos os dias a demora dos coletivos, a falta de respeito e a super lotação de pessoas, precisam superar a má manutenção dos ônibus e vans que em sua grande maioria, segundo eles, estão em péssimo estado, mas mesmo assim continuam em circulação.

“Às vezes por falta de manutenção os ônibus quebram, causando um grande transtorno para nós, que precisamos descer e esperar o outro coletivo, que já chega abarrotado de pessoas, quase impossível de entrar. Por quebrar mais (o ônibus), optamos em pegar peruas, por ser mais rápido, mas não é bem assim, porque eles ficam parando toda hora para pegar mais passageiros, enchendo cada vez mais a perua ”, reclamou Graziela.

De acordo com os passageiros entrevistados, os ônibus e as vans começam a ficar cheios a partir das 4h até 9h, da manhã e das 16h30 às 21h. ““Esses são os horários mais difíceis. Os passageiros só conseguem fazer a viagem sentados, se pegarem no ponto de partida, porque dois pontos após sair, as vans e ônibus não têm mais lugar. Nos horários de pico, os ônibus / vans passam direito porque já não cabe mais ninguém e somos obrigados a esperar por outro, que esteja mais vazio”, contaram Vilma e Graziela.

A reportagem constatou que o atraso dos ônibus acontece em horários diversos, obrigando os passageiros a esperarem impacientes no ponto. “Já faz um tempo que os ônibus não passam mais no horário previsto, acho que isso está acontecendo devido às obras na Francisco Morato. Chego atrasada todos os dias, no começo minha chefe brigava, mas agora ela já se acostumou. Eu como não tenho escolha, preciso pegar o ônibus, mas se pudesse, sem dúvida optaria pelas peruas”, comentou Ana.

Para amenizar os problemas no transporte intermunicipal os passageiros reivindicam pela melhora nos coletivos, além de novos transportes, porque segundo eles, a população cresce, mas o número de ônibus e vans continua o mesmo, causando um desconforto para quem necessita deste meio de condução para trabalhar.

16/10/2017

Régis Bittencourt registrou 109 acidentes com 27 feridos e uma morte no feriado

A Autopista Régis Bittencourt registrou 109 acidentes, com 29 feridos e uma vítima fatal e mais...

16/10/2017

Transporte de Taboão vai ganhar 20 ônibus zero, frota será mais nova da região

Os usuários do transporte público municipal de Taboão da Serra terão a seu dispor 20 ônibus zero...

11/10/2017

Deputada Analice garante mais um posto do Cartão Bom para Taboão

Depois de cerca de um mês da inauguração dos serviços do cartão BOM, na unidade do Poupatempo...

10/10/2017

Ônibus bate contra poste na Benedito Cesáreo, ninguém se feriu

Um ônibus intermunicipal da viação Pirajuçara colidiu de frente contra um poste na avenida...

06/10/2017

Van escolar de Embu das Artes se envolve em acidente e deixa três feridos

Um acidente envolvendo uma van escolar deixou três pessoas levemente feridas em Embu das Artes...

28/09/2017

Pesquisa revela principais ‘desculpas’ de motoristas de SP

Na Semana Nacional do Trânsito, a Régis Bittencourt/Arteris divulga uma pesquisa sobre o...

22/09/2017

Criação do Plano Municipal de Mobilidade Urbana avança em Taboão

A Secretaria de Transportes e Mobilidade Urbana de Taboão da Serra realizou na quinta-feira, 14...

20/09/2017

Estado tem redução em mortes no trânsito em agosto

O governador Geraldo Alckmin anunciou nesta terça-feira, 19, os dados do Infosiga do mês de...

19/09/2017

Motorista pode pedir a 2ª via da CNH ao Detran.SP pelo celular

Perdeu a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), o documento foi furtado ou roubado ou está em...

18/09/2017

EMTU vai abrir licitação para linhas de ônibus em Taboão, Embu, Itapecerica

O Diário Oficial do Estado publicou na sexta-feira, 15, decreto autorizando a Secretaria de...

18/10/2017

Taboão teve sessão histórica para as mulheres e com aprovação de leis

O grito silencioso das mulheres vítimas de violência ecoou com força e fez da sessão desta...

18/10/2017

Aneel autoriza reajuste nas contas de luz de consumidores do DF, GO e SP

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou hoje (17) reajustes nas contas de luz...

18/10/2017

MPF e MPT recomendam revogação de portaria que muda regras do trabalho escravo

O Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Ministério Público Federal (MPF) recomendaram ao...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.