Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Maruzan critica Conam, fala sobre a crise com a câmara e diz ter consciência tranquila

Por Sandra Pereira | 26/05/2011

maruzan

Arquivo do Jornal na NetMaruzan Corado diz que mostrou aos vereadores que sistema ainda está aberto para baixas de imposto

O jornalista Maruzan Conrado, secretário de Finanças da prefeitura de Taboão da Serra, está no olho do furação da maior crise já registrada nos 52 anos de vida da cidade. Um dos nomes de maior peso no governo do prefeito Evilásio Farias, há quase um mês ele enfrenta um dos maiores desafios de sua vida política: lidar com o descontentamento da câmara municipal de Taboão. Maruzan protagonizou vários embates com os vereadores e agora é um dos alvos que os parlamentares esperam atingir com os trabalhos da Comissão Especial de Inquérito (CEI) criada para apurar a fraude na arrecadação de tributos da prefeitura de Taboão.

Nesta quarta-feira (25) o Jornal na Net entrevistou Maruzan Conrado por telefone. Ele falou sobre a dificuldade de enfrentar a crise com a câmara, teceu críticas severas ao sistema do Conam e afirmou estar com a consciência tranquila.

“Quem me conhece sabe que sempre tratei a administração pública com seriedade. A polícia está fazendo uma verdadeira varredura na prefeitura e o meu nome não aparece citado em nada errado”, defende-se.

Maruzan revelou ao Jornal na Net que ele mesmo mostrou aos vereadores da CEI, durante uma das diligências na prefeitura, que o sistema da Conam é falho e as baixas de tributos ainda podem ser feitas. Para ele o sistema da Conam é baseado unicamente na confiança das pessoas que o operam. O secretário apontou que sempre foi um crítico da Conam, entretanto, a empresa é responsável pelo sistema da prefeitura há tantos anos que a sua mudança acaba sendo inviabilizada.

“Sempre fui crítico da Conam e cobrei mais segurança do sistema. Nós mostramos a CEI como se faz uma baixa no sistema”, revelou.

O secretário explica que uma das formas de acabar com a fragilidade do software seria o sistema não permitir alterações do número de entrada das solicitações até o fim do processo. “Se uma pessoa der entrada num pedido de remoção de árvore, por exemplo, esse processo tem que nascer e morrer com o mesmo número”, completou.

Maruzan esclareceu que a emissão do IPTU é de responsabilidade da secretaria de Habitação, a sua pasta, Finanças, é responsável pelo imposto da Dívida Ativa.  Mesmo sem rebater as constantes declarações dos vereadores apontando que ele teria sido omisso ou até mesmo irresponsável por não ter percebido e dificultado a fraude o secretário disse estar confiante de que ao final das investigações tudo será esclarecido.

Ricardinho

conheci esse cidadao andava de corola 2002 hoje e dono de uma mansao e anda de railux, isso e uma vergonha enquanto ganho OITOCENTOS NA prefeitura cade a policia civil e federal

CDB SEGUROS

A 06 ANOS O NOBRE SECRETÁRIO NÃO ANDAVA DE MONZA E SIM DE COROLLA E OUTRA SE NÃO TEM O QUE FALAR É MELHOR FICAR CALADO,O CARNE NA GAVETA NINGUÉM VER NEEEEEEEEEE

maria ramos

a corrupção se deu na divida ativa que sr maruzan diz ser de sua responsabilidade, como o chefe não confere as finanças, não entendo , não entendo tambem como um sr 6 anos atras andava com um monza velho, morava de aluguel, agora tem uma casona no jardim america de 400.000 e anda de caminhonete importada ganhando 5.800 liquidos, a conta tambem não bate, parece que ele esta cuidando bem das suas finanças ,, receita federal nele psol tambem

27/05/2017

Prefeito Fernando Fernandes e deputada Analice inauguram abrigo municipal

O prefeito Fernando Fernandes e deputada estadual Analice Fernandes inauguraram na quinta-feira,...

25/05/2017

Contas de Taboão estão em dia, mas capacidade financeira está no limite

O vereador José Aparecido Alves, o Cido, elogiou a condução da audiência pública e a atuação do...

24/05/2017

Eduardo Nóbrega comemora aprovação das contas da Câmara de 2013 pelo TCE

O Tribunal de Contas de São Paulo (TCE) aprovou nesta terça-feira, 23, as contas da Câmara...

24/05/2017

Vereadores aprovam estudo sobre vale-transporte e dissídio dos servidores

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram em regime de urgência na sessão desta terça-feira,...

23/05/2017

Juiz mantém decisão que obriga prefeitura a administrar cemitérios de Embu

O juiz da 1ª Vara Judicial da Comarca de Embu das Artes, Rodrigo Aparecido Bueno de Godoy negou...

22/05/2017

Embu é a cidade da região que mais recebe recursos do governo do Estado

Nos primeiros meses de 2017 Embu das Artes vem consolidando sua posição como a cidade da região...

19/05/2017

Lei da deputada Analice Fernandes protege mulher vítima de violência

Lei de autoria da deputada estadual Analice Fernandes de proteção a mulher vítima de violência...

19/05/2017

Comunidade japonesa homenageia Dr. Onishi por vitória na eleição em Taboão

O vereador de Taboão da Serra, Dr. Ronaldo Onishi, foi homenageado com diploma de Honra ao...

18/05/2017

Delação de donos da JBS envolvendo presidente agrava crise política no Brasil

O país amanhece perplexo com mais uma delação de corrupção. Desde vez a denúncia é de que o...

16/05/2017

Vereador afirma que roubos em Embu acontecem pra prejudicar Ney Santos

Os roubos e furtos a equipamentos públicos como creches, Unidades Básicas de Saúde e escolas...

27/05/2017

Prefeito Fernando Fernandes e deputada Analice inauguram abrigo municipal

O prefeito Fernando Fernandes e deputada estadual Analice Fernandes inauguraram na quinta-feira,...

27/05/2017

Atividades marcaram o Dia da Luta Antimanicomial em Taboão da Serra

Durante todo o mês de maio uma equipe de saúde mental da Secretaria de Saúde de Taboão da Serra...

27/05/2017

Alunas da Escola de Moda, Beleza e Estética participam de workshop na Mart’bel

55 alunas do curso de Cabeleireiro da Escola Municipal de Moda, Beleza e Estética de Taboão da...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.