Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Geraldo Cruz propõe que hospitais privados destinem vagas para o SUS

Por Outro autor | 27/03/2011

geraldo1

Mauricío - Comunicaçã&8203;o da ALESPDeputado Geraldo Cruz na Audiência Pública da Saúde

“É preciso unir esforços. A bancada do PT na Alesp continuará defendendo a saúde pública. Da minha parte, pretendo apresentar projeto de lei invertendo a lógica imposta pelo governo do PSDB: proponho que os hospitais privados destinem 25% dos seus leitos para o SUS”. Este foi o compromisso assumido pelo deputado Geraldo Cruz (PT), ao receber, na última quarta-feira (23/3), representantes dos Conselhos Municipais de Saúde de Taboão da Serra, Embu, Itapecerica, Embu-Guaçú, São Lourenço, Carapicuíba, Vargem Grande e Jandira, que protestavam contra a Lei Complementar 1.131, aprovada no final de dezembro.
 
Participaram do encontro também os deputados Marcos Martins (PT), Carlos Giannazi (PSOL) e EnioTatto, líder da bancada do PT, que viabilizou a entrega do abaixo-assinado trazido pelos conselheiros aos líderes dos demais partidos da Casa.
 
O ato teve ainda o apoio das prefeituras da região, representadas pelo secretário municipal de saúde de Taboão da Serra, Alberto Tarifa, e pela secretária-adjunta de saúde de Embu, Maria das Graças de Souza.
 
De iniciativa do governo estadual, a Lei 1.131/10 altera a Lei Complementar 846/98, que regula a atuação das organizações sociais na área da saúde.  A nova redação acaba com a exclusividade do atendimento do SUS nas unidades, permitindo que 25% das vagas sejam destinadas aos pacientes particulares ou usuários de planos de saúde privados.
 
Os participantes relataram que o tempo de espera para atendimento nos hospitais regionais, de responsabilidade do governo estadual, chega a superar um ano, seja por falta de vagas ou mesmo de médicos especialistas, e afirmam que, na prática, a lei reduz em 25% a já insuficiente capacidade de atendimento.
 
“Não estamos discriminando os usuários dos planos de saúde; todas as pessoas têm o direito de serem atendidas pelo SUS. O que questionamos é a transferência das vagas da saúde pública para a privada”, ressaltou Ediginalva Dantas, presidente do Conselho de Saúde de Embu.
 
Seleção cruel
 
Narciso Fávaro, conselheiro de Taboão da Serra, denunciou a crueldade da seleção para o acesso às poucas vagas.  De acordo com ele, todos os óbitos registrados nos pronto-socorros da região em virtude de falta de vagas na UTI foram de pessoas com mais de 65 anos.  “Não há leitos para idosos, e a situação se agravará”, alerta Roberto Santos, do conselho da pessoa idosa de Embu.
 
O deputado Geraldo Cruz, que na década de 1980 participou da mobilização pela construção dos hospitais que atendem seis municípios da região Sudoeste, lembrou que à época a população a ser atendida era de aproximadamente 450 mil habitantes e, atualmente, chega a 1 milhão.
 
Destacando a importância da mobilização social para estimular o Executivo e o Legislativo a defenderem os interesses públicos, sugeriu que o movimento dos Conselhos de Saúde se unisse a outros grupos que também vêm se manifestando contra a referida lei, como as ONGs de defesa dos direitos das pessoas portadoras de HIV, que realizarão ato público em defesa do SUS no próximo dia 7 de abril.
 
Mais oferta e transparência
 
Além da revogação da lei 1.131/10 , o grupo reivindica a ampliação da capacidade de atendimento dos hospitais regionais e a construção de outras unidades, o que implica em ampliação dos investimentos na saúde.
 
“Precisamos de mais recursos, mas precisamos também de transparência na gestão do que já existe”, afirmou Geraldo Cruz, destacando a necessidade de fortalecimento dos conselhos de saúde, sobretudo no que se refere ao acesso às informações dos recursos destinados e geridos pelas unidades. “As prefeituras enviam recursos para o funcionamento dos hospitais regionais, mas ninguém sabe como são utilizados. Não há informações sobre os repasses do governo estadual; não adianta informar apenas os valores gerais, precisamos dos detalhes para evitar desvios”, concluiu.
 
Assessoria de Imprensa

Mauricio Lourenço

Uma pena que o governo de São Paulo não cumpre o mínimo com a saúde pública do Estado, que são 12% do orçamento, com isso, os municípios ficam muito sobrecarregados, pois, são a entrada principal dos cidadãos no sistema de saúde. Regulamentação da imenda 29 já!!!. Mauricio Conselho Municipal de Saúde Taboão da Serra.

Wilson

Gostaria de saber porque meu comentário a respeito da matéria não foi postado. Censura ou panfletagem do PT

26/06/2017

Eleição define as integrantes do Conselho da Mulher de Itapecerica da Serra

Uma eleição geral realizada na tarde dessa segunda-feira (19), no Auditório José David...

25/06/2017

Hugo Prado viabiliza parceria e traz cursos superiores da UniVesp para Embu

O desemprego crescente em Embu e a falta de mão-de-obra qualificada ampliam a necessidade de...

24/06/2017

Audiência Pública na Câmara Municipal debateu investimentos da saúde em Taboão

A Comissão Permanente de Saúde da Câmara Municipal de Taboão da Serra realizou no último dia 14...

24/06/2017

Câmara Municipal de Taboão da Serra aprova LDO em primeira votação

Os vereadores da Câmara Municipal de Taboão da Serra aprovaram na última terça-feira, dia 20,...

23/06/2017

Vereadores de Itapecerica pedem criação de 3º Companhia da PM

A segurança pública vem sendo tema frequente durante as sessões na Câmara Municipal de...

23/06/2017

Deputada Analice busca recurso para projeto Cultural

O prefeito Fernando Fernandes planeja colocar em funcionamento um Centro Cultural, que atenda...

23/06/2017

Analice busca solução para problema de transporte entre Embu e Itapecerica

Prefeitos e vereadores de Embu-Guaçu e de Itapecerica da Serra se uniram à deputada Analice...

23/06/2017

Alckmin participa de mutirão para migração de rádios AM para FM

O governador Geraldo Alckmin participou nesta sexta-feira, 23, junto ao ministro da Ciência,...

20/06/2017

Vereadores de Taboão da Serra aprovam LDO em 1ª votação em sessão movimentada

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram em primeira votação nesta terça-feira, 20, a Lei de...

19/06/2017

Comissão de Finanças da Câmara de Taboão discute LDO 2018

A Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara Municipal de Taboão da Serra realizou na...

27/06/2017

Quentão do Taboão começa na sexta e promete agitar finais de semana

A esperada Arena Multiuso de Taboão da Serra vai ser aberta ao público nesta sexta-feira, 30,...

27/06/2017

Região do INSS e AME Taboão ganha ponto de ônibus, pintura de faixas e semáforo

As imediações do prédio do AME e do INSS em Taboão da Serra, na Estrada de São Francisco,...

26/06/2017

Jovem PM feminina inspira e incentiva sonhos de estudantes em Taboão

Com sorriso aberto, simplicidade, carisma, olhos e rosto bem maquiados a policial militar Sara...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.