Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Embu das Artes avança na proteção de crianças

Por Karen Santiago | 10/02/2011

cam1

Sandra PereiraVereadores aprovam por unanimidade a nova lei

Visando criar metas de geração de políticas públicas para a criança e o adolescente, com ênfase nas áreas social, de saúde, orientação e educação sexual, cultural, educacional e de formação para o trabalho, os vereadores de Embu por unanimidade, votaram a favor, nesta quarta-feira, dia 09, da nova lei que regulamenta as políticas públicas municipais destinadas à criança e ao adolescente.

Segundo o prefeito Chico Brito, em sua justificativa sobre a lei, é dever da administração municipal incentivar a educação de crianças e adolescentes, particularmente os abandonados, os necessitados de recuperação por causa do uso de drogas, e os adolescentes envolvidos com a criminalidade. A nova lei regulamenta os direitos e cria ou moderniza os instrumentos necessários para a proteção e promoção dos jovens embuenses.

O projeto de lei sobre as crianças e adolescentes entrou na pauta da Câmara sem indicação de celeridade, mas os vereadores entenderam que a matéria, pela grande relevância, poderia tramitar de imediato. Após uma breve reunião na Comissão Mista, sob a presidência do vereador Carlos Pires (PDT), foi colocada em regime de urgência.

Reaberta a sessão, a vereadora Ná (PT) elogiou a administração do prefeito Chico Brito pelo envio do projeto. Para ela, “isso é uma demonstração do respeito aos jovens e crianças de nossa cidade”. A vereadora disse que havia a necessidade de uma nova lei sobre o assunto, já que a anterior estava ultrapassada.

O vereador João Leite (PT) elogiou o novo projeto e destacou a presença de muitos adolescentes no plenário da Câmara. “É muito importante a presença destes jovens aqui, e que comecem a participar da vida política da cidade, aprendendo a reivindicar aquilo que vocês têm de direitos.”

O vereador Carlos Pires elogiou a atuação do CMDCA de Embu e destacou a relevância do projeto de lei de proteção à criança. Relatou que existem dezenas de crianças e jovens em estado de abandono em uma área de invasão entre o Parque Esplanada e Jardim das Oliveiras e que o Conselho Tutelar já se colocou à disposição para ir ao local a fim de buscar soluções para o problema.

O vereador Milton do Rancho (PMDB) cumprimentou o novo secretário de Participação Cidadã, Edson Ferreira, um dos responsáveis pelas políticas públicas de atendimento à criança e ao adolescente do município. Disse que ele terá um trabalho árduo ao substituir o antecessor no cargo, Pedro Pontual que foi convidado pela presidenta Dilma Rousseff para trabalhar no governo federal.

O vereador Milton colocou-se “à disposição dos Conselhos Municipal e Tutelar para votar favoravelmente em todos os projetos que sejam do interesse de nossas crianças e adolescentes”, concluiu.

Conheça sobre a Lei

A lei aprovada pelos vereadores dispõe, entre outras medidas, sobre as atribuições do CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente), dos CTs (Conselhos Tutelares) e do FUMCAD (Fundo Municipal para Atendimento dos Direitos da Criança e do Adolescente).


O Conselho Municipal terá 18 membros, sendo metade do poder público e metade da sociedade civil, com mandato de dois anos, sendo prevista reeleição ou indicação consecutiva uma vez por igual período.

Por parte da municipalidade, haverá representantes das secretarias de Participação Cidadã, Assistência Social, Saúde, Educação, Finanças, Assuntos Jurídicos, Esporte e Lazer, Cultura, e um representante da Câmara Municipal.

Da sociedade, haverá um representante da ACISE (Associação Comercial, Industrial e Serviços de Embu), um da OAB (Ordem dos Advogados do Brasi), subsecção de Embu, dois representantes de instituições religiosas que trabalhem com crianças e adolescentes, um representante de associações de bairros e dois representantes de adolescentes do município.

Quanto aos Conselhos Tutelares, os membros deverão ser eleitos diretamente pelo voto popular, tendo cada conselho cinco membros titulares, com mandato, por sua vez, de três anos, sendo permitida uma recondução ou reeleição consecutiva. Os candidatos a conselheiros deverão comprovar pelo menos 2 anos de experiência em trabalho com crianças e adolescentes, ter idoneidade moral e no mínimo 21 anos.

Com informações e colaboração de Márcio Amêndola – Assessor de Imprensa da Câmara Municipal de Embu das Artes.

GILVAN

tem traficante na favela jd do colegio aliciando menores o que vão fazer

24/05/2017

Eduardo Nóbrega comemora aprovação das contas da Câmara de 2013 pelo TCE

O Tribunal de Contas de São Paulo (TCE) aprovou nesta terça-feira, 23, as contas da Câmara...

24/05/2017

Vereadores aprovam estudo sobre vale-transporte e dissídio dos servidores

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram em regime de urgência na sessão desta terça-feira,...

23/05/2017

Juiz mantém decisão que obriga prefeitura a administrar cemitérios de Embu

O juiz da 1ª Vara Judicial da Comarca de Embu das Artes, Rodrigo Aparecido Bueno de Godoy negou...

22/05/2017

Embu é a cidade da região que mais recebe recursos do governo do Estado

Nos primeiros meses de 2017 Embu das Artes vem consolidando sua posição como a cidade da região...

19/05/2017

Lei da deputada Analice Fernandes protege mulher vítima de violência

Lei de autoria da deputada estadual Analice Fernandes de proteção a mulher vítima de violência...

19/05/2017

Comunidade japonesa homenageia Dr. Onishi por vitória na eleição em Taboão

O vereador de Taboão da Serra, Dr. Ronaldo Onishi, foi homenageado com diploma de Honra ao...

18/05/2017

Delação de donos da JBS envolvendo presidente agrava crise política no Brasil

O país amanhece perplexo com mais uma delação de corrupção. Desde vez a denúncia é de que o...

16/05/2017

Vereador afirma que roubos em Embu acontecem pra prejudicar Ney Santos

Os roubos e furtos a equipamentos públicos como creches, Unidades Básicas de Saúde e escolas...

16/05/2017

Escola do Legislativo de Taboão ganha sala de aula para ministrar cursos

A Câmara Municipal de Taboão da Serra viveu uma noite histórica, nesta segunda-feira, 15,...

13/05/2017

Câmara de Taboão aprova lei que amplia licença maternidade para 180 dias

A Câmara Municipal de Taboão da Serra aprovou por unanimidade de votos, na sessão do dia 9, o...

24/05/2017

Começa a obra de reconstrução do muro da Escola Estadual Antônio Ruy Cardoso

Após aprovada por unanimidade na Câmera de Vereadores, a reconstrução do muro da Escola Estadual...

24/05/2017

Vereadores cobram Bombeiros sobre AVCB do Pátio de Embu das Artes

Vereadores de Embu das Artes aprovaram durante a última sessão Legislativa um ofício ao Corpo de...

24/05/2017

Eduardo Nóbrega comemora aprovação das contas da Câmara de 2013 pelo TCE

O Tribunal de Contas de São Paulo (TCE) aprovou nesta terça-feira, 23, as contas da Câmara...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.