Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Educação

Secretário de Educação recebe da comissão proposta inicial de revisão do Estatuto

Por Prefeitura Municipal de Taboão da Serra | 30/10/2009

secretario_de_educa_350.jpg

Educadores entregam proposta inicial ao secretário Said.

Após 20 anos, Estatuto do Magistério passa por revisão. O documento será discutido por toda rede municipal de ensino.

 A Comissão Especial de Estudos sobre o Estatuto do Magistério Público Municipal entregou ao secretário de Educação Said Jorge de Moraes, no último dia 28,  uma proposta inicial de revisão do Estatuto e Plano de Carreira e Remuneração do Magistério Público Municipal de Taboão da Serra.

Essa comissão foi constituída pela  Prefeitura de Taboão da Serra, através da Secretaria de Educação, há cerca de três meses. Nesse período o grupo discutiu  propostas destinadas à adequação, atualização e modernização do atual Estatuto, tendo em vista a melhor qualidade da educação pública municipal. Esse documento inicial será encaminhado, discutido e analisado por toda a rede municipal de ensino.

O atual Estatuto do Magistério - Lei número 769/86 - já tem mais de 20 anos. Foi criado numa época em que a educação municipal de Taboão da Serra contava somente com EMIs, PACs, a escola Amor Perfeito e a EMSG Rui Barbosa. Hoje a rede educacional da Prefeitura conta com 32000 alunos,  22 escolas de ensino fundamental, 24 escolas de educação infantil, 16 PACs e 1.140 professores. Nesse período o estatuto sofreu poucas modificações com base em leis complementares como as de número 32/97 e 35/98.   

Ao entregar ao secretário Said Jorge a  proposta inicial de revisão do Estatuto e Plano de Carreira e Remuneração do Magistério Público Municipal de Taboão da Serra, o grupo de educadores se emocionou. “Estou muito feliz em participar dessa comissão e gostaria de salientar a importância desse estudo ter sido realizado  pelos próprios educadores da rede municipal de ensino”, falou o professor Artur Ribeiro dos Santos, da Emef Oscar Ramos Arantes.

A proposta de revisão do Estatuto do Magistério Municipal levará  em consideração todas às diretrizes e normas nacionais, muitas delas criadas nesses últimos 20 anos, como a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB Lei nº 9.394/96); Lei que institui o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação-Fundeb (Lei 11.494); Lei que regulamenta o piso  salarial profissional nacional para os profissionais do magistério público da educação básica (Lei do Piso 11.738); e a Resolução CNE/CEB nº 2, de 28/05/2009, que estabelece as Diretrizes Nacionais da Carreira  e Remuneração do Magistério.   

“Vou dedicar muito empenho para defender esse plano, pois como educador sei da importância dessa revisão. Ela  garantirá a valorização dos professores ao longo de toda a sua carreira, reconhecendo os esforços de aperfeiçoamento, o tempo de serviço e o desempenho dos profissionais. Esta é uma meta  do prefeito Dr. Evilásio Farias”, salientou Said, que  lembrou emocionado sua participação na elaboração  do primeiro estatuto, há mais de vinte anos. Taboão da Serra foi pioneiro na região a adotar a iniciativa.

Comissão:
A Comissão Especial de Estudos sobre o Estatuto do Magistério Público Municipal  foi  formada por um grupo de nove pessoas, sendo quatro representantes dos professores,  dois representantes dos diretores, todos escolhidos pelos seus pares e três representantes da Secretaria de Educação.  Entre eles os educadores: Artur Ribeiro dos Santos, Cláudia Araújo, Renata Patrícia Santos, Roberto Sales Figueiredo, Maria Ozélia  Moreira, Maria Roseli Andrade e Valéria Porto. Teve apoio técnico de Maria Aparecida da Silva e  foi coordenada por Marta  de Betânia Juliano e Maria Inês Alvarenga.

13/12/2017

Aluno da EMEF Cecília Meireles vence concurso de soletração em inglês

No dia 30 de novembro, a Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia de T

12/12/2017

Enem para presos e segunda aplicação começam hoje

Cerca de 32 mil pessoas privadas de liberdade farão hoje (12) e amanhã (13) as provas do Exame...

12/12/2017

Alunos da rede Estadual terão material pedagógico em aplicativo

A liberação do uso de telefone celular em sala de aula para fins pedagógicos foi autorizada em...

10/12/2017

Deputada Analice leva Projeto Guri para Embu das Artes

Um grupo de 150 crianças e adolescentes estão frequentando aulas de iniciação musical e de...

08/12/2017

500 alunos se formam pela Escola Municipal de Gastronomia

A qualificação profissional é o melhor caminho, em um momento de crise econômica nacional, para...

06/12/2017

Etec de Taboão e Embu recebem inscrições para vestibulinho até o dia 13 dezembro

Os estudantes interessados em prestar o vestibulinho da Etec de Embu das Artes e Taboão da Serra...

06/12/2017

Vestibular Fatec: inscrições terminam na quinta-feira (7)

Quem quiser participar do processo seletivo das Faculdades de Tecnologia (Fatecs) do Estado de...

06/12/2017

Alunos conquistaram 400 medalhas em Olimpíada Brasileira

Os alunos das EMEFs Profª Ester Cordeiro de Souza, Machado de Assis, Profª Dalva Barbosa Lima...

05/12/2017

Governo promete conscientização contra bullying nas escolas de Taboão

Há quase um mês pelo menos 70 alunas da rede pública estadual de ensino de Taboão da Serra vivem...

13/12/2017

Ney Santos reajusta bolsa da Frente de Trabalho de R$ 350 para R$ 1.000,00

A partir de janeiro de 2018 os integrantes da Frente de Trabalho de Embu das Artes vão receber...

13/12/2017

Alckmin libera R$ 923 mil a Itapecerica para ações de segurança no trânsito

Em cerimônia no Palácio dos Bandeirantes, o governador Geraldo Alckmin autorizou 36 municípios a...

13/12/2017

Estatuto da GCM foi apresentado e discutido na Câmara e votação foi marcada

O Plano de Cargo e Carreira da Guarda Civil Municipal de Taboão da Serra foi apresentado e...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.