Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Variedades

Verão começa nesta sexta; tire dúvidas e se prepare para a estação

Por Outro autor | 21/12/2018

DivulgaçãoEstação deve ter temperaturas acima da média histórica por causa do fenômeno El Niño.

Apesar das temperaturas recordes registradas nesta semana em diversas partes do país, o verão só começa na sexta-feira (21), às 20h22 (horário de Brasília). Abaixo, há perguntas e respostas básicas para quem está preocupado sobre como será a estação e como curtir com segurança.

O calor intenso deve continuar?
Quais os riscos de tomar muito sol?
Qual o principal cuidado na hora dos exercícios?
Quais alimentos combinam com o calor?

Veja as respostas abaixo:

1) O calor intenso deve continuar?
De acordo com a previsão do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), os próximos três meses devem ser de temperaturas acima da média histórica no Brasil.

Previsão do tempo na sua cidade
A estação será influenciada pelo El Niño. Isso significa chuvas acima da média na maior parte da região Norte, com exceção do Amazonas; em grande parte do Centro-Oeste (exceto no sul do MS); e em grande parte do Sudeste, com exceção do Rio. Também haverá chuvas acima da média em alguns estados do Nordeste: na Bahia, litoral de Alagoas até o Rio Grande do Norte, além do sul do Piauí e do Maranhão.

Com os dias mais quentes e as mudanças no regime de chuvas previstos pelo Inpe, é preciso tomar alguns cuidados específicos nesta estação do ano — que deve durar até 20 de março de 2019, segundo dados do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da USP.

2) Quais os riscos de tomar muito sol?
O oncologista Rodrigo Munhoz, diretor da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (Sboc), explica que a exposição excessiva ao sol é perigosa e seus efeitos são cumulativos. "Lá na frente é que vai gerar o resultado", explica Munhoz.

Estimativas do Instituto Nacional de Câncer (Inca) apontam cerca de 170 mil novos casos de câncer de pele no Brasil em 2018. O número representa em torno de 30% dos casos de câncer no país. A maioria é do tipo não melanoma, o menos grave.

3) Qual o principal cuidado na hora dos exercícios?
A regra de ouro é manter o corpo hidratado, explicam os especialistas. "O mais importante é a hidratação — porque, se você faz um exercício extenuante, pode aquecer demais e faltar oxigênio para os músculos. E isso produz uma destruição dos músculos chamada rabdomiólise. Pode faltar oxigênio inclusive no fígado, produzindo uma hepatite grave", explica Kléber Luz, da UFRN.

Em caso de sintomas do chamado "heatstroke", ou "infarto pelo calor" — como confusão mental, irritabilidade ou letargia, o essencial é esfriar o corpo.

"Beber muito líquido, água, até mesmo esses repositores de eletrólitos. Vale água de coco. E tentar ajudar o corpo a esfriar, tomando vento. Quem tem tontura e vômito tem que ir no hospital fazer o tratamento, que às vezes é soro fisiológico gelado na veia, diz Ana Escobar, da USP.

Fonte: G1

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.