Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Eduardo Nóbrega é cobrado por vereadores após episódios de agressão em Taboão

Por Sandra Pereira | 16/10/2018

Nobrega

Divulgação - Site da Câmara de TaboãoA agressividade do vereador Eduardo Nóbrega e do seu grupo político, até mesmo de familiares foi debatida, criticada e lamentada publicamente por vários vereadores. 

O desdobramento das ações protagonizadas pelo vereador Eduardo Nóbrega mancharam a sessão desta terça-feira, 16, da Câmara Municipal de Taboão da Serra, transformando o parlamento num verdadeiro campo de batalha. A agressividade do vereador e do seu grupo político, até mesmo de familiares foi debatida, criticada e lamentada publicamente por vários vereadores. Houve até um pedido de sessão secreta para discutir a conduta. Até um mês antes da eleição, o vereador Eduardo Nóbrega era o que mais tinha espaço no governo municipal. Sem contar o fato da prefeitura bancar o funcionamento do time dirigido pelo irmão dele, Anderson Nóbrega, secretário de Esportes de Embu. Em sua defesa, Nóbrega alegou ter cometido equívocos, disse ter refletido sobre sua conduta e chegou a sinalizar mudança de comportamento.

“Quero me direcionar exclusivamente ao vereador Eduardo Nóbrega. Vereador, vossa excelência é responsável por aqueles que lidera. O senhor errou, erra e continua errando nos seus posicionamentos, quando extrapola todos os limites da democracia. Quando com frequência faz uso desses expedientes. Infelizmente, o senhor é um desagregador, a sua conduta política é até desleal. Está em um projeto suicida...”, disparou em tribuna o vereador Ronaldo Onishi, um dos que cobrou Nóbrega.

A classe política de Taboão da Serra sabe: desde que o vereador Eduardo Nóbrega deixou a base governista, ele começou uma verdadeira cruzada, sob o pretexto de querer melhorias para a cidade. De forma previsível, usando o mais clássico e desgastado expediente da política, Eduardo Nóbrega anda às voltas com um pedido CPI contra o governo. Fez igual, antes da eleição municipal de 2016, quando conseguiu a abertura de uma CPI contra a cooperativa dirigida pelo agora deputado estadual José Aprígio.

Quem acompanha as sessões da Câmara de Taboão já notou há pelo menos quatro semanas, que o vereador Eduardo Nóbrega dá sinais de que se perdeu politicamente. Ainda que não tenha consciência, ele inaugurou um expediente que modificou os trabalhos do legislativo, ao uniformizar e levar até a Casa de Leis uma plateia de “defensoras”. Na sessão seguinte, o governo reagiu e também montou seu time de defesa. As sessões seguintes aconteceram dentro desse ambiente de hostilidade. Na semana passada, o plenário precisou ser esvaziado após um tumultuo que poderia ter acabado em vias de fato.

O vereador Marcos Paulo, o Paulinho, sugeriu de tribuna que o vereador Eduardo Nóbrega faça uma reflexão junto com a sua família. Paulinho lembrou que a sua família também foi atacada por causa das ações iniciadas por Eduardo Nóbrega. Lembrou que na ocasião reclamou do fato de tribuna, afirmou que não aceitou e nem aceitará essa conduta e desejou o fim da “lavagem de roupa suja”.

“Cabe uma reflexão com a sua família vereador Eduardo Nóbrega. Que vossa excelência possa refletir e mudar definitivamente a sua conduta... Está sendo muito claro aqui, o problema não é com o B.I (Bloco Independente), não é com a oposição, é com vossa excelência, vereador Eduardo Nóbrega. Ninguém está reclamando da conduta da a vereadora Érica Franquini, vereador Carlinhos do Leme, do vereador André, do vereador Alex Bodinho. Estamos aqui reclamando da conduta política de vossa excelência. Vossa excelência é responsável pelos seus liderados. Taboão da Serra não é um campo de batalha”, observou Marcos Paulo.

Numa tentativa frágil de mea-culpa, Eduardo Nóbrega avaliou que pode ter cometido erro. Logo depois, tentou diminuir os atos de que foi cobrado, em seguida negou responsabilidade sobre os episódios de ataques reclamados na sessão. Ele disse ser um vereador como qualquer outro, com acertos e erros.

“Eu entendo as coisas. Fui chamado a atenção da forma em que cobro as coisas. Disse as vossas excelências que não veriam isso novamente. Que isso não vire um conceito formado. Naquilo que me equivoquei assumo os erros e as consequências... Se houve membros da minha família ofendendo pessoas ai eles tem que responder. Cada um é responsável por si”, completou.

A sessão caminhava para o encerramento quando o secretário de Esportes de Embu, Anderson Nóbrega e o pai dele chegaram à Câmara de Taboão. Houve nova confusão, tumultuo e por muito pouco não aconteceu um novo episódio de agressão física nos corredores da Câmara. O irmão do vereador foi segurado por dois homens, quando “foi para cima da vereadora Joice Silva, presidente da Câmara de Taboão”.

No meio político, todo mundo sabe que o "nervosismo" dos Nóbregas está diretamente relacionado a perda da Secretaria de Planejamento e dos generosos espaços políticos na administração. 

11/11/2018

TC rejeita contas de 2015 da Câmara de Embu na gestão Ney Santos; Cabe recurso

A 2ª Câmara do Tribunal de Contas de São Paulo julgou irregulares as contas de 2015, da Câmara...

09/11/2018

Dr. Ronaldo Onishi é finalista do Prêmio Paulista de Boas Práticas Legislativas

Taboão da Serra está entre os três municípios finalistas no prêmio Paulista de Boas Práticas...

07/11/2018

Câmara de Taboão adia eleição para escolher próximo presidente do Legislativo

Os vereadores da Câmara Municipal de Taboão da Serra adiaram a votação que iria acontecer na...

05/11/2018

Câmara de Taboão decidirá próximo presidente do legislativo nesta terça-feria, 6

A Câmara Municipal de Taboão decidirá quem será seu próximo presidente nesta terça-feira, dia 6....

31/10/2018

Ney Santos fala sobre fim da taxa do lixo em Embu e diz que disputará reeleição

Após percorrer os quatro cantos da cidade na campanha da irmã Ely e do aliado Hugo Prado, o...

31/10/2018

Sandra Pereira é a nova secretária de Habitação de Taboão da Serra

O prefeito Fernando Fernandes empossou nesta quarta-feira, 31, Sandra Pereira como a nova...

29/10/2018

Eleitores têm até 60 dias para justificar ausência nas urnas

28/10/2018

Jair Messias Bolsonaro é eleito o 38º presidente do Brasil

Como vinham desenhando as pesquisas eleitorais, Jair Bolsonaro, do PSL, venceu Fernando Haddad,...

28/10/2018

João Dória se elege governador de SP; veja como votou Embu, Taboão e Itapecerica

João Dória é novo governador de São Paulo. Com 51,75 dos votos válidos, o candidato do PSDB...

26/10/2018

Propaganda eleitoral gratuita termina nesta sexta-feira

 A propaganda eleitoral gratuita veiculada na televisão e no rádio termina nesta sexta-feira...

12/11/2018

Moradora do Pirajuçara que estava desaparecida foi encontrada na região do Brás

Amanda Bispo de Oliveira, de 22 anos, moradora do Pirajuçara, em Taboão da Serra, que estava...

12/11/2018

Estação São Paulo-Morumbi começa a funcionar em horário integral

A Estação São Paulo-Morumbi, a mais próxima do município de Taboão até o momento, começou a...

11/11/2018

Taboão registra dois incêndios de grandes proporções em menos de 24 horas

A cidade de Taboão da Serra registrou dois grandes incêndios em menos de 24 horas entre a noite...

ingle

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.