Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Educação

Alunos do ensino fundamental 1 poderão participar pela primeira vez das Olimpíadas de Matemática

Por Outro autor | 17/09/2018

educacao

Divulgação

O Instituto de Matemática Pura e Aplicada (Impa) anunciou, na terça-feira (11), que vai ampliar o público da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep) para incluir os alunos do 4º e do 5º ano fo ensino fundamental. As inscrições para esse público, que entram na chamada Obmep Nível A, já estão abertas.

Para participar, as secretarias municipais e estaduais precisam fazer a inscrição no site da Obmep até 10 de outubro. A participação é gratuita e a prova será aplicada em 30 de outubro. 

Em entrevista à imprensa na manhã desta terça, Marcelo Viana, diretor-geral do Impa, afirmou que a ideia de estender a Obmep aos alunos do fundamental 1 é antiga e um dos objetivos é manter o interesse das crianças na disciplina.

"Gradualmente, o interesse que a criança tem pela matemática quando é bem pequenininha vai sendo perdido ao longo dos anos. Acreditamos que a olimpíada tem a possiblidade de combater esse efeito e manter na criança aquele gosto natural pela matemática", afirmou Viana.

Até agora, a Obmep era aberta apenas para estudantes a partir do 6º ano do fundamental, até o último ano do ensino médio.

Esses alunos são divididos em três níveis de competição, de acordo com o nível escolar:

  • Nível 1: alunos do 6º e 7º ano do ensino fundamental 2
  • Nível 2: alunos do 8º e 9º ano do ensino fundamental 2
  • Nível 3: alunos do 1º, 2º ou 3º ano do ensino médio

A partir deste ano, agora a Obmep também acontece no Nível A, voltado para o ensino fundamental 1.

Mas, ao contrário das demais categorias, a Obmep Nível A só contará com uma fase e será aplicada exclusivamente em escolas públicas. O Impa ficará responsável pela elaboração das provas e do gabarito, e as secretarias farão a aplicação e correção das provas, que serão compostas de 20 questões objetivas com cinco alternativas cada uma.

De acordo com o Impa, a decisão de aplicar a Obmep Nível A para todo o país foi tomada após um projeto-piloto testado no município de Nova Iguaçu (RJ), em 30 de agosto, com mais de 16 mil estudantes. "Foi uma experiência bem sucedida", afirmou Claudio Landim, diretor-adjunto do Impa.

 

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.