Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Pré-candidatura de Aprígio a deputado estadual é oficializada em Taboão da Serra

Por Da Redação do Jornal na Net | 20/06/2018

aprigio

Reprodução / FacebookAprígio lançou, no último sábado, a sua pré-candidatura a deputado estadual pelo Podemos . 

Em evento realizado no Sindicato dos Metalúrgicos de Osasco e Região em Taboão da Serra, o ex-vereador Aprígio lançou, no último sábado (16), a sua pré-candidatura a deputado estadual pelo Podemos.

Marcaram presença no evento a deputada federal Renata Abreu, o vereador André Maestri, de Embu das Artes, o vereador professor Moreira, de Taboão e lideranças políticas da região, que fizeram questão de prestigiar Aprígio.

Aprígio diz ter como prioridades em suas propostas a saúde, educação e segurança, que, segundo ele, está precário em Taboão. “Uma coisa que eu vou fiscalizar muito são as merendas das escolas, a saúde, educação, moradia e transporte. Tem muitas coisas, mas principalmente essas”, ele diz e completa: “Como deputado vou poder defender vocês no Estado de São Paulo, em Taboão e toda região, vamos trabalhar para melhorar a vida de vocês”.

Apesar da confirmação de presença, o pré-candidato a senador em São Paulo Mário Covas Neto e o presidenciável Álvaro Dias não apareceram ao evento, porém enviaram vídeo afirmando apoio a Aprígio.

A presidente nacional do Podemos, Renata Abreu, revelou estar feliz por Aprígio fazer parte do partido e, segundo ela, a chance do ex-vereador se tornar deputado estadual é grande. “Para mim foi um presente ter ele no partido. O nosso partido na última eleição elegeu um deputado estadual com 32 mil votos e a chance do Aprígio se eleger a deputado estadual é enorme”, ela afirma.

Reprodução / Facebook

Caso seja eleito, Aprígio prometeu, em discurso, ser mais contundente nas cobranças ao governador do estado. Ele acredita que uma mudança é necessária devido à carência em setores como saúde, educação, segurança, transporte e moradia.

As eleições acontecem no mês de outubro deste ano em todo o Brasil. Os eleitores devem ir as urnas para eleger eleger presidente da República, governadores dos estados, dois terços do Senado Federal, deputados federais e deputados estaduais ou distritais.

 

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.