Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Meio Ambiente

Plano de Saneamento terá conclusão da Conferência em 2011

Por Prefeitura Municipal de Taboão da Serra | 16/12/2010

saneamento_1

Marcelo ValladãoConferência Final será retomada no dia 05 de fevereiro de 2011 para conclusão dos trabalhos

A Prefeitura de Taboão da Serra, por meio da Secretaria de Obras, Infraestrutura e Serviços Urbanos promoveu no dia 04 de dezembro, no auditório da Secretaria de Educação, a primeira parte da Conferência sobre o Plano Municipal de Saneamento Básico.

O encontro contou com a participação dos técnicos da prefeitura, Sabesp, atual concessionária da cidade e de consultores da empresa Geométrica, que está auxiliando o governo municipal neste trabalho.

A participação da comunidade se deu através dos delegados eleitos nas pré-conferências e foi elogiada pelo secretário de Obras e Infraestrutura, Ricardo Rezende. “Tem sido muito boa a participação da comunidade. Eles estão correspondendo às nossas expectativas, apesar desse ser um assunto novo para todos”, destacou o secretário de Obras, Ricardo Rezende.

Nesta primeira Conferência Final, os delegados que participaram votaram propostas para a elaboração do plano,  definindo assim, as diretrizes e a política que vão orientar o tratamento do esgoto,  do lixo (resíduos sólidos), da água e da drenagem do município.

Para o prefeito de Taboão da Serra, Dr. Evilásio Farias, o Plano Municipal de Saneamento irá deterninar avanços na qualidade de vida da população. “Nós queremos ouvir a população sobre a atual situação do município nesta área e por isso, vamos elaborar em conjunto esse plano para que possamos avançar, cada vez mais, com o objetivo de melhorar a vida das pessoas”, afirma o prefeito.

As questões levantadas nos encontros e durante a Conferência Final foram devidamente documentadas e farão parte do documento final. No dia 4 já foram discutidos os temas do tratamento do esgoto e do fornecimento e tratamento de água. A Sabesp apresentou um plano de investimento, projetando para 2018, a totalidade do tratamento do esgoto coletado, prazo que foi questionado e encurtado para 2014 pelos delegados presentes.

Outra proposta da conferência foi reduzir para dois anos o prazo de revisão do Plano Municipal de Abastecimento de Água e Esgotamento Sanitário – PMAE, estimado em quatro anos nas pré-conferências.

Além dos delegados participaram do encontro a vice-prefeita e secretária de Cultura, Professora Márcia Regina, os secretários Ricardo Rezende, de Obras e Infraestrutura, Jacira Moretti, de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda, José Marco dos Santos, de Educação Ciência e Tecnologia, e de governo, Ronaldo Dias, e o vereador Alexandre Depieri.

Texto e Foto: Marcelo Valladão

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.