Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Variedades

Trabalho em conjunto com empresas auxilia na geração de empregos em Embu

Por Assessoria de Imprensa | 10/04/2018

PAT

A Prefeitura de Embu das Artes, por meio da Secretaria de Planejamento, Meio Ambiente, Trabalho e Emprego, promoveu nos dias 3 e 4/4 mais um processo seletivo pelo Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) para empresa de outlet que se instalará na cidade.

Nestes dias, o PAT recebeu a gerente de Recursos Humanos Silvana Luta da empresa de outlet que realizou todos os processos seletivos do quadro de pessoas com o perfil para compor a equipe e fazerem parte da empresa.

Ao todo, mais de 250 pessoas foram entrevistadas para as vagas. Silvana destacou o atendimento do PAT, quanto a receber bem as empresas, e selecionar candidatos dentro do perfil que as empresas necessitam.

Desde o início do ano, membros do governo têm visitado as empresas e realizado reuniões para novas instalações de empresas na cidade e região. O objetivo é fortalecer o desenvolvimento econômico, social e ampliar o campo de trabalho para os munícipes.

O PAT

Desde do início do ano, o PAT realizou aproximadamente 2 mil intermediações de mão-de-obra, encaminhou mais de 90 pessoas a processos de seleção, e mais de 40 foram recolocadas no mercado de trabalho.

O PAT possui atualmente aproximadamente 10 mil cadastrados com diferentes experiências e promove, em conjunto com os indicadores educacionais e sociais, a qualificação profissional para aproximar experiências da capacitação.

O número de empresas cadastradas no PAT de Embu totaliza 438, que buscam o trabalho do PAT para contemplar as necessidades de RH das empresas. “Esse esforço pelo trabalhador da cidade só é possível graças as empresas que acreditam no potencial econômico da cidade” destacou o secretário da pasta, Paulo Vicente dos Reis.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.