Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Pré-candidatos da região trocam partido para disputar eleição de deputado

Por Sandra Pereira | 8/04/2018

aprigio_horz

Assessoria de Aprígio/Jornal na NetAs duas filiações mais comentadas na última semana foram as de Aprígio no Podemos e Lune no PSB

As últimas semanas foram marcadas pelas filiações partidárias com vistas à eleição de outubro, quando os brasileiros vão às urnas eleger presidente, senadores, governadores, além dos deputados federal e estadual. Em Taboão da Serra, as duas filiações mais comentadas foram a do ex-vereador e ex-candidato a prefeito, José Aprígio, o Aprígio, no Podemos, e do ex-deputado, ex-vereador e ex-candidato a vice-prefeito, Luiz Lune, no PSB. Aprígio vai disputar a eleição de deputado estadual. Lune vai disputar a eleição de deputado federal.

Aprígio e Lune disputaram juntos, como candidatos a prefeito e vice a eleição de 2016 em Taboão, ficando em segundo lugar. Aprígio estava no PSD e migrou ao recém-criado Podemos. Antes de decidir onde se filiaria ele manteve conversas com PRB, PSB, PSC, PR, PDT, PROS, PEN, DEM, MDB e o Podemos, onde ficou por acreditar que a linha de corte do partido será de 50 mil votos.

“O Podemos foi o partido que mais evoluiu no cenário político saltou de quatro deputados federais para 22, e seis senadores. Se tornando a quarta força política nacional”, disse Aprígio.

Lune trocou o Pc do B pelo PSB. A filiação de Lune aconteceu com as bênçãos do ex-prefeito e ex-deputado federal Evilásio Farias, que mesmo sem poder disputar eleição, volta ao cenário político de mãos dadas com agora governador de São Paulo, Márcio França.

Ainda não ficou claro o impacto que as novas filiações terão na aliança entre Aprígio e Lune. É certo que ambas as candidaturas nascem com o intuito de movimentar o cenário político em 2020. Em todos os lados as avaliações dão conta que ambos pretendem constatar quem consegue mais votos em Taboão.

De acordo com o site Taboão em Foco, Aprígio se filiou ao Podemos há pouco mais de um mês, com a esposa, a ex-vereadora Luzia Aprígio. Os dois mantiveram a filiação sob sigilo até que se findou o prazo estabelecido na legislação para que os candidatos ao pleito de outubro se filiassem.

Entre os que almejam conquistar cadeira de deputado federal em Taboão da Serra também estão o presidente do Cats, Anderson Nóbrega, (PR), que imediatamente após a desistência de Léo Novais lançou seu nome na disputa e o advogado e empresário Waldemar Lima recém filiado ao PRTB.

Em Embu das Artes a irmã do prefeito Ney Santos, Eliane Santos, agora Ely Santos, disputará a eleição de deputada federal pelo PRB. Ela fará dobrada com o presidente da Câmara, vereador Hugo Prado. O prefeito Ney Santos está pessoalmente empenhado em eleger os dois deputados da cidade e está reunindo aliados de toda a região com esse objetivo. Já se sabe que em Taboão ela fará dobrada com Aprígio.

Também no Embu, o ex-vice-prefeito e ex-vereador Natanael Carvalho, o Natinha, também pretende disputar uma cadeira na Câmara dos Deputados.

Em Itapecerica da Serra, o ex-prefeito e ex-vereador Amarildo Gonçalves, o Chuvisco, também vai disputar eleição de deputado estadual. Ele está trabalhando firme e quer conquistar os votos de pelo menos metade dos itapecericanos.

 

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.