Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

 Moradores de Itapecerica foram às ruas pedir justiça para adolescente de 14 anos assassinada dentro de casa

Por Sandra Pereira | 25/03/2018

clara

Fernando Campos - Falando Francamente News Caminhada pediu Justiça  para adolescente assassinada dentro de casa e paz para Itapecerica

Em clima de absoluta comoção familiares, amigos,vizinhos e colegas de escola da adolescente de 14 anos brutalmente assassinada por um fugitivo da prisão, drogado, que invadiu a sua casa, no Jardim do Carmo, em Itapecerica, realizaram uma caminhada pedindo paz, Justiça e em homenagem a adolescente, neste domingo, 25, no Jardim Jacira e do Carmo. Nas ruas onde a caminhada passou os moradores apoiaram e se solidarizam com a tragédia que abateu a família da menina. O jardim do Carmo é uma comunidade carente, onde a violência até faz parte da vida da população, mas a brutalidade do crime chocou e provocou uma forte comoção. Veja imagens aqui.

O grupo com mais de 300 pessoas se concentrou na praça central do Jacira. A maioria estava vestida de branco e levava bexigas brancas. A caminhada saiu da igreja católica, seguiu pela Rodovia José Simões Louro Júnior e antes de entrar no bairro da Clara o grupo fechou a via pedindo justiça. Já no jardim do Carmo caminharam pela rua Jerusalém até a rua Mário Relles. O ato foi organizado pela própria comunidade e não teve a participação de políticos da cidade.


"Foi um ato emocionante com pessoas de todas as idades, pais, filhos, alunos, educadores. Tinha muita gente que não conhecia a Clara mas estava sensibilizada. Foi um ato marcante pela emoção de todos os presentes", resumiu Fernando Campos Balboa do canal do Facebook Falando Francamente News.


Nesta segunda-feira, 26, colegas de escola de Clara planejam realizar um ato em frente à escola Antônio Florêncio onde a menina estudava. O irmão dela, que foi estrangulado pelo assassino e sobreviveu está bem apesar de todo o trauma que sofreu.

A mãe da adolescente passou na caminhada e agradeceu aos amigos e familiares pelo apoio e a força que estão sendo essenciais a ela neste momento de absoluta dor e pesar. Ela contou ao Jornal na Net que a sua filha era uma menina atenciosa, bondosa e extremamente companheira, uma verdadeira amiga de todas as hora.

 Ainda sem acreditar ou entender as razões que levaram estranho a invadir a sua casa e assassinar brutalmente a sua filha, a mulher agradece a Deus o livramento recebido pelo seu filho de apenas sete anos, que sobreviveu a tentativa de estrangulamento praticada pelo fugitivo que invadiu a casa da família enquanto ela trabalhava.

A mãe de uma amiga da adolescente leu uma homenagem e pediu a punição exemplar do assassino da menina.

A estudante Lívia Grimes, amiga da garota gritou em alto tom para os participantes do ato: "Porque estamos aqui?”, ao que todos responderam: "Pela Clara". Ela Perguntou novamente: "Porque caminhamos?", recebeu como resposta: “Pela Clara".

Depois da emocionante homenagem a todos os participantes do ato se uniram para orar o Pai Nosso.

Relembre a tragédia:

 Na última quinta-feira, 22, a adolescente de 14 anos, Clara, moradora do jardim do Carmo, em Itapecerica da Serra, foi brutalmente assassinada com vários golpes de faca no pescoço por um vizinho usuário de drogas, fugitivo da cadeia, que invadiu a casa deles. Além de assassinar a adolescente, o homem identificado como Rogério Torres da Silva, estrangulou o irmão da adolescente, de apenas 7 anos. De acordo com a polícia, o menino só ficou vivo porque desmaiou. A criança acordou depois, toda ensanguentada ao lado da irmã assassinada pelo vizinho drogado que estava fugido da prisão. A adolescente assassinada estudava na escola Antônio Florentino e foi sepultada no cemitério Cerejeiras.

O criminoso ainda roubou o celular da adolescente. Ele foi preso depois de uma ampla investigação feita pela equipe do 1º Distrito Policial de Itapecerica. O assassino foi preso e levado para o 1º DP onde confessou o crime e revelou que já entrou na casa "furando" a menina.

“Os irmãos estavam sozinhos em casa porque a mãe saiu para trabalhar. Ele esfaqueou a menina e estrangulou o menino, deve ter pensado que o menino morreu. Na delegacia ele contou que estava drogado e já entrou furando a menina”, relatou um dos policiais que participou da investigação.

Os policiais disseram ao Jornal na Net que quando acordou o garotinho pediu socorro, mas não foi ouvido na vizinhança. A casa deles estava fechada. O crime só foi descoberto quando a mãe dos dois chegou do trabalho por volta das 16 horas. Encontrou a filha assassinada e o filho bastante machucado. O menino foi essencial para que a polícia descobrisse e prendesse o assassino.

“Apesar de ser muito pequeno o menininho ajudou pra caramba. Ele lembrava como o acusado era. Começamos a procurar na vizinhança e chegamos até a mulher do acusado. Ela trabalha e ele estava desempregado”, contou.

Segundo os policiais, o acusado é fugitivo da prisão de Valparaíso e já tinha passagens por roubo e uma tentativa de latrocínio.

A mãe da adolescente está devastada com a tragédia. A vizinhança ficou chocada com a brutalidade do crime. Todos ficaram revoltados com o assassinato brutal e sem sentido da menina. O celular dela não foi achado e a polícia suspeita que ele tenha sido trocado por drogas pelo assassino. A população elogiou a agilidade da equipe na investigação e prisão do acusado.

 

 

18/07/2018

Inflação pesa mais no bolso de pessoas acima dos 60 anos

A enfermeira Maria Tereza Ambrosio Rossi, de 70 anos, sente no bolso a aceleração da inflação,...

17/07/2018

Governo antecipa primeira parcela do 13º de aposentados e pensionistas

Aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) receberão a primeira...

17/07/2018

Brinquedo de infância levará Itapecerica da Serra ao livro dos Recordes

Para chegar ao GUINNESS WORLD RECORDS um grupo de amigos de Itapecerica da Serra, freqüentadores...

17/07/2018

Pat de Itapecerica da Serra disponibiliza vagas de emprego

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) da Prefeitura de Itapecerica da Serra. Estão...

11/07/2018

Prefeitura de Taboão abre concurso para contratar 60 Guardas Civis Municipais

A Prefeitura Municipal de Taboão da Serra divulgou nesta terça-feira, 10, a abertura de novo...

11/07/2018

Câmara aprova isenção de energia para famílias de baixa renda

O plenário da Câmara aprovou, nesta noite (10), a gratuidade de energia para famílias de baixa...

11/07/2018

Brasil é o 2º país com mais casos de bullying virtual contra crianças

O cyberbullying é o termo usado para designar práticas de violência que acontecem principalmente...

10/07/2018

Quermesse do Morro não tinha autorização da prefeitura de Taboão e foi encerrada

Após o assassinato do jovem de 18 anos identificado como Marcos Felipe Ferreira da Silva,...

09/07/2018

Moradores do Pirajuçara reclamam do uso de drogas, roubo e violência

Moradores do Pirajuçara em Taboão da Serra reclamam do uso de drogas explicito, de som alto,...

18/07/2018

Garra prende homem em flagrante e recupera carga avaliada em R$ 675 mil

Policiais do Garra prenderam em flagrante na noite desta segunda-feira 17, em Itapecerica da...

18/07/2018

Inflação pesa mais no bolso de pessoas acima dos 60 anos

A enfermeira Maria Tereza Ambrosio Rossi, de 70 anos, sente no bolso a aceleração da inflação,...

17/07/2018

Governo antecipa primeira parcela do 13º de aposentados e pensionistas

Aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) receberão a primeira...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.