Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Polícia Civil prende acusado de matar empresário que estava desaparecido desde julho em Taboão

Por Luciana Santos | 5/02/2018

Distrito_Policial_de_Taboao

Divulgação

A Polícia Civil conseguiu efetuar na tarde da última sexta-feira (2), a prisão de Osvaldo Guardiano de Macedo Filho, vulgo “Nene”, 46 anos. Ele tinha mandato de prisão em aberto expedido pela Vara Criminal de Taboão e segundo a polícia é o principal suspeito de ter cometido o assassinato do empresário Fábio Mariano dono de uma loja de automóveis no bairro do Parque Pinheiros.

Policiais do 1º D. P. de Taboão da Serra cumpriu mandado de prisão preventiva do réu Osvaldo Guardiano, contra ele existem fortes indícios de que tenha cometido o crime. O acusado também já tinha passagem pela polícia por roubo, formação de quadrilha e receptação.

A polícia chegou até o suspeito após ouvir várias testemunhas e ter acesso às câmeras de vigilância onde de acordo com a polícia constata que ele atirou e matou o empresário.

Osvaldo já havia sido preso em 30 de agosto, em cumprimento de prisão temporária, mas em nenhum momento confessou o assassinato do empresário.

Após cumprir o prazo de prisão temporária ele foi liberado, mas a polícia continuou nas investigações e no último dia 2 de fevereiro emitiu o mandato de prisão contra o réu que está preso e aguardará julgamento.

 

 

Relembre o caso

O empresário Fábio Mariano Martins desapareceu no dia 21 de julho após sair de um salão de cabeleireiro. Ele era casado pai de dois filhos, dono de uma loja de automóveis no bairro do Parque Pinheiros.

Desde o seu desaparecimento familiares e amigos realizam buscas espalharam cartazes e se mobilizam nas redes sociais fazendo uma grande divulgação sobre o desaparecimento do empresário.

No mesmo dia do desaparecimento do empresário o carro dele, uma saveiro, foi encontrada abandonada no Jardim Maria Rosa, na rua Elpídio José Oliveira.

Uma câmera de segurança registrou o automóvel passando na rua, mas não foi possível identificar o motorista.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.