Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Meio Ambiente

Abertas as inscrições para o curso “Saneamento Ecológico” em Embu das Artes

Por Outro autor | 20/11/2017

foto900

Divulgação Evento aborda teoria e prática para incentivar o tratamento de esgoto doméstico com o uso de plantas

No próximo sábado, 25, a Sociedade Ecológica Amigos de Embu (SEAE) abre as portas para receber o curso “Saneamento Ecológico – Wetlands Construídos”, que tem como principal objetivo capacitar os cidadãos para tratar o esgoto gerado na própria residência e, assim, minimizar a poluição dos rios. As vagas são limitadas e cinco serão direcionadas para a população de baixa renda.

O curso é promovido pela Infra Verde, em parceria com a SEAE, e já teve duas edições anteriores na zona rural de Embu das Artes, município da Grande São Paulo. Desta vez acontece na ONG SEAE, que fica no perímetro urbano, para demonstração das possibilidades do projeto para qualquer ambiente.

As aulas serão conduzidas por Rodolfo Almeida, ambientalista a frente das duas instituições, e vão abordar teoria e prática sobre o processo, de maneira simples, para que todos possam compreender, mesmo sem qualquer conhecimento prévio ou específico.

O conteúdo é baseado em dissertações de mestrado de universidades como USP e UNICAMP. Entre eles, “Avaliação de um sistema descentralizado de tratamento de esgotos domésticos em escala real composto por tanque séptico e wetland construída híbrida”, de Alexandre Antonio Jacob de Mendonça, que gentilmente publicou em seu trabalho detalhes técnicos e construtivos do sistema.

Segundo Rodolfo, o curso foi pensado para facilitar, tanto em linguagem, como em apontamento de materiais economicamente viáveis para as instalações, aliados a um ótimo resultado: “O custo para montar a estrutura é mais barato ou equivalente ao sistema tradicional e, ao final do processo, o efluente é água com boa qualidade, que pode ir para os rios sem poluir”, comenta.

Em Embu das Artes, menos de 50% do esgoto é coletado e, deste coletado, somente cerca de 20% recebe tratamento. A cidade tem 60% do seu território em área de mananciais. O curso visa colaborar para transformar as relações entre homem e meio ambiente, entre desenvolvimento e preservação.

SERVIÇO

Curso “Saneamento Ecológico – Wetlands Construídos”
Data: 25/11/2017, das 08h às 18h
Local: Sociedade Ecológica Amigos de Embu (detalhes serão divulgado aos inscritos).

Mais informações e inscrições:

Associados da SEAE têm desconto de R$ 50,00 e parte do valor arrecadado será revertido para a manutenção da ONG SEAE. Veja mais clicando aqui.

SOBRE A INFRA VERDE

A Infra Verde difunde informações de Infraestrutura Verde, como técnicas para mitigar os impactos da sociedade na água, ar e solo, por meio de tecnologias que se inspiram na natureza. Atua com serviços ambientais para projetos paisagísticos, paisagismo funcional e beleza ao ambiente construído. Foi uma das vencedoras do prêmio Espaço Startup, no Congresso ABES Fenasan 2017, em São Paulo.

SOBRE RODOLFO ALMEIDA

Empresário, ambientalista, presidente da OSCIP Sociedade Ecológica Amigos de Embu e diretor do Canal Infra Verde. Conselheiro nos conselhos COMAM – Conselho do Meio Ambiente Municipal de Embu das artes, CGAEV – Conselho Gestor da APA Embu Verde, RBCV – Reserva da Biosfera do Cinturão verde de São Paulo, CBH-AT – Comitê de Bacia Hidrográfica Alto Tietê.

SOBRE A SEAE

Criada por moradores na metade da década de 70, a SEAE atua na preservação ambiental de Embu e região, para estimular e ampliar os processos de transformação socioambiental, cultural e econômica, por meio de processos educacionais participativos e inclusivos, fomentando a atuação em políticas públicas, visando a conservação, recuperação e defesa do meio ambiente.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.