Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Educação

Uma palavra, um gesto, um incentivo, pode mudar a vida e o mundo de uma pessoa

Por Sandra Pereira | 29/10/2017

guilherme

Divulgação - FacebookObrigada ao rapaz que me ouviu, acreditou e voltou para agradecer

Às vezes a história da nossa vida cruza com outras vidas fazendo surgir novos capítulos e histórias marcantes. Há exatos 7 anos a história da minha vida se encontrou com a do jovem Guilherme Alves, 15 anos, estudante do ensino fundamental. A paixão dele pela área da comunicação me fez voltar no tempo e na minha própria história. O brilho nos olhos, a empolgação e o desejo quase palpável pareciam dar forma aos sonhos do rapaz que agora tem 22 anos e está na reta final do curso de publicidade e propaganda. Faz poucos dias que o Guilherme me deu um verdadeiro presente, quando escreveu empolgado que eu o havia ajudado a encontrar na educação e na cultura o caminho que transformaram a sua vida. Ele me indicou para receber um prêmio por esse motivo.

Por alguma razão lembro com detalhes da minha primeira conversa com o Guilherme. Ele estava com um grupo de alunos, mas o diálogo entre nós dois foi muito sincero e agradável. Disse ao Guilherme que todos os sonhos dele poderiam se tornar realidade, desde que estudasse e continuasse tentando apesar dos obstáculos. Depois daquele dia, nós conversamos várias vezes. Era comum me pedir opinião em alguns trabalhos e acompanhei com muita felicidade seu crescimento. Ele me informava as conquistas, recebia mais incentivo e seguia em busca dos seus objetivos.

O Guilherme quis me retribuir e acabou me indicando pra receber um prêmio que me honrou demais, mas eu não fui receber porque anotei errado o dia da festa de entrega. Fiquei realmente entristecida pela perda data e da oportunidade de dizer a todos os jovens presentes naquela solenidade a mesma coisa que eu disse ao Guilherme há 7 anos, quando ele ainda era um inseguro aluno bolsista do colégio Adventista: a educação é o único caminho capaz de transformar a vida de uma pessoa. É única forma de fazer com que um jovem filho de gente humilde e batalhadora alcance sucesso na vida.

Eu perdi a homenagem, mas não quero perder a oportunidade de dizer que existem muitos Guilhermes mundo afora precisando de inspiração e incentivo. Dentro da minha fé, preciso lembrar que devemos ser instrumentos de Deus na vida deles. Somente a educação é um caminho seguro de transformação social. Foi assim na minha vida. E eu sou daquelas pessoas que vai acreditar até o último instante no poder das palavras, na força das ideias e na incrível capacidade que as histórias têm de mudar outras histórias. Foi só por isso que eu parei pra contar sobre como a vida uniu a minha história com a história do Guilherme.

Desejo que essa nova história, que nasce a partir da união das nossas, faça aquilo que as histórias fazem de melhor: inspirem outras histórias, outras vidas e encontrem novas formas de continuar transformando o mundo, fazendo nascer novas histórias em todo tempo e na história.

O Guilherme não foi o único jovem com quem conversei, ou tentei orientar e incentivar nesses anos todos. Mas, o que me marcou mesmo foi o fato dele ter sido o primeiro a voltar pra agradecer. À você Guilherme Alves, obrigada! A gente se vê por ai no futuro onde eu vou ter a felicidade de te chamar de colega.

 

 

 

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.