Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Dono do Pátio de veículo de Embu das Artes vai responder em liberdade por tentativa de homicídio

Por Luciana Santos | 11/10/2017

netto_1

Divulgação O magistrado ordenou que o acusado mantenha-se recolhido em razão da conversão da prisão em flagrante em preventiva, nos termos do art.310, II

João Gomes Netto, 67, proprietário do Pátio de veículos de Embu das Artes foi preso na noite desta segunda-feira, 9, acusado de tentativa de homicídio simples. Ele entrou com um pedido de Habeas Corpos que foi negado pelo Juiz de Direito da Vara de Plantão de Itapecerica da Serra, Dr. Filipe Mascarenhas Tavares.


O magistrado ordenou que o acusado mantenha-se recolhido em razão da conversão da prisão em flagrante em preventiva, nos termos do art.310, II do CPP. O flagrante foi registrado no Boletim de Ocorrência de nº 3197/2017.


O advogado de defesa do acusado Dr. Carlos Eduardo de Toledo informou que seu cliente já foi solto mediante pagamento de fiança. De acordo com o advogado na audiência de custódia o Juíz arbitrou fiança e algumas medidas cautelares ao acusado.


João Gomes Netto vai responder em liberdade pelo crime de tentativa de homicídio. O fato teria ocorrido dentro de um cartório da região diante de algumas testemunhas, inclusive de um policial que acompanhava a vítima e que evitou a tragédia e deu voz de prisão ao acusado.


Após a tentativa, o policial deu voz de prisão e João foi detido em flagrante e conduzido para a delegacia central de Embu.


O pátio do qual João é proprietário foi denunciado de tribuna diversas vezes pelo vereador Bobilel Castilho. O vereador reclama que o pátio de veículos cobra tarifas abusivas e chegou a denunciar que o local funcionava sem aval da Cetesb. Além disso, repetiu várias vezes que por conta de uma briga judicial sobre a propriedade do terreno o aluguel não vinha sendo pago.


Também na tribuna da Câmara o vereador Bobilel Castilho disse que esteve no pátio e reclamou não foi bem recebido e inda recebeu comentários em tom ameaçador.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.