Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Saúde

Esquecimentos podem ser importantes para funcionamento do cérebro, diz estudo

Por Assessoria de Imprensa | 22/08/2017

esquecimento

Divulgação Também é comum que a falta de habilidade para lembrar seja atribuída a uma falha no armazenamento e acionamento de informações pelo c&

Se você acertou de primeira, sem apelar para o Google, parabéns. Mas poderia ser melhor não ter lembrado: um estudo de cientistas canadenses sugere que o esquecimento pode ser importante para a manutenção da memória.

O argumento é que "deletar" informações irrelevantes ajuda o cérebro a se concentrar em aspectos que possam ajudar a tomada de decisões no dia a dia.

"O verdadeiro papel da memória é otimizar o processo decisório", diz Blake Richards, cientista da Universidade de Toronto e principal autor do novo trabalho.

Segundo Richards, o grosso das pesquisas em neurobiologia relacionadas à memória prioriza os mecanismos celulares de armazenamento de informações pelo cérebro, um processo conhecido como persistência. E pouca atenção é dada ao mecanismos responsáveis pelo processo de esquecimento (transiência).

Também é comum que a falta de habilidade para lembrar seja atribuída a uma falha no armazenamento e acionamento de informações pelo cérebro.

"Encontramos bastante evidência de que há mecanismos promovendo a perda de memória e que são distintos dos envolvidos no armazenamento de informações", diz Paul Frankland, outro cientista participando do estudo.

Frankland explica que um outro experimento realizado por seu laboratório no hospital infantil SickKids constatou que o crescimento de novos neurônios no hipocampo (estrutura cerebral considerada a principal sede da memória) parece promover o esquecimento. Em pessoas jovens, essa é area do cérebro que gera mais células.

Tal mecanismo pode explicar por que adultos normalmente não têm memórias para eventos ocorridos antes dos 4 anos de idade.

Em um texto publicado na revista científica Neuron , os cientistas canadenses fazem também referência a um experimento em ratos colocados em labirintos, que tiveram menos dificuldades para encontrar saídas diferentes quando foram drogados para esquecer a localização da saída anterior.

Richards explica que há duas grandes razões para explicar por que o cérebro gasta energia para deletar informações depois de também consumir reservas para armazená-las. A primeira é a necessidade de eliminar informações ultrapassadas.

"Se você está navegando pelo mundo e seu cérebro está constantemente carregando memórias conflitantes, isso tornará mais difícil tomar uma decisão consciente".

A outra razão está ligada a um conceito usado em projetos de inteligência artificial, a regularização. Consiste em tentar fazer com que computadores aprendam a fazer generalizações com base em grande quantidade de dados. Para fazer isso, é necessário esquecer detalhes nos dados para priorizar a informação necessária para decisões.

"A melhor coisa para a memória não é guardar absolutamente tudo", diz Richards. "Se você está tentando tomar uma decisão, isso será impossível se seu cérebro é constantemente bombardeado com informações inúteis."

O cientista canadense questiona ainda o que chama de "idealização" de pessoas com boa memória.

"O objetivo da memória não é ser capaz de lembrar quem ganhou o quê em 1972", ressalta.

 

 

15/07/2018

SUS tem quase R$ 2 bilhões a receber das operadoras de planos de saúde

Quase R$ 2 bilhões devidos ao Sistema Único de Saúde (SUS) não foram repassados pelas operadoras...

04/07/2018

Programa de Saúde da Mulher é referência em política pública em Taboão da Serra

Já faz tempo que Taboão da Serra supera as cidades da região no tocante às políticas públicas...

02/07/2018

Ministério da Saúde faz parceria com o CVV e ligações se tornam gratuitas

Buscar ajuda por telefone agora é totalmente gratuito. Graças a uma parceria como Ministério da...

01/07/2018

Banco de Sangue montou posto de coleta na Câmara de Taboão

A Câmara Municipal de Taboão da Serra recebeu quase 200 pessoas interessadas em doar sangue e...

30/06/2018

Brasil está entre os países que menos ingerem cálcio no mundo

O Brasil está entre as populações que menos ingerem cálcio do mundo. Este é o resultado de uma...

19/06/2018

Vacina contra a gripe é prorrogada até o dia 22 em Taboão da Serra

A Prefeitura de Taboão da Serra prorrogou a campanha de vacinação contra a gripe até a próxima...

15/06/2018

Prefeitura de Itapecerica conquista R$ 3,5 milhões de investimentos para a Saúde

A Prefeitura de Itapecerica da Serra conquistou através da Autarquia de Saúde-IS uma série de...

15/06/2018

Maternidade de Embu tem índice de parto normal acima da média brasileira

Por Daniela Kartin

A Maternidade Municipal Alice Campos Mendes Machado vem se tornando...

14/06/2018

Vacinação contra a Febre Amarela é prorrogada até está sexta 15 em Taboão

A campanha de vacinação contra a febre amarela foi prorrogada até está sexta-feira 15 em Taboão...

15/07/2018

SUS tem quase R$ 2 bilhões a receber das operadoras de planos de saúde

Quase R$ 2 bilhões devidos ao Sistema Único de Saúde (SUS) não foram repassados pelas operadoras...

15/07/2018

PM prende suspeito de roubo e recupera carro roubado em Taboão

Um homem foi preso por policiais do 36º BPM na noite da última sexta-feira 13, após roubar um...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.