Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Transporte e Trânsito

Manifestantes fecham Régis e param a região por causa da greve geral

Por Sandra Pereira | 28/04/2017

regisregis900

Polícia Rodoviária FederalRégis Bittencourt foi fechada nos dois sentidos da rodovia, manifestantes queimaram pneus e pista foi limpa e liberada em seguida

A greve geral deflagrada em protesto contra as reformas da previdência e trabalhista literalmente parou a região nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira, 28. A rodovia Régis Bittencourt foi fechada com pneus em chamas nos dois sentidos da pista, na altura de Taboão da Serra. Há bloqueios na Estrada de Itapecerica e no Embu.

Motoristas de ônibus, metroviários e ferroviários paralisaram as atividades nesta manhã de greve geral .

Nenhuma linha da CPTM funciona na manhã desta sexta.

Apenas a Linha 4-Amarela do Metrô, administrada por uma concessionária, opera normalmente nesta sexta.

Os motoristas de ônibus e cobradores também cruzaram os braços contra a reforma e os veículos não circulam. A exceção fica por conta dos micro-ônibus, operados por empresas permissionárias que não aderiram à paralisação.

No começo da manhã de hoje, sete rodovias no entorno de São Paulo, tiveram bloqueio. Manifestantes atearam fogo em todas as faixas nos dois sentidos da Rodovia Régis Bittencourt.

Um grupo também interditou a Rodovia Anhanguera, altura do km 15 da pista marginal, sentido interior.

A Rodovia Presidente Dutra também tem bloqueio e a Tropa de Choque também dispersou manifestantes na Rodovia Cônego Eugênio Rangoni, em Cubatão.

Das 21 linhas do Terminal Vila Nova Cachoeirinha, apenas 10, as de micrônibus funcionam.

Por volta das 5h, manifestantes bloquearam a Rodovia Hélio Schmitd, principal acesso ao Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos. Manistantes também fazem um ato dentro do Aeroporto de Congonhas, na Zona Sul de São Paulo.

O Corredor Norte Sul e a Rua Ipiranga, no Centro da cidade, também foram bloqueados com barricadas.

 

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.