Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Correios, Reforma da Previdência e Autismo pautam discussões na Câmara de Taboão da Serra

Por Sandra Pereira | 29/03/2017

prova900

Thiago Walter Sessão foi rápida e aconteceu em clima de tranquilidade entre os vereadores

Numa sessão rápida e tranquila os vereadores de Taboão da Serra aprovaram por unanimidade nesta terça-feira, 28, requerimento pedindo informações aos Correios sobre os problemas recorrentes na entrega de correspondências e mercadorias nos mais diversos bairros de Taboão da Serra. A discussão na Casa de Leis de Taboão aconteceu no mesmo dia em que o Ministro Gilberto Kassab, disse ser “inevitável” discutir a privatização dos Correios, em razão de dificuldades estruturais. Em Taboão da Serra, a população do jardim Maria Rosa, Saint Moritz, Trianon, Record, Mirna, Maria Helena, Indiana e São Judas sofre com atrasos e extravio de correspondências.

O requerimento pedindo informações aos Correios foi proposto pelo vereador Dr. Ronaldo Onishi e subscrito por todos os vereadores da Casa.

“Os Correios estão prejudicando os moradores da nossa cidade. As correspondências não estão chegando no prazo correto, faturas estão sendo atrasadas, o destinatário final está pagando multa pelo atraso da prestação e nos queremos saber do Correios o está acontecendo. A finalidade desse requerimento é obter informação. A Câmara quer saber o que realmente está acontecendo”, afirmou Dr. Ronaldo Onishi.

Logo em seguida, o vereador José Aparecido Alves, o Cido, presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara, agendou Audiência Pública para o dia 5 de abril a fim de discutir os atrasos e extravio de correspondência . “Queremos ouvir da direção dos Correios o que está ocorrendo na cidade. Queremos que o problema seja resolvido”, avisou Cido.

Outro tema que predominou na sessão foi a Moção de Repúdio contra Reforma da Previdência proposta pelo governo Temer. A moção foi apresentada pelo vereador professor Moreira e subscrita por todos os vereadores de Taboão. Há algumas semanas os vereadores da cidade tem debatido a Reforma da Previdência e se posicionado contrários ao projeto proposto pelo governo Temer. Moreira vem se posicionando com firmeza contra a Reforma da que já motivou duras críticas dos vereadores Marcos Paulo, o Paulinho, Johnatan Noventa e do Dr. Ronaldo Onishi.

Uma ampla discussão sobre o autismo também pautou a maior parte da sessão. Vários vereadores mencionaram a lei de autoria do Vereador Dr. Ronaldo Onishi, que instituiu no município a Semana do Autismo e prevê a realização de diversas atividades de cunho educativo, sensibilização e socialização, durante o mês de abril.

Esse ano as atividades vão contar com o reforço de ações realizadas pela ONG Borboleta Azul, em parceria com o vereador Dr. Eduardo Nóbrega, incluindo uma caminhada no dia 2 de abril.

“É muito difícil para as mães de autistas lidarem com os transtornos provocados pela doença. Elas querem ser compreendidas e nesse sentido nós estamos empenhados”, resumiu.

Já no dia 8 haverá o 3º Encontro de Autismo organizado pelo mandato do vereador Dr. Ronaldo Onishi em parceria secretarias de Saúde e Educação.
“Faz quatro anos que começamos esse trabalho sobre o Autismo e hoje já temos algumas conquistas pra celebrar. Toda ajuda nesse sentido é bem vinda. Queremos somar esforços”, relatou.

Na primeira parte da sessão os vereadores trataram sobre o trabalho assistencial prestado pela ONG Sementes do Amanhã, que atende 150 crianças e adolescentes de Taboão da Serra, no contraturno escolar. O responsável pela ONG Diego Odakura e quer ajuda do Executivo para manter as atividades no local.

Uma reunião pra tratar do assunto vai ser agendada nos próximos dias pela presidente Joice Silva que lembrou ter conhecido a ONG quando ainda funcionava na garagem da avó de Diego Odakura. Ela lembrou que para receber recursos do governo a ONG precisa estar com a documentação em dias.

“Queremos a ajuda doExecutivo assim como as outras Ongs para continuar trabalhando pelas nossas crianças”, disse Diego.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.