Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Saúde

Horta comunitária de Embu: embrião da feira de orgânicos

Por Prefeitura da Estância Turística de Embu das Artes | 23/10/2010

Parecia almoço de domingo: verduras, legumes, feijoada à vontade, muita conversa sobre saúde, meio ambiente e educação alimentar. Foi esse o clima do terceiro almoço comunitário realizado no Jardim Vista Alegre 3/Servidão, em 21/10, e que contou com a presença do prefeito Chico Brito. “Meu sonho é fazer uma feira de produtos orgânicos no Parque Rizzo. Por isso, eu não vejo a hora de ver bastante projetos como esse dando certo na cidade para ter a feira”, declarou o prefeito, que almoçou e conversou por longo tempo com os moradores. 

A horta comunitária da rua 18 de Julho, 45, é a primeira instalada em uma área particular, no caso, em terreno cedido pelo casal Amara Barbosa da Silva e Raimundo Jesus dos Santos. Na área de 8 mil m², cerca de 2,5 mil m² estão sendo cultivados pela comunidade, como parte do Projeto Colhendo Sustentabilidade, feito em conjunto com o Banco Municipal de Alimentos, a Associação Real de Moradores do Moinho Velho e o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Vista Alegre. 

O Projeto Colhendo Sustentabilidade envolve o cultivo de hortaliças e lavoura, com técnica de agricultura orgânica – adubo feito de resíduos orgânicos da cozinha e estercos animais, que deixam de ir para o aterro. Também inclui um trabalho de economia solidária para comercialização do excedente na região. Ou seja, o que sobra é vendido pelo grupo e o dinheiro arrecado é usado para pagar a água, os insumos, com o restante dividido entre os participantes, como um procedimento que incentiva a autonomia dos grupos. A primeira colheita do Vista Alegre/Servidão resultou em diversos produtos, como couve, alface, repolho, salsa, agrião, chicória, rúcula, mostarda, cenoura, rabanete, morango, quiabo, tomate, banana, milho e mandioca. 

Muito mais que uma boa alimentação


José Petrúcio, o presidente da associação de bairro, agradeceu ao prefeito Chico Brito a implantação do projeto naquela área carente da cidade. E a medida já começou a garantir saúde e melhor qualidade de vida para o pequeno Hendrik Barbosa, 10 anos, aluno da quarta série da E.M. Astrogilda de Abreu Sevilha, no Parque Jane. É ele quem molha a horta todas as manhãs e até já aprendeu a comer algumas verduras e legumes, que ajuda a produzir ao lado de outros 14 parceiros designados pela comunidade para cuidar do cultivo. O colega de horta Raimundo Joaquim Santana, 71 anos, nascido em Umbuzeiro, na Paraíba, onde aprendeu a cultivar a terra, já não tem a mesma disciplina do menino e às vezes, como ele mesmo conta, alguém vai buscá-lo em casa para ajudar a cuidar da horta.

A horta comunitária do Servidão mudou a vida dos participantes no mínimo pela inclusão da mesa farta e saudável. No caso de Ana Maria Mendes dos Santos, de 47 anos, oito filhos, o mais novo com 3 anos, o Projeto Colhendo Sustentabilidade causou uma revolução: “A horta foi um milagre na minha vida. Depois de ficar com esse corpo, com pressão alta, depressão, encontrei pessoas que me tratam bem, que me dizem ‘a senhora é importante’. Até meu marido percebeu a mudança. Não fico mais sentada em casa sem fazer nada. Estou cuidando da minha casa de novo. Estou mais feliz”, diz Ana, que no passado foi empregada doméstica e faxineira. Outros participantes, como José Antônio de Metino, 56, e Adriana Miranda Figueiredo, 27, grávida do quarto filho, também dizem que foram muito beneficiados pelo programa.

“A história da Ana faz a gente chorar”, diz a diretora de Seguridade Social, da Secretaria Municipal de Assistência Social, Edna Pires da Silva, para quem o projeto aborda a questão de segurança alimentar e educacional, com alimentação mais saudável, acesso ao alimento. “Isso aqui representa dignidade, valorização, resgate de história de vida e muitas outras possibilidades. Tem um grande potencial para as comunidades, com valorização da terra”, afirma a secretária de Assistência Social, Selma Fernandes.

O coordenador do Projeto Colhendo Sustentabilidade, Bruno Cavalcante, explica que os resultados da aplicação do sistema em Embu das Artes tem trazido muito bons resultados. Numa primeira etapa, depois de definida a área de plantio, o projeto fornece insumos, mudas, preparação da terra e assistência técnica de um agrônomo. Já foram implantadas 12 hortas no município de Embu e mais uma, a segunda em área particular, começa a ser feita em um quintal no Jardim do Colégio.

Texto: Elke Lopes Muniz - Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Embu


 

10/12/2017

Atividades de prevenção marcaram a SIPAT/2017 da prefeitura de Itapecerica

Durante toda a semana passada, a Prefeitura de Itapecerica da Serra realizou a Semana Interna de...

08/12/2017

Ações de prevenção ao câncer da próstata marcaram a Campanha Novembro Azul

A campanha, “Cuidando da Saúde do Homem", realizada em Taboão da Serra pela Secretaria de Saúde,...

08/12/2017

Diversas atividades de prevenção marcaram a SIPAT/2017 da prefeitura de Itapecer

Durante toda a semana passada, a Prefeitura de Itapecerica da Serra realizou a Semana Interna de...

04/12/2017

SUS tem 904 mil cirurgias eletivas na lista de espera, aponta CFM

Levantamento do Conselho Federal de Medicina (CFM) aponta que pelo menos 904 mil cirurgias...

30/11/2017

NOP Odontologia Especializada ganha certificação em qualidade e atendimento

Durante o mês de agosto de 2017, 450 pessoas foram ouvidas sobre o serviço de atendimento...

29/11/2017

Virada Inclusiva promove atividades para lembrar Dia da Pessoa com Deficiência

Para lembrar o "Dia Internacional da Pessoa com Deficiência", 3/12, a Prefeitura de Embu das...

29/11/2017

Mais de 1,1 mil cidades estão em alerta para dengue, zika e chikungunya

O Ministério da Saúde divulgou nesta terça-feira (28) o Levantamento Rápido de Índices de...

28/11/2017

ABES apóia a inclusão de pessoas com autismo no mercado de trabalho

A Associação Brasileira das Empresas de Software (ABES) é uma das entidades que apoiam a...

11/12/2017

Idosa de 76 anos desapareceu neste domingo em Taboão da Serra

Dona Ana Maria Barbosa, 76 anos,desapareceu quando estava indo para casa onde mora com a irmã e...

11/12/2017

Ney Santos reajusta bolsa da Frente de Trabalho de R$ 350 para R$ 1.000,00

A partir de janeiro de 2018 os integrantes da Frente de Trabalho de Embu das Artes vão receber...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.