Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Correios alega que erros em entrega de correspondência foi causado por troca de carteiro

Por Sandra Pereira | 9/02/2017

carteriro600

Arquivo do Jornal na NetCorreios justificam erro na entrega das correspondências com troca de carteiro

Em resposta às reclamações dos moradores do bairro Saint Moritz, em Taboão da Serra, sobre a entrega de cartas nos endereços e numeração erradas, alvo de reportagem do Jornal na Net na última semana  os Correios informaram que a entrega estava ocorrendo com outro carteiro, que encontrou dificuldade de adaptação no local, em decorrência de numeração irregular. 

“A situação já foi normalizada com a volta do carteiro titular. Esclarecemos ainda que nossos gestores da região farão acompanhamento da entrega no local”, garantiu os Correios por meio de nota enviada à redação. 

A nota diz ainda que a empresa continua à disposição para quaisquer outras informações pelos canais: 0800 7250100 (sugestões, elogios e reclamações de todas as cidades), 3003-0100 (capitais e regiões metropolitanas) ou 0800 725 7282 (demais localidades) para informações sobre produtos, serviços e compras, ou pelo site www.correios.com.br - Fale com os Correios.

Relembre o caso: 

Os moradores de vários bairros da periferia de Taboão da Serra foram prejudicados com problema na entrega de suas correspondências pelo Correio. No jardim Saint Moritz há várias reclamações de que as cartas endereçadas à rua Carlos Drumond de Andrade muitas vezes estão sendo entregues na numeração errada. A assessoria de imprensa dos Correios informou que o caso será apurado pela área técnica responsável e posteriormente enviará resposta à reportagem com o resultado da pesquisa. 

O problema é tão sério que chega atingir até documentos oficiais, como é o caso do IPVA já pago. Uma contribuinte que deveria receber IPVA na rua Carlos Drumond, nº 270, teve o documento numa caixa de correio da rua vizinha.  

Ela só soube do problema e conseguiu localizar o documento porque uma amiga da sua irmã estava na casa da pessoa onde o IPVA foi deixado.

“A mulher abriu e como não me conhecia ia jogar fora. Graças a Deus uma amiga da minha irmã estava na casa dela reconheceu meu nome e trouxe para mim”, relatou a moradora que pediu para não ser identificada.  

Os erros na entrega de correspondência, segundo os moradores, traz prejuízos já que as contas acabam sendo  pagas com atraso gerando a cobrança de multa, além do fato de provocar desvios de documentação oficial como aconteceu com o IPVA da moça citada.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.