Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Tribunal de Justiça nega habeas corpus e Ney Santos continua foragido

Por Sandra Pereira | 20/12/2016

NEYSANTOS_CMEMBU_DIVULGAcaO

Divulgação - FacebookNey Santos não foi diplomado; caso ele não consiga reverter decisões contrárias não poderá asuumir a prefeitura de Embu

O Tribunal de Justiça (TJ) de São Paulo negou nesta segunda-feira, 19, pedido de habeas corpus do prefeito eleito de Embu das Artes, Ney Santos (PRB) alvo da 1ª fase da operação Xibalba – que quer dizer governo no submundo – deflagrada no dia 9 por uma força-tarefa do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado). Por causa das acusações Ney Santos e seu vice Dr. Piter (PMDB) tiveram a diplomação suspensa. O prefeito eleito de Embu  teve prisão preventiva decretada pela Justiça sob a acusação de associação a facção criminosa, lavagem de dinheiro e tráfico de drogas. A defesa de Ney Santos vai recorrer da decisão novamente.  

No Tribunal de Justiça o desembargador Hermann Herschander manteve o pedido de prisão e alegou não haver irregularidade no mesmo. Ele rechaçou o argumento central da defesa feita por Alberto Toron, alegando que Ney e outros seis foragidos sofrem constrangimento ilegal  e que a prisão seria ilegal e injustificada. 

Para o relator a decisão da Justiça de Embu  foi fundamentada e que há indícios de que o acusado “capitaneia sofisticada organização criminosa, que lavou e continua lavando expressivas somas em dinheiro proveniente do tráfico de entorpecentes”, decretou o relator do pedido de habeas corpus. 

Em outro trecho da sentença que negou habeas corpus o desembargador cita a quantidade de empresas abertas em nome dos acusados que foram denunciados junto com Ney e assim como ele se encontram foragidos.  

Hermann Herschander também faz referência em sua decisão ao fato de Ney Santos manter em sua casa volumosa quantia em dinheiro. O prefeito eleito tinha declarado à Justiça Eleitoral que guardava em casa mais de R$ 1,5 milhões em espécie, conforme consta sua declaração de bens entregue no ato do pedido de registro de candidatura. 

 “O impressionante número de estabelecimentos comerciais criados; a guarda de vultosas quantias em espécie; o alto valor dos bens apreendidos; tudo refere, de forma eloquente, a alta gravidade concreta dos fatos; esta, de si, traduz a periculosidade de seus autores e partícipes. Some-se a tudo isso a circunstância de, embora estar sendo investigada há anos, a organização ainda manter em funcionamento até o presente, em postos de gasolina ativos, a máquina de lavar por ela estabelecida...se concluirá que a prisão preventiva, ao menos à primeira vista, efetivamente se faz necessária para garantia da ordem pública”. “Portanto, não se vislumbra desde logo ilegalidade, que justifique concessão da pretendida liminar. Isto posto, indefiro a liminar”, cita o desembargador. 

A negativa do habeas corpus caiu como um duro golpe no grupo político do prefeito eleito, que já contava com a vitória de Alberto Toron no caso, visto que vários deles postaram em suas páginas no Facebook que o prefeito eleito vai ser diplomado no dia 1º de janeiro. Se até lá os advogados não conseguirem reverter as decisões contrárias a Ney Santos a prefeitura deverá ser comandada inicialmente pelo presidente da Câmara. 

Se os planos do grupo político não mudarem, o estreante na vida pública, Hugo Prado, vai comandar o Legislativo e Executivo de Embu das Artes com a benção de Ney Santos. 

24/09/2018

Marinho visita Taboão da Serra e diz que estudará forma de trazer metrô à cidade

O candidato pelo PT ao Governo do Estado de São Paulo, Luiz Marinho, esteve na manhã domingo,...

21/09/2018

TRE determina retirada de fake news contra deputada Analice Fernandes

O Tribunal Regional Eleitoral determinou ao Facebook a remoção de fake news - notícia falsa...

20/09/2018

Candidata a vice-governadora de SP pelo PT veio a Taboão com proposta de Governo

Ana Bock, candidata a vice-governadora pelo PT na chapa de Luiz Marinho (PT), esteve em Taboão...

20/09/2018

Em razão do processo eleitoral, horário de verão terá 14 dias a menos este ano

O horário de verão começará mais tarde esse nao. A decisão foi tomada pelo Tribunal Superior...

20/09/2018

Vereador Marcos Paulo reforça cobrança por mais policiamento da PM em Taboão

O vereador Marcos Paulo (PPS), fazendo menção à reportagem feita pelo Jornal Na Net, também...

17/09/2018

Ney Santos vê normalidade na convocação para recepção de Márcio França no Embu

O prefeito afastado de Embu das Artes, Ney Santos, PRB, considerou fato normal a convocação de...

16/09/2018

Joice Silva diz que 6.8 no IDEB prova qualidade da educação em Taboão

A educação municipal de Taboão da Serra conquistou a maior nota da região no Índice de...

16/09/2018

Desfile de 7 de Setembro é um marco para a educação de Taboão da Serra

O Desfile Cívico de 7 de Setembro reuniu mais de 47 escolas da rede municipal de ensino. Com a...

16/09/2018

Alckmin visita Campo Limpo acompanhado de FF e Analice e apela por voto útil

O candidato à Presidência da República pelo PSDB e ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin,...

14/09/2018

FF e vereadores preparam medidas para recuperar salários de agentes públicos

Fernando Fernandes, o vice-prefeito Laércio, a presidente da Câmara, Joice Silva e os vereadores...

25/09/2018

Morador do Jd. das Oliveiras, em Embu, está desaparecido há 24 horas

Atualização às 13h - O rapaz foi encontrado 

Fernando Ricardo da Paixão, morador do Jardim das...

25/09/2018

Sequoia lança programa de aprendiz para jovens de Embu, Itapecerica e Taboão

O Grupo Sequoia lançou na última semana o Programa de Aprendiz Sementes Sequoia que...

25/09/2018

Importunação sexual passa a ser crime e pode dar até 5 anos de pr

A importunação sexual passou a ser considerado crime na última segunda-feira, dia 24. O ato...

ingle

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.