Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Educação

Amor Perfeito, escola de Taboão da Serra, é referência em Ensino Inclusivo

Por Assessoria de Imprensa da prefeitura de Taboão da Serra | 11/12/2016

Educação inclusiva é um assunto levado a serio pela Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia de Taboão da Serra. Só em 2016, a Rede Municipal de Ensino atendeu centenas de crianças com deficiência. 61 delas estudam no Centro Municipal de Habilitação e Reabilitação (CMHR) Amor Perfeito, que atende crianças e adolescentes com síndromes e deficiências moderadas e graves.

Pedro, 10 anos, é um dos alunos do Amor Perfeito. A mãe Mariah Menezes, moradora do Parque Pinheiros, afirma que o filho se desenvolveu bastante neste primeiro ano na escola. “Ele está muito mais comunicativo, consegue se concentrar mais nas atividades, tanto para ver televisão ou para fazer uma terapia”, disse Mariah. Antes de ingressar no Amor Perfeito, Pedro frequentava uma escola particular e fazia terapia ocupacional. “Apesar dele já ter feito terapia antes,o conjunto de profissionais do Amor Perfeito e a dedicação deles melhoraram muito ele, agora está bem mais comunicativo e curioso”, completou a mãe.

De acordo com a diretora da escola, Ângela Cecília Guedes, que está há dois anos à frente da escola, a principal marca desta gestão no Amor Perfeito é a valorização da vida. “Temos um plano gestor no qual os professores desenvolvem projetos para que os alunos vivenciem experiências novas, sensoriais, de degustação, entre outras, que são essenciais para o desenvolvimento das crianças”, afirmou.

Segundo o secretário de Educação, Prof. João Medeiros, para um atendimento de excelência, são atendidos no máximo quatro alunos por sala. “Todos os alunos ainda contam com transporte, de ida e volta à escola, oferecido gratuitamente pela Prefeitura”, reforça o secretário.

A educadora com habilitação em Deficiência Mental pela Universidade de São Paulo (USP), Rita Hortência Silva de Queiroz, está há 16 anos no Amor Perfeito e acompanhou toda a passagem da segregação para a inclusão. “Quando cheguei ao Amor Perfeito, atendíamos síndromes leves, como a Síndrome de Down, hoje atendemos casos considerados moderados e graves. Muitas vezes estas crianças ficavam escondidas dentro de casa. Naquela época atendíamos apenas dois cadeirantes, hoje atendemos 42 alunos que usam cadeira de rodas. Então imagine esta transformação”, exemplifica. “Porém, o principal, o que todos os profissionais prezam é o respeito à criança com deficiência e aos seus familiares, além da vivência e saber que ninguém tem que ficar escondido da sociedade, pois a sociedade é para todos”, finalizou.

Encerramento

Para celebrar o encerramento do ano letivo de 2016, o CMHR Amor Perfeito realizou na segunda-feira, 5 de dezembro, umBrunch no Cemur, que reuniu alunos, educadores e familiares. A refeição do encontro foi uma cortesia do Sr. Manuel José Mendes Moreira, proprietário do Buffet de Iguarias. “Há alguns anos o senhor Manuel tem sido nosso parceiro e nos sede, gentilmente, os alimentos e profissionais para realizamos este encontro. Só temos a agradecer este gesto de generosidade. A ele o nosso muito obrigada”, declarou a diretora da escola.

Além do café da manhã e do almoço, no Cemur foi montado camarim onde os alunos puderam se maquiar e escolher adereços divertidos, como óculos e tiaras. Ao som de “Ser diferente é normal” e de “Eclético”, os familiares puderam dançar com os alunos. O encontro terminou com a chegada do Papai Noel e com a entrega de presentes para as crianças.

Serviço:

Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia Rua ElizabetaLips, 166 - Jd. Bom Tempo Telefone: (11) 4788-5822 / (11) 4788-5825

CMHR Amor Perfeito R. Ana Maria da Conceição, 100, Jardim Guayanã Tel.: (11) 4787-2956- 4787-2945 / 4771-2468

Buffet de Iguarias Rua Damião da Silva, 218, Morumbi, São Paulo. Tel.: (11) 3742-7198

16/01/2018

Divulgada lista com locais de exame do Vestibulinho das Etecs

Os candidatos inscritos no processo seletivo das Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) para o...

15/01/2018

Inscrições para o ProUni começam dia 6 de fevereiro

As inscrições para o Programa Universidade para Todos (ProUni) do primeiro semestre de 2018...

15/12/2017

Parceria entre Prefeitura de Taboão e Senac forma 450 alunos

Na noite da última quarta-feira, 13, 450 munícipes de Taboão da Serra se formaram nos cursos de...

14/12/2017

Definido calendário escolar para o ano letivo de 2018

Foi divulgado na noite desta quarta-feira (13), o calendário escolar para 2018. O ano letivo...

13/12/2017

Aluno da EMEF Cecília Meireles vence concurso de soletração em inglês

No dia 30 de novembro, a Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia de T

12/12/2017

Enem para presos e segunda aplicação começam hoje

Cerca de 32 mil pessoas privadas de liberdade farão hoje (12) e amanhã (13) as provas do Exame...

12/12/2017

Alunos da rede Estadual terão material pedagógico em aplicativo

A liberação do uso de telefone celular em sala de aula para fins pedagógicos foi autorizada em...

10/12/2017

Deputada Analice leva Projeto Guri para Embu das Artes

Um grupo de 150 crianças e adolescentes estão frequentando aulas de iniciação musical e de...

08/12/2017

500 alunos se formam pela Escola Municipal de Gastronomia

A qualificação profissional é o melhor caminho, em um momento de crise econômica nacional, para...

16/01/2018

Inauguração do novo quartel do Corpo de Bombeiros de Taboão será dia 19

Nesta sexta-feira, 19, o governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, a deputada estadual...

16/01/2018

Itapecerica e Embu arrecadaram juntas mais de R$ 4 milhões sobre pedágio em 2017

O ISS que incide sobre as tarifas de pedágio tem representado importante recurso para os 262...

16/01/2018

Divulgada lista com locais de exame do Vestibulinho das Etecs

Os candidatos inscritos no processo seletivo das Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) para o...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.