Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Vereadores debatem clima eleitoral e aprovam lei que cria Setembro Verde em Taboão

Por Sandra Pereira | 14/09/2016

sesao_1

Sandra PereiraLei Setembro Verde quer promover ações  que marcam a luta pela garantia dos direitos das pessoas com deficiência

Numa sessão marcada pelos debates políticos e novas queixas sobre a remoção de placas de campanha nas ruas, os vereadores de Taboão da Serra aprovaram votos de louvor e um projeto de lei que institui na cidade a campanha Setembro Verde, dedicada a ações que marcam a luta pela garantia dos direitos das pessoas com deficiência. O objetivo da iniciativa é a realização de atividades educativas, encontros e seminários visando esclarecer a comunidade sobre a importância do apoio aos deficientes e seus familiares, a troca de experiência entre as equipes multiprofissionais de atendimento e a integração entre os deficientes.  

A Lei Cristiane Carminatti e Andrea Souza, foi aprovada por unanimidade em regime de urgência. As duas são professoras especialistas da rede municipal que trabalham na escola Amor Perfeito e dedicaram suas vidas ao trabalho com deficientes. O autor da lei, vereador Dr. Ronaldo Onishi, disse que a iniciativa pretende fortalecer a luta contra o preconceito e em favor da inclusão na cidade. Ele citou como referência a Lei do Autismo, cuja aprovação possibilitou a realização de encontros que já se tornaram referência em Taboão e na região. O vereador explicou que o mês de setembro foi escolhido para a implantação das ações porque no dia 21 se celebra o Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência. 

“Quero agradecer a todos os meus pares pela aprovação desse projeto que é mais um passo na luta pela inclusão dos deficientes. Ele vem se somar ao nosso projeto que criou a semana do Autismo.Uma pessoa com deficiência não pode ser tratada com falta de respeito ou preconceito. O poder público tem que cumprir seu papel neste sentido. Essa semana nós tivemos uma atleta de Taboão ganhando medalha de ouro na para olimpíada mostrando todo o potencial e a superação”, afirmou o vereador.   

O presidente da Câmara, vereador Cido da Yafarma (DEM), observou que mesmo não podendo votar no projeto, já que o regimento só permite voto do presidente em caso de empate, aprova a iniciativa. Ele elogiou a articulação feita pelo vereador Onishi entre os pares para viabilizar a aprovação da Lei. “Quero te parabenizar vereador Onishi pela envergadura desse projeto. Essa lei é uma conquista. Tem que se discutir mais a inclusão, tem que sensibilizar a sociedade. Essa lei é para discutir, debater e garantir o acesso, respeito e a dignidade, em especial à pessoa com deficiência”, afirmou o presidente. 

Clima eleitoral

Faltando 17 dias para a eleição os vereadores estão mergulhados em clima eleitoral. Nesse quadro a impugnação da candidatura a prefeito de Evilásio Farias (PSB) não passou em branco. O líder do governo, Eduardo Nóbrega, disse que “todo mundo já sabia que Evilásio seria impugnado e não ia disputar a eleição”. Para ele não há saída que possa viabilizar a candidatura do ex-prefeito, o que vai fazer com que a eleição seja decidida logo no primeiro turno.

O vereador professor Moreira fez um discurso firme  reclamando que a oposição vem sofrendo perseguição e intimidação nas ruas. Moreira reclamou que seu material de campanha está sendo arrancado das ruas e alertou para o risco do uso da violência durante a a eleição. Anteriormente, ele denunciou vandalismo em veículos da campanha. 

“No desfile de 7 de setembro vi quase o linchamento de um rapaz que estava entregando jornais, uma falta de respeito muito grande e não podemos permitir. Nós sabemos que todos os lados das campanhas tem contato. Mas todo mundo quer paz. Não precisa de truculência. Quero fazer um apelo ao prefeito para que pedisse sua turma pra não usar de brutalidade e nem arrancar material nas ruas. Não estamos mais no tempo de Lampião...Nunca vi uma campanha desse jeito. Se continuar assim todo mundo vai andar igual no velho oeste, com arma na cintura, dando tiro pra todo lado, porque a Taurus não vendeu bala só para um lado não vendeu pra todo mundo e ninguém quer violência, todo mundo quer paz”, disparou Moreira em tom de alerta. 

O vereador reclamou do novo valor da passagem de R$ 3,80, nos ônibus municipais que teria sido informado pelo prefeito Fernando Fernandes durante caminhada no Panorama, na última semana. 


17/10/2017

Reforma eleitoral abre espaço para propaganda paga em sites

A reforma eleitoral, aprovada no Congresso Nacional e sancionada recentemente pelo presidente...

15/10/2017

Ney Santos fará reforma no governo de Embu, João Ramos deixará prefeitura

O prefeito de Embu das Artes, Ney Santos (PRB) vai anunciar nos próximos dias uma reforma...

13/10/2017

Câmara Municipal aprova reajuste de abono para servidores

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram na última terça-feira, dia 10, por unanimidade, um...

11/10/2017

Convenção realizada no domingo elegeu novo diretório do PSDB de Itapecerica

O diretório municipal do PSDB de Itapecerica da Serra realizou, no último domingo (8 de...

11/10/2017

STF deve decidir hoje se Congresso pode rever medidas contra parlamentares

O Supremo Tribunal Federal (STF) deve decidir hoje (11) se parlamentares podem ser afastados do...

11/10/2017

Analice intercede por liberação de recursos para Embu das Artes

O prefeito de Embu das Artes, Ney Santos e a deputada estadual Analice Fernandes participaram de...

10/10/2017

Ney Santos lança Cartão Cidadão prometendo economia de recursos públicos

Anunciado como a maior ferramenta de gestão tecnológica de dados de toda a região, o Cartão...

17/10/2017

Seminário sobre desenvolvimento sustentável visa construir propostas no Conisud

Idealizado pelo mandato do deputado estadual Geraldo Cruz, da vereadora Rosângela Santos e com...

17/10/2017

Caixa e BB antecipam em dois dias pagamento do PIS/Pasep a correntistas

Com dois dias de antecedência em relação ao calendário oficial, os correntistas da Caixa...

17/10/2017

Reforma eleitoral abre espaço para propaganda paga em sites

A reforma eleitoral, aprovada no Congresso Nacional e sancionada recentemente pelo presidente...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.