Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Variedades

Prefeitura de Taboão inicia 3ª edição do programa ‘Tempo de Despertar’

Por Assessoria de Imprensa da Câmara de Taboão | 5/09/2016

tempo3

Divulgação

Em parceria com o Ministério Público, a Prefeitura de Taboão da Serra deu início a mais um módulo do ‘Tempo de Despertar’. O programa, que visa ressocializar autores de violência doméstica contra a mulher, acontece através de encontros quinzenais, onde são discutidos temas acerca de conflitos e violência de gênero.


No último dia 18 (quinta-feira), a equipe da Coordenadoria dos Direitos da Mulher e colaboradores do CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) e do CREAS (Centro de Referência Especializado de Assistência Social) estiveram na TaboãoPrev para o primeiro dia de atividades. Trinta homens com inquéritos policiais ou processos criminais em andamento assistiram a uma palestra com a Promotora de Justiça Maria Gabriela Manssur, que falou sobre a origem do comportamento violento, estereótipos sociais e explicou a necessidade da criação de leis como a Maria da Penha, apresentando dados importantes. “É importante que todos nós compreendamos que o intuito destas leis nunca é beneficiar uma parcela da sociedade em detrimento da outra, mas aniquilar a desproporção dos índices de violência”, disse a Promotora. “O número de casos de violência contra a mulher é muito superior quando comparado à agressão aos homens, então é dever da Justiça colocar a Lei em vigor e trabalhar para que ela funcione”, explicou Maria Gabriela.

Ao longo de oito encontros, os agressores serão acompanhados por psicólogos, sociólogos e assistentes sociais, e terão espaço para expor suas idéias e serem orientados por estes profissionais. Além do benefício de atenuar os conflitos familiares, o participante que concluir o curso poderá, em caso de futura condenação, ter sua pena abrandada.

Trabalho em Taboão

Em Taboão da Serra, as atividades de apoio às vítimas de violência são desenvolvidas predominantemente pela Coordenadoria dos Direitos da Mulher. Em 2015, foram registrados mais de 2500 atendimentos, entre acolhimento social, acompanhamento psicológico, assessoria jurídica, eventos, palestras e terapia comunitária.

Serviço

Coordenadoria dos Direitos da Mulher

Rua Joaquim Faustino de Camargo, 140 – Vila Iasi

Telefone: (11) 4787-3923

14/02/2017

Clientes do Assai de Taboão criticam demora nas filas do caixa, calor e higiene

12/02/2017

Santuário Nossa Senhora dos Prazeres recebe ação do Doe Sangue, Doe Vida

02/02/2017

Erro em entrega de correspondências causa transtornos em Taboão

02/02/2017

Família desesperada pede ajuda pra achar jovem desaparecida em Taboão

01/02/2017

Consumidores podem consultar bilhetes para o sorteio de fevereiro da Nota Fiscal

31/01/2017

Apostador de Taboão fatura R$ 234.111,30 na Lotofácil

24/01/2017

Site de busca de emprego divulga mais de 4 mil vagas na região de Embu

23/01/2017

Processo seletivo é aberto em Embu das Artes para áreas de cultura

16/01/2017

Oportunidade de emprego em Embu das Artes; Confira as vagas

23/02/2017

Câmara rejeita contas de 2013 e Chico Brito deve ficar inelegível por 8 anos

22/02/2017

Polícia Rodoviária Federal fará operação de Carnaval na Régis Bittencourt

22/02/2017

PM prende acusado de agredir e tentar matar a mãe, irmã e padrasto no Embu

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.