Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Transporte e Trânsito

Formigueiro invade ponto de ônibus e afugenta passageiros do transporte público em Embu

Por Anderson Dias | 14/08/2016

formigas900

Anderson DiasGrande invasão de formigas começa em Embu das Artes

Um enorme formigueiro atrás de um ponto de ônibus localizado na Estrada Professor Cândido Mota Filho, próximo a entrada do Jardim Silvia, em Embu das Artes, anda tirando o sossego dos passageiros. Por causa das formigas os usuários do transporte público na cidade acabam ficando fora do ponto de ônibus com receio das formigas. Muita gente acaba ficando de pé ponto de ônibus para não ser atacado pelas indesejáveis formigas.

O ponto está praticamente tomado pelas formigas. Com o avanço do formigueiro que praticamente invadiu todo o assento do ponto as pessoas já não conseguem sentar.  

"As formigas precisam ser tiradas do ponto. A prefeitura tem que agir. Mas eles fogem da responsabilidade do caso todas as vezes surge uma nova desculpa”, disse uma passageira que usa o ponto de ônibus infestado de formigas.

De acordo com os moradores que usam o ponto de ônibus faz três meses que o formigueiro se formou no local para desespero dos passageiros. Eles já informaram o problema a prefeitura e reclamam que até agora nada foi feito para achar uma solução. Enquanto isso, segundo os moradores, a quantidade de formigas só cresce.

“Queremos respeito. Somos cidadãos e pagamos pela existência desse ponto de ônibus, pelo transporte e quando precisamos de ajuda somos ignorados”, disse um passageira moradora das imediações do ponto de ônibus.

Segundo ela, em um dos contatos feitos com o Centro de Zoonoses por email, eles se isentaram de qualquer responsabilidade sobre o problema. “Infelizmente não há nada que possamos utilizar nesse local. O ideal seria usar aqueles granulados para formigas, mas que não é fornecido ao CCZ",disseram os responsáveis pelo centro em resposta a um dos emails dos moradores. 

O caso tem provas documentais registrados através de diversas fotos, e uma explicação minuciosa através de texto encaminhado ao CCZ, pelos passageiros que não sabem mais a quem recorrer. 

“Já foram feitos vários pedidos através de e-mails, mas um joga o caso para o outro e sempre há uma nova desculpa, estamos cansados”, disse uma passageira.

Hildebrando Souza

Pego meu transporte público todos os dias nesse ponto, e reparei que além de atrapalhar nenhuma delas pego ônibus ou lotação. Sacanagem.

Beto

Ora!Quetem tem de sair são os pretensos seres humanos que invadem,depredam tudo.Não vão aprender nunca?

cesar koji sakamoto

Não é só em algum bairro o descaso da prefeitura,o descaso esta no municipio todo. Aqui no jardim santo antonio em frente a casa aonde moro o abrigo do ponto de onibus é a árvore!!!pode isso senhor prefeito? E tambem o asfalto na rua a cada dia que passa esta sumindo os buracos estaw tomando conta...

07/01/2017

Sobe neste domingo valor da tarifa em linhas intermunicipais

04/01/2017

Secretário de segurança de Taboão assume a pasta de transporte

04/01/2017

Linhas intermunicipais da região podem ter restrição para circular em SP

03/01/2017

Operação Fim de ano na Régis registrou mais mortes em relação ao ano passado

30/12/2016

Rodízio de veículos suspenso volta a vigorar no dia 16 de janeiro

28/12/2016

Operação Rodovida incentiva educação no trânsito na região

22/12/2016

Começa nesta sexta-feira suspensão do rodízio municipal de veículos

20/12/2016

ANTT autoriza aumento e pedágio na Régis Bittencourt passará a custar R$ 3,00

29/11/2016

Manhã chuvosa travou o trânsito em Taboão no começo do dia

O trânsito ficou caótico na manhã de

25/11/2016

Novo retorno em Itapecerica é liberado pela Autopista

19/01/2017

Moradores de Taboão já se preparam contra as fortes chuvas de janeiro

As chuvas que caíram desde o início da semana em toda a região, tem preocupado a população. Os...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.