Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Meio Ambiente

Cavalo morre de exaustão no percurso da romaria de Itapecerica a Pirapora

Por Sandra Pereira | 6/08/2016

cavalo_1_1

DivulgaçãoMorte do cavalo provocou comoção entre protetores de animais

Um cavalo morreu de exaustão após fazer o percurso da romaria que partiu de Itapecerica da Serra com destino à Pirapora de Bom Jesus. A denuncia chocante foi feita no site da Agência de Notícias dos Direitos dos Animais, que publicou uma denuncia chocante feita por uma leitora, que ficou chocada com o crime contra o animal. A romaria é uma das mais antigas tradições de Itapecerica.

Segundo a denunciante, o cavalo morreu no sábado 30 de julho. Ela disse que o animal desfaleceu em uma das paradas (Rancho da Pamonha em Santana de Parnaíba) às 13h e foi atendido por veterinários, com soro. 

A denunciante contou ao site da Anda que havia muito sangue no local, mas o suposto veterinário não conseguia encontrar a veia do animal. Fontes locais confirmaram que o cavalo não possuía prepara para caminhar por tantos quilômetros.

A testemunha ainda relatou que o cavalo foi reanimado e levado para Itapecerica da Serra dentro de um caminhão, mas não resistiu. Testemunhas afirmam que o animal apresentava batimentos cardíacos de 160 por minuto.

Além da morte lamentável do cavalo, outras cenas de maus-tratos também foram registradas. Segundo informações de pessoas que estiveram no local, havia animais sem ferraduras, animais envergados devido ao peso de charretes, passando mal com excesso de esforço além do relato revoltante de covardia contra uma égua que estava cansada e sem conseguir urinar e teve pimenta colocada em seus genitais em uma suposta tentava de relaxamento.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.