Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cultura

Tocha será acesa no Monumento do Ipiranga e levada a pé a partir de Taboão até Embu

Por Prefeitura da Estância Turística de Embu das Artes | 3/08/2016

tocha900

Alex Natalino

No dia 3 de setembro (sábado), Embu das Artes recebe a “27ª Corrida do Fogo Simbólico da Pátria”, tradicional evento do município com 44 anos de existência que ocorre na Semana da Pátria em comemoração ao Dia da Independência. Com apoio da Prefeitura, neste ano o evento homenageará os desportistas da cidade que fizeram história no passado.

Implantada e coordenada pelo professor Pedro Ayres e uma Comissão, a corrida consiste em levar até Embu das Artes uma tocha que será acesa, às 7h do dia 3 de setembro, na pira do Monumento da Independência, no Ipiranga, em São Paulo. De lá, um veículo a conduzirá até Taboão da Serra para entregá-la nas mãos de uma Comitiva de 20 atletas que, a pé, percorrerão a rodovia Régis Bittencourt até o km 276 (Posto 22) para se encontrarem com a grande concentração de participantes que, em revezamento, carregarão a tocha pelas ruas de Embu das Artes até o Parque Francisco Rizzo (rua Alberto Giosa, 390), onde o fogo ficará aceso em uma pira até dia 7 de setembro.

 No Parque Francisco Rizzo, ocorrerá uma solenidade e homenagens com a participação de autoridades, da Banda Municipal e grupo de dança. O evento terá apoio operacional das Polícias Militar e Rodoviária, Divitran, GCM e Autopista. 

Quem quiser participar da corrida, a partir Embu das Artes, deverá clicar aqui e preencher o formulário até dia 19 de agosto. Se preferir, também pode imprimir a ficha de inscrição aqui e entregá-la pessoalmente à Secretaria Municipal de Esportes e Lazer, na rua Andronico dos Prazeres Gonçalves, 114, Centro. Cada participante receberá uma camiseta personalizada a ser retirada no dia do evento. Pais ou responsáveis deverão acompanhar crianças e adolescentes menores de 18 anos de idade, informando seu nome e dados no formulário de inscrição do menor.  
Trajeto da tocha (3/9)

·         7h - Monumento do Ipiranga: Saída do grupo com a tocha
·         8h - Taboão da Serra (rua Roberto Simões Souza, próximo à Intersul): 20 atletas recepcionam a tocha
·         9h - Embu das Artes (Rodovia Régis Bittencourt, km 276, no Posto 22): Concentração de todos participantes inscritos
·         Percurso nas vias de Embu das Artes: Hélio Ossamu Daikuara, Isaltino Victor de Moraes (ponto de hidratação), Cassio M’Boy, Cândido Portinari, Quirino da Silva, Emancipação, Belo Horizonte (estádio Hermínio Espósito). Em seguida: Luiz de Almeida Carvalho, Runafo Lira e Alberto Giosa (Parque Francisco Rizzo). Hora prevista para término do trajeto: 12h

História 

O “Fogo Simbólico da Pátria” surgiu em 1937, no Rio Grande do Sul, idealizado por um grupo de patriotas que procurava um símbolo que representasse o civismo brasileiro. O fogo foi escolhido por ser um elemento cuja descoberta deu início à evolução do homem. A ideia foi levada à Liga da Defesa Nacional, na época, que acolheu com entusiasmo e sugeriu que o fogo deveria percorrer o território nacional, numa corrida de revezamento. Assim, em 1938, uma pequena corrida ocorreu num trecho de 26 km, entre as cidades de Viamão e Porto Alegre, constituindo-se na 1ª Corrida do Fogo Simbólico da Pátria.

Com base em fontes impressas e orais, compreende-se que ela pode ser considerada uma apropriação da Corrida de Revezamento da Chama Olímpica.
Em Embu das Artes, a “Corrida do Fogo Simbólico da Pátria” surgiu em 1972, quando o professor Pedro Ayres, inspirado na corrida com a tocha que passara pela região ao longo da Rodovia Régis Bittencourt, vinda do sul do País, decidiu que o município deveria fazer a sua.
Desde então, ela tornou-se uma prática cultural que marcava o início das comemorações da “Semana da Pátria”, em setembro, com a participação de estudantes, professores e diretores da rede de ensino, com apoio do governo municipal, comerciantes e empresários.
Três dias antes do dia 7 de setembro, um ônibus levou um grupo de alunos uniformizados de branco ao Monumento da Independência, no bairro do Ipiranga, em São Paulo, onde há uma pira acesa permanentemente, e lá acenderam a chama da tocha e a conduziram, com revezamento, pelas ruas e avenidas de São Paulo, passando por Taboão da Serra até chegar a Embu das Artes, totalizando um percurso de 45km. Com apoio de motos da escolta policial, um veículo aberto carregando três bandeiras (Brasil, São Paulo e Embu das Artes), abria espaço para os corredores com a tocha.

26/02/2017

Carnaval 2017: blocos carnavalescos desfilam em 2 locais

A verba municipal que seria investida no Carnaval deste ano foi destinada à área da Saúde, mas...

23/02/2017

Louvor Encontro com Cristo no Carnaval acontecerá neste domingo em Itapecerica

Neste Domingo, 26, a cidade de Itapecerica da Serra realizará mais um Louvor Encontro com Cristo...

07/02/2017

Prefeitura de Itapecerica e Sebrae-SP promovem oficinas para empreendedores

01/02/2017

Feira de Artes e Artesanato de Embu completou 48 anos

25/01/2017

Cultura promove encontro de artistas de Itapecerica

21/01/2017

Evento “Entrelaçar de Ideias” reuniu mescla cultural em Itapecerica

16/01/2017

Exposição Esculturas em Família foi inaugurada no fim de semana em Embu

12/01/2017

Confira a agenda cultural deste fim de semana na região

26/12/2016

Santuário distribui cestas básicas: Solidariedade, afeto e amor ao próximo

26/02/2017

Carnaval 2017: blocos carnavalescos desfilam em 2 locais

A verba municipal que seria investida no Carnaval deste ano foi destinada à área da Saúde, mas...

23/02/2017

Câmara rejeita contas de 2013 e Chico Brito deve ficar inelegível por 8 anos

23/02/2017

Sebrae Aqui leva empresários de Itapecerica para a Feira do Empreendedor

Uma parceria entre a Prefeitura de Itapecerica da Serra e o SEBRAE proporcionou a ida de...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.