Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Menina de 10 anos foi estuprada em salão de jogos de condomínio em Taboão da Serra

Por Sandra Pereira | 19/07/2016

estupro

Divulgação - GCM Acusado de estuprar criança foi agredido por familiares dela após eles assistirem imagens das Câmeras de segurança

Uma menina de apenas 10 anos de idade foi vítima da ação de um estuprador dentro do salão de jogos de um condomínio localizado na Estrada de São Francisco, em Taboão da Serra.

Toda a ação criminosa foi filmada pelas câmeras de segurança do local.  

O estuprador tem 27 anos e foi preso em flagrante pela Guarda Civil Municipal (GCM) que foi acionada por meio de uma denúncia anônima. O criminoso ainda tentou subornar os agentes oferecendo R$ 5 mil a cada um deles. Ele vai responder pelos crimes de estupro de vulnerável e corrupção ativa. O crime ocorreu no último dia 10.

As imagens apreendidas durante a prisão em flagrante do estuprador mostram que por mais de duas horas ele praticou atos libidinosos com a criança. As cenas são fortes. Chocam. Causam revolta e indignação.

 O vídeo mostra a menina e o acusado entrando no salão de jogos e em seguida a criança aparece fechando a porta e as cortinas do local. Logo depois ela puxa duas poltronas, encosta uma ao lado da outra e o estuprador deita em ambos. Algumas vezes a menina levanta e vai ver se alguém passa do lado de fora do salão de jogos. 
Outras vezes ele repete essa cena. 

A gravação mostra o estuprador abrir sua bermuda e começar a praticar atos libidinosos com a criança. Ao ser descoberto o criminoso ainda tentou negar o estupro. Os GCMs localizaram a mãe da criança e outros familiares e relataram o ocorrido. Depois disso os levaram para a sala de monitoramento onde  assistiram as imagens do monitoramento. Sem conseguir se conter a mãe e os parentes da menina atacaram o estuprador. Eles disseram jamais imaginar que isso ocorreria.

“A mãe da criança informou que o preso foi acolhido pela família e morava com eles no mesmo apartamento não tendo laços de parentesco”, traz parte do Boletim de Ocorrência registrado no 1º Distrito Policial de Taboão da Serra. 

Os GCMs da equipe Echo da Romu disseram ter ficados chocados com a conduta fria do acusado e com a tentativa de suborno praticada por ele a fim de tentar se livrar do crime impune.    

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.