Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Saúde

Equipes de enfermagem de Taboão recebem capacitação sobre infarto

Por Assessoria de Imprensa da prefeitura de Taboão da Serra | 10/06/2016

INFARTO

Vera Sampaio Funcionários das Unidades Básicas de Saúde de Taboão participaram de Palestra sobre Infarto Agudo do Miocárdio no auditório da TaboãoPrev 

Técnicos em enfermagem das Unidades Básicas de Saúde e funcionários do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de Taboão da Serra participaram de uma palestra sobre Infarto Agudo do Miocárdio. A capacitação, organizada pela Secretaria de Saúde, aconteceu na segunda-feira, 30 de maio, no auditório da TaboãoPrev.

A secretária da pasta, Dra. Raquel Zaicaner, ressalta que as doenças relacionadas ao coração são as que mais matam no Brasil e no mundo. “Um estudo publicado pela Sociedade Brasileira de Cardiologia revela que mais de 50 mil pessoas morrem todo ano no Brasil em decorrência de doenças cardíacas e a estimativa é que 100 mil novos casos sejam diagnosticados a cada ano, o que justifica esta e outras capacitações organizadas pela Secretaria”, disse.

A palestra foi ministrada pelo enfermeiro Luciano Vitor Batista, especializado em Enfermagem em Cardiologia. Atualmente, Luciano Vitor trabalha como enfermeiro assistencial tanto na Prefeitura de Osasco, no Pronto Socorro Pestana, quanto na Prefeitura de Barueri, no Pronto Socorro Central.

À ocasião, os servidores puderam tirar dúvidas e acompanhar diversos esclarecimentos, que foram desde os sintomas apresentados por uma pessoa que está enfartando, até os principais medicamentos utilizados, passando por uma rápida leitura de um eletrocardiograma. “Para mim, multiplicar conhecimento é uma responsabilidade de todo enfermeiro. Fazendo isto sei que estou melhorando a qualidade da assistência de enfermagem”, afirmou Luciano Vitor.

O enfermeiro também afirma que os profissionais de enfermagem estão ganhando cada vez mais confiança no mercado de trabalho, o que tem refletido em ganhos para a categoria. “A enfermagem atual é uma enfermagem que pensa antes de agir, que presta uma assistência crítica e reflexiva. O reflexo disso no mercado de trabalho é o paciente que recebe o produto final: uma assistência de enfermagem capaz de melhorar seu processo de doença e qualidade de vida”, disse. “Os ganhos para a categoria são notórios, como o respeito multiprofissional pelo profissional de enfermagem e, claro, beneficiar o maior interessado nisto tudo: o paciente”, finalizou.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.