Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Vereador de Juquitiba é cassado por infidelidade partidária

Por Gabrielly Sousa | 1/06/2016

Pedro

DivulgaçãoO vereador Pedro Angelo trocou o PT pelo PTB

O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) decretou, na sessão da última terça-feira (31), a perda do mandato do vereador de Juquitiba Pedro Angelo da Silva de Lima e de outros três vereadores de  cidades do interior paulista. A decisão ainda cabe recurso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). 

O vereador Pedro Angelo é uma liderança no município e já chegou a ser cotado para a prefeitura. Ele trocou o PT pelo PTB. Com a decisão do TRE a Câmara deve empossar nos próximos dias suplentes para os cargos.

Outros três vereadores também perderam o mandato pelo mesmo motivo: Regiclebson do Carmo Gonçalves, eleito pelo PSD do município de Iaras migrou para o PSDB; Denilson Martins, do PDT de Morro Agudo, mudou para o DEM e Ovídio Aparecido Soares Araújo, eleito pelo PPS de Nova Europa, filiou-se ao PRB.

Por decisão unânime, a Corte considerou que não houve justa causa para a desfiliação dos partidos pelos quais foram eleitos, uma vez que não comprovaram as hipóteses de desfiliação previstas na legislação eleitoral. 

A resolução prevê apenas quatro possibilidades para a mudança de partido: em caso de fusão ou incorporação por outro, se houver criação de nova agremiação, mudança substancial ou desvio do programa partidário, ou ainda se ocorrer grave discriminação pessoal do mandatário.

Após a publicação do acórdão, os juízes determinaram a comunicação às Câmaras Municipais para empossarem os suplentes.  Da decisão, ainda cabe recurso ao TSE.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.