Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Debate sobre machismo esquentou o clima entre vereadores durante sessão em Taboão da Serra

Por Sandra Pereira | 25/05/2016

sessao_1

Sandra PereiraMulheres fizeram apitaço e se queixaram contra discursos considerados machistas

Um caloroso debate sobre dois discursos considerados machistas contra a vereadora Luzia Aprígio (PSD) pautou a maior parte da sessão de Taboão da Serra desta terça-feira, 24. Dezenas de mulheres lotaram o plenário da Câmara e não esconderam de ninguém a insatisfação contra as falas, em sessões anteriores, dos vereadores André Egydio (PSDB) e Eduardo Lopes (PSDB). Com faixas, cartazes, apitos e demonstrando muita disposição para gritar a mulherada se posicionou de costas quando os dois vereadores usaram a tribuna.  

O clima de antagonismo amenizou para Egydio quando ele leu de tribuna carta aberta dizendo ter sido mal interpretado em suas palavras e afirmando não ser machista. Já em relação a Lopes a animosidade não foi desfeita, mas sim ampliada. Aos jornalistas Eduardo Lopes argumentou que sua fala foi distorcida e que as mulheres que foram à Câmara haviam sido levadas ao local pela vereadora Luzia Aprígio. 

A discussão sobre o machismo foi tão intensa que em dado momento "sobrou" para as vereadoras Érica Franquini (PSDB) e Joice Silva (PTB). As duas usaram a tribuna. Érica disse que sempre defende a participação da mulher na política e em dado momento acabou afirmando que fazia seu trabalho com coragem e seriedade, mesmo não sendo filha e nem esposa de político, numa referência clara às mulheres da Casa. 

Já a vereadora Joice afirmou que competência não escolhe sexualidade. Lembrou as leis aprovadas na Casa em benefício das mulheres e em resposta à Erica disse que era filha de política sim, com orgulho.

Já sem a presença da mulherada, os vereadores Lune e Moreira também cobraram das duas colegas mulheres defesa para Luzia Aprígio. Lune criticou a vereadora Érica Franquini e ela respondeu à provocação. Os dois travaram um embate que só não se inflamou mais ainda porque os vereadores fizeram uma pausa nos trabalhos. Antes da pausa houve um princípio de tumulto e algumas pessoas da galeria foram ouvidas gritando palavrões e xingamentos. A ação foi bastante criticada pelos presentes.

Pivô da polêmica Eduardo Lopes praticamente não conseguiu falar tendo a voz abafada pelos gritos e vaias da plateia. Ele foi chamado de “machista” e teve que ouvir repetidas vezes que o “lugar de mulher é onde ela quiser”. O vereador classificou claque, ou teatro, a mobilização das mulheres que estiveram na Câmara. 

A vereadora Luzia Aprígio disse que não sabia que as mulheres iriam até a sessão. Ela disparou que na hora de falar o que querem os vereadores não pensam e depois dizem  que não tiveram a intenção. "Não adianta ofender e depois pedir desculpas [...] nosso lugar é onde a gente quiser”. “Tem vereador que me fez uma pergunta, com quem que eu dormia esses anos todos que eu estou casada? O senhor me ofendeu vereador", disse fazendo menção a Lopes. Em seguida emendou: "o que o senhor falou pra mim dá decoro, dá cassação. Só não vai acontecer isso porque eu só tenho 3 votos”, completou.

Aos jornalistas Eduardo Lopes disse não ser machista em hipótese alguma. "A Mulher pode ser o que quiser ser. A minha fala referente a excelentíssima vereadora Luzia Aprígio foi muito clara e prática. Eu contextualizei, primeiro fazendo uma referência sobre a vida matrimonial. Em Mateus, Capítulo 7, Versículo 18. a Palavra do senhor Jesus Cristo  recomenda que o homem ao deixar os seus pais, vai se unir a sua mulher, e ambos se tornarão uma só carne. A Luzia e todos ouviram. Ai eu indaguei com quem ela dormia nos últimos 20 anos para que o marido não soubesse que está acontecendo uma CPI há mais de 30 dias. Como pode o Aprígio [não] ser notificado [após] oito vezes e alegar nas redes sociais que não sabia? É muita covardia a sessão de hoje. As pessoas que estavam aqui tinha um lado. Eles ovacionaram a fala da Luzia. Estava tudo combinado. Por isso eu repudio essa pecha que tentaram colocar em mim”, declarou Eduardo Lopes.

Passada a confusão a sessão discorreu com os tradicionais debates entre situação e oposição. 



23/05/2018

Johnatan Noventa aprova projeto para sinalizar locais com acidentes frequentes

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram por unanimidade, na sessão desta terça-feira, 22, o...

23/05/2018

Câmara aprova voto de louvor a inspetores da PRF após blitz contra a exploração

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram por unanimidade, na sessão desta terça-feira, 22,...

22/05/2018

Vereadores e PRF fizeram blitz contra o Abuso e a Exploração Sexual de Crianças

Uma parceria inédita entre o Poder Legislativo de Taboão da Serra e a Polícia Rodoviária Federal...

22/05/2018

Juninho Silvestre deixa Secretaria de Governo e será assessor do prefeito Jorge

O advogado Cláudio Silvestre Júnior, o Juninho, foi exonerado da Secretaria de Governo de...

22/05/2018

Vereador Marcos Paulo realizou 1º Fórum do Maio Amarelo de Taboão da Serra

O vereador Marcos Paulo, o Paulinho promoveu na Câmara Municipal de Taboão da Serra, no sábado,...

21/05/2018

Manifestantes pedem manutenção de convênio com Solar dos Unidos em Taboão

Um grupo de manifestantes marcha na manhã desta segunda-feira, 21, na Rodovia Régis Bittencourt,...

20/05/2018

Aprígio recebe honraria de Embaixador da Paz Mundial

O taboanense irá representar 180 países e atuará na formação e na expansão de uma aliança...

18/05/2018

Prefeito Fernando Fernandes recebe Selo de Reconhecimento Social

O prefeito Fernando Fernandes foi condecorado, nesta quinta-feira, 17 de maio, com o “Selo de...

17/05/2018

Joice Silva e Johnantan Noventa farão blitz contra a Exploração Sexual em Taboão

A vereadora Joice Silva, presidente da Câmara Municipal de Taboão da Serra e o vereador...

16/05/2018

Vereador Alex Bodinho aprova lei criando Dia do Agente Comunitário de Saúde

Com alegria genuína, o vereador Alex Bodinho comemorou a aprovação do seu 1º primeiro projeto de...

23/05/2018

Caminhoneiros voltam a fechar BR em Embu das Artes contra preço do diesel

Pelo terceiro dia seguido, caminhoneiros protestam contra a alta no preço do diesel e bloqueiam...

23/05/2018

Johnatan Noventa aprova projeto para sinalizar locais com acidentes frequentes

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram por unanimidade, na sessão desta terça-feira, 22, o...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.