Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Educação

Taboão oferece aulas gratuitas de LIBRAS para pais se comunicarem com filhos surdos

Por Assessoria de Imprensa da prefeitura de Taboão da Serra | 25/05/2016

LIBRA

Charles Eliseu  Pais passaram a ter aulas de libras para melhorar a comunicação com os filhos que apresentam problemas de audição  

Diversas pesquisas apontam que a comunicação entre pais e filhos é essencial para o desenvolvimento das crianças. Porém, um pequeno diálogo pode se tornar um enorme desafio quando a família é ouvinte e o filho é surdo. Pensando nisto, o Centro de Integração e Apoio ao Deficiente Visual e Auditivo (CIADEVA), da Prefeitura de Taboão da Serra, resolveu oferecer gratuitamente aulas de Libras - Linguagem Brasileira de Sinais - para os pais e familiares.

De acordo com a diretora do CIADEVA, Márcia de Jesus Temóteo, a iniciativa surgiu após uma reunião com os pais. “Muitos relataram que seus filhos eram nervosos e agitados porque tentavam se comunicar e não eram compreendidos. Então, resolvemos fazer esta parceria com os pais para que eles pudessem aprender Libras e assim se comunicar e interagir com os filhos”, afirmou.

Aline Rodrigues mora no Saint Morritz é mãe de Otávio, 5 anos. Otávio nasceu com deficiência auditiva profunda e não se adaptou ao aparelho. “No começo foi triste, porque ninguém querer aceitar que o filho é surdo”, disse. “Com o tempo conheci a cultura surda e as aulas foram essenciais neste processo. Hoje vejo que meu filho é uma criança normal”, afirmou.

As aulas acontecem às sextas-feiras e são ministradas por Wilson Santos Silva, que é surdo. Graduado em Letras-Libras pela Universidade Federal de Santa Catarina e especializado em Educação Especial e Libras, Wilson afirma que por ter estudado em uma escola regular sabe exatamente o que as crianças passam. “Sempre mostro para os pais que se comunicar não é apenas oralizar e que os filhos não são coitadinhos. Durantes as aulas as famílias são orientadas a não se expressar verbalmente e, sim, estimular o aprendizado da Libras. Até porque, se a família não estimular as crianças, a escola encontrará barreiras no ensino”, concluiu.

Sabrina Bonicoski, 30 anos, é mãe de Kauan, hoje com 7 anos. A moradora do Parque Jacarandá desconfiou que o filho pudesse ter alguma deficiência auditiva quando o garoto tinha dez meses. Porém a confirmação só veio aos 3 anos. “Antes ele era muito nervoso, porque queria se comunicar e eu não entendia. Tudo o que ele sabe aprendeu aqui. Não sei o que seria da minha família se não fosse o CIADEVA”, disse.

Quando Kauan nasceu o Teste da Orelhinha, que detecta deficiências auditivas não era obrigatório. Por isto, a descoberta aconteceu tardiamente. Após a sanção da Lei Federal 12.303, o teste é realizado na maternidade ou, em alguns casos, a mãe sai com encaminhamento para agendar o exame. O teste consiste em colocar um fone de ouvido, que está ligado a um computador, na orelha do bebê. O computador emite sons e recolhe as respostas que o canal auditivo produz. O Teste da Orelhinha é rápido, indolor, não precisa de anestesia e é feito com o bebê dormindo, em sono natural. 


Serviço:

CIADEVA
Avenida Brasil, 1146, no Jardim América.
Telefone: (11) 4787-2814.

19/11/2017

Diretor da Khan Academy na América Latina visita escolas de Taboão

Duas escola da Prefeitura de Taboão da Serra receberam na terça-feira, 7 de novembro, a visita...

14/11/2017

Em alta, cozinha do mar tem curso de formação profissional no Senac

No Brasil, os mais de 7 mil quilômetros de extensão da costa litorânea fazem da cozinha do mar...

13/11/2017

Gabarito oficial do Enem 2017 será divulgado na quinta-feira

O gabarito oficial do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) será divulgado na próxima...

09/11/2017

Alunos do Senac Taboão criam canal no YouTube para compartilhar aprendizado

Como parte do processo de ensino-aprendizagem adotado pelos docentes da instituição, os alunos...

07/11/2017

Professora de Embu é uma das vencedoras Prêmio Educador Nota 10

A noite de segunda-feira, dia 30, foi de celebrar a Educação. Em uma Sala São Paulo bem cheia, o...

03/11/2017

Inep recorre ao STF contra decisão que impede regra de direitos humanos no Enem

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), por meio da...

03/11/2017

Novembro Azul: OncoRede da ANS tem programas de atenção a pacientes com câncer

Novembro é mês de reforçar as orientações sobre a prevenção do câncer de próstata, missão que...

01/11/2017

Alunos da rede pública de Taboão participam de concurso de soletração de inglês

O concurso de soletração em inglês Spelling Bee Contest já mobiliza estudantes de toda a rede...

01/11/2017

Fatec divulga prazo para pedir isenção total ou parcial da taxa do vestibular

Os pedidos para isenção total ou de desconto de 50% na taxa de inscrição para o vestibular do...

21/11/2017

Taboão terá caminhada pela paz e contra violência às mulheres dia 25 de novembro

O lançamento de uma ampla mobilização para uma caminhada histórica pelo fim da violência contra...

21/11/2017

Nova fase da Lava Jato investiga corrupção na Transpetro; alvo é um ex-gerente

A Polícia Federal (PF) cumpre hoje (21) oito mandados de busca e apreensão, cinco de condução...

21/11/2017

Presídios terão banco de dados sobre situação de detentos

Um sistema desenvolvido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) vai reunir as informações...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.