Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Kaká defende fim da aprovação automática e maior salário para educadores

Por Outro autor | 20/09/2010

00 350_6.jpg

Kaká caminha na zona sul de São Paulo

O candidato a deputado estadual, Kaká, defendeu, na manhã deste sábado, 18, em caminhada na zona sul da capital paulista, o fim da aprovação automática na rede estadual de ensino e o aumento de salários para  os profissionais da educação.

No corpo-a-corpo com eleitores e representantes sindicais, o candidato garantiu que defenderá projeto de lei que garanta o fim da aprovação de alunos que não atingiram o nível recomendado de aprendizado, estabelecendo "critérios de merecimento e assiduidade para avaliação de alunos".

A ampliação de cursos de capacitação profissional nas escolas estaduais e a expansão de Escolas (Etec) e Faculdades Técnicas (Fatec) pelos municípios da região sudoeste, metropolitana e na capital também foram apontadas como prioridades pelo deputado.

"Além da qualidade no ensino, nós precisamos garantir também melhor remuneração para os profissionais que atuam na linha de frente da educação. Temos que lutar por maior repasse do Fundeb (O Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica) ao Estado de São Paulo e exigir que o governo amplie investimentos aos municípios", defendeu Kaká.

Como parte de suas propostas para o Estado, Kaká disse que os investimentos necessários para educação começam com a melhor remuneração dos profissionais e a geração de oportunidades para a juventude.

 A criação de um cursinho popular com professores das Universidades Estaduais para que jovens carentes tenham a oportunidade de ingressar no ensino superior também será uma bandeira defendida pelo mandato do deputado.

 

21/04/2018

Governo diz que terá de adiar reajuste de servidor para fechar contas em 2019

Para tentar impedir a paralisação da máquina administrativa e dos investimentos públicos no ano...

21/04/2018

Vereador Marcos Paulo elogia atuação da GCM em Taboão da Serra

O vereador Marcos Paulo vem usando a tribuna da Câmara Municipal para elogiar o trabalho...

21/04/2018

Câmara Municipal aprova título de Cidadão Taboanense para o padre Weliton Angeli

Na sessão da última terça-feira, dia 17, os vereadores de Taboão da Serra aprovaram por...

21/04/2018

Presidente Joice Silva e as vereadoras Priscila e Rita receberam prêmio

A presidente da Câmara de Taboão da Serra, Joice Silva e as vereadoras Priscila Sampaio e Rita...

20/04/2018

Prefeito Fernando firma parceria com MP para implantação da Patrulha Guardiã

O prefeito Fernando Fernandes assinou na quinta-feira (3), o Termo de Cooperação com o...

20/04/2018

Anderson Nóbrega é nomeado novo secretário de esportes em Embu das Artes

Na tarde da última quinta-feira (19), em Embu das Artes, o prefeito Ney Santos nomeou Anderson...

18/04/2018

Senado aprova projeto que obriga escolas a combaterem bullying

O Senado aprovou, nesta terça-feira (17), o projeto que obriga as escolas a desestimularem seus...

17/04/2018

Após revisão, governo anuncia cancelamento de 422 mil benefícios sociais

Após um trabalho de revisão de benefícios sociais concedidos pelo governo federal, 422 mil serão...

14/04/2018

Câmara Municipal entrega título de Cidadão Taboanense ao padre Kirano

No último domingo, dia 8, a Câmara Municipal de Taboão da Serra entregou o título de Cidadão...

12/04/2018

4º Encontro de Autismo reuniu quase mil pessoas no Cemur, em Taboão

Quase mil pessoas participaram do 4º Encontro de Autismo de Taboão de Serra, realizado no...

22/04/2018

Quatro suspeitos são presos durante assalto a farmácia em Itapecerica

Um homem e três menores foram presos na noite do último sábado (21), após tentativa de assalto a...

21/04/2018

Febre amarela continua se expandindo pelo país

Embora os casos confirmados de febre amarela tenham diminuído no Brasil nas últimas três...

21/04/2018

Candidatos desempregados aceitariam ganhar menos que no emprego anterior

Pesquisa divulgada pela Robert Half, empresa de recrutamento e seleção, mostra que 70% dos...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.