Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Saúde

Ministério da Saúde aprova implantação do SAMU em Embu e Itapecerica

Por | 20/09/2010

00_1_350.jpg

Depois de Taboão, Embu e Itapecerica recebem serviço do Samu

Na semana passada o Ministério da Saúde aprovou a implantação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para os municípios de Embu das Artes, Itapecerica da Serra, Juquitiba e São Lourenço. Na região, somente a cidade de Taboão da Serra já contava com o serviço desde 2006. A Central de Regulação Médica que é responsável pelo atendimento de todos os chamados recebidos pelo telefone 192 de toda a região, será em Embu.

Para que isso ocorra, a central de Ambulâncias foi instalada em novo prédio, localizado no Jardim Magali, que será adaptado para receber a Central de Regulação utilizando recursos do Ministério da Saúde. Atualmente a Central será responsável pelo atendimento de: acidentes em geral, casos clínicos, fazer remoções (dos pronto-socorros para hospitais, por exemplo), atendimento ambulatorial no local e transporte de pacientes para tratamentos especializados em outros municípios como São Paulo ou Taboão da Serra.

A cidade de Embu das Artes receberá também três ambulâncias, sendo dois suportes básicos de vida e um suporte avançado de vida (UTI móvel). Itapecerica da Serra também receberá duas viaturas (um suporte básico e um avançado). Já Juquitiba receberá dois suportes básicos de vida e São Lourenço da Serra  ficará com um suporte básico.

Conheça o SAMU

O serviço tem por objetivo, segundo o Ministério da Saúde, prestar socorro à população em situações de urgência e emergência. O atendimento é realizado em qualquer lugar, seja na residência, no trabalho ou nas vias públicas. Para que o atendimento seja realizado é necessário ligar a qualquer hora para o telefone 192.

Embu das Artes ainda não receberá os chamados, pois está em processo de implantação, mas assim que o serviço estiver disponível a população será  informada de acordo com a Assessoria de Imprensa da Prefeitura.

O Samu/192 é parte da Política Nacional de Atenção às Urgências criada, em 2003, pelo Governo Federal, e visa garantir melhor qualidade de atendimento no Sistema Único de Saúde (SUS) contemplando cinco grandes ações, sendo elas: Organizar o atendimento de urgência nos pronto-atendimentos, unidades básicas de saúde e nas equipes do Programa Saúde da Família; Estruturar o atendimento pré-hospitalar móvel (SAMU 192);  Reorganizar as grandes urgências e os pronto-socorros em hospitais; 
Criar a retaguarda hospitalar para os atendidos nas urgências; e Estruturar o atendimento pós-hospitalar.

Com informações de Júlio Marcondes (Assessor de Imprensa da Prefeitura de Embu das Artes).

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.