Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Câmara de Itapecerica aprova licença de 30 dias para vereador foragido da polícia

Por Sandra Pereira | 3/02/2016

527

Genildo RochaPresidente Alex Pires concede coletiva de imprensa após 1ª  sessão Ordinário de 2016.

Na primeira sessão legislativa de 2016, nesta terça-feira, 02, os vereadores de Itapecerica da Serra aprovaram por unanimidade licença para o vereador Fabinho Gêmeos (PV). Ele está foragido da polícia desde o dia 27 de novembro de 2015, quando foi deflagrada pelo Ministério Público (MP) a operação Redenção, que levou para a prisão 3 vereadores, ex-vereadores e funcionários da Câmara Municipal.  Todos continuam presos e sem previsão de saída. Apesar de ter três cadeiras vazias os vereadores não devem convocar os suplentes, diferente do que aconteceu em Taboão da Serra, em 2011 quando vereadores foram presos acusados de participar de esquema que desviava IPTU. 

O presidente da Câmara de Itapecerica, Alex Pires declarou que por determinação regimental  não há necessidade de convocar os suplentes. Pires disse que a Justiça Eleitoral de Itapecerica  não cassou os mandatos dos vereadores presos e nem do foragido. Por conta disso a Casa não teria razões para convocar os suplentes, já que os mesmos ainda são considerados vereadores pela Justiça Eleitoral. 

Alex Pires disse que a Câmara recebeu o pedido de licença de Fabinho Gêmeos por meio de um procurador legalmente constituído por ele. A licença aprovada pela Câmara repercutiu entre os moradores da cidade que apresentam opiniões divididas sobre o tema. Segundo o presidente nenhum dos presos ou o vereador licenciado está recebendo salário.

“O nosso regimento diz que o vereador pode estar licenciado por até 120 dias. O vereador fez a solicitação de licença através de um procurador. Não tive contato com o vereador. Recebi o documento e pedi o parecer do Jurídico e recebi a informação de que o vereador pode se afastar de 30 até 120 dias. Além disso, a Justiça Eleitoral não acatou o pedido do Ministério Público para cassar o mandato deles. Então, eles são vereadores”, afirmou o presidente. 

A licença aprovada por unanimidade expira no mês de março. De acordo com Alex Pires, se o prazo expirar e os vereadores não estiverem em liberdade a Casa deverá chamar os suplentes. Até lá o presidente diz que vai agir com cautela e transparência. 

Os vereadores e funcionários da Câmara de Itapecerica da Serra foram presos acusados de participar de um esquema de desvio de R$2,4 milhões das contas do Legislativo Municipal durante o exercício de 2014.

edson

Se tinha alguma duvida agora ficou ESCLARECIDO !!!!!

Magno

Se a câmera municípal tivesse homem,iria cassar todos esses ladrões, não conceder licença, brincadeira ,quero vê essa eleição.

jairo feitosa dos santos

Esses "ditos representantes do povo" precisam ser responsabilizados pelo desleixo que esta esta cidade, dá vergonha caminhar "ou melhor" equilibrar nestas calçadas e desviar das sujeiras encontradas nas vias do município, não basta comparecer nas sessões e ficar apoiando ladrões, pois, quem faz isso comete o mesmo erro; que os eleitores não se deixem enganar e cobrem serviços sérios, por favor, o dinheiro não é deles e sim dos cidadãos...

Alexandre Cisotto

Lugar de ladrão é na CADEIA não importa o valor que roubou, nem seu posto ou cargo que ocupa LADRÃO É LADÃO.

Jesus

É saber que votou a favor,neste ano colocar pra fora, Itap da serra precisa de corajosos e não de covardes.

Maria alves

Unanimidade????? Kd o Sangbom que diz n se meter nessas mutretas? Concordou com isso tbm? Se deixou levar pela maré???

Dirce Santos

E o salário dele ..... com certeza deve estar sendo depositado na conta.

Sandro

Lei feitas pelos caros vereadores regimento interno, A pessoa foragida da justiça com direito a licença, porque fugiu . Qual o problema se não deva nada me poupe CAROS VEREADORES.

silvana mara noronha alves

isso roubou pouqino kkkk sair isso o norma/ no brasi

14/07/2017

Câmara de Taboão permanece com atendimento ao público durante o recesso

A Câmara Municipal de Taboão da Serra entrou em recesso parlamentar no início de julho e neste...

12/07/2017

MPT pede veto e não descarta entrar com ação contra reforma trabalhista

O Ministério Público do Trabalho (MPT) encaminhou ao presidente Michel Temer, nesta quarta-feira...

07/07/2017

Deputada Analice assume presidência da Assembleia e recebe delegação da Baviera

A deputada estadual Analice Fernandes assumiu interinamente a presidência da Assembleia...

07/07/2017

Assembleia aprova proposta de Alckmin que reduz valores de multa e juros de ICM

Na tarde desta quarta-feira, 05 de julho, a Assembleia Legislativa de São Paulo aprovou o...

05/07/2017

Tribunal de Contas reunirá prefeitos de Taboão, Embu, Itapecerica e região

Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP) realiza em Suzano, na próxima quinta-feira...

05/07/2017

Assembleia aprova proposta de Alckmin que reduz valores de multa e juros de ICMS

Na tarde desta quarta-feira, 5 de julho, a Assembleia Legislativa de São Paulo aprovou o Projeto...

04/07/2017

Vereadora Érica Franquini comemora o sucesso da 1ª audiência pública

Na quinta-feira, 29, a comissão de Segurança da Câmara Municipal de Taboão da Serra realizou a...

04/07/2017

Prefeito Jorge Costa fala sobre projetos de Itapecerica

Reeleito pela quarta vez para administrar a prefeitura de Itapecerica da Serra, o prefeito Jorge...

03/07/2017

Prefeitura de Embu emite nota sobre a saída de Jefferson Siqueira do Turismo

A prefeitura de Embu das Artes emitiu nota oficial sobre a demissão do secretário Jefferson...

01/07/2017

Câmara Municipal entra em recesso após aprovação da LDO

Na última terça-feira, dia 27, os vereadores de Taboão da Serra aprovaram por unanimidade, em...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.