Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Empresários e moradores discutem enchentes em Embu das Artes

Por Direto da Redação do Jornal na Net | 2/02/2016

enchentes

Adriana MonteiroSecretários participam de reunião para tratar das enchentes em Embu das Artes 

Empresários e moradores de Embu das Artes se reuniram com secretários municipais nesta segunda-feira, dia 01, na Acise para discutir ações efetivas para conter os efeitos causados pelas enchentes e questionar as ações preventivas realizadas pela Prefeitura de Embu das Artes. 

Os presentes questionaram o que a prefeitura tem feito após as duas grandes tempestades em janeiro de 2016, que alagou a frente do Pronto Socorro Central além do trecho da Aba Motors e também a avenida Jorge de Souza, onde desceu terra das construções no local. 

O secretário de Obras, Nelson Pedroso destacou que a prefeitura já vem desenvolvendo e analisando ações para conter os impactos causados pelas enchentes e salientou que de frente com o PS Central é um local de parada de água e a solução seria colocar uma tubulação por baixo do galpão de imóveis, porém é necessária uma conversa mais efetiva com o proprietário do empreendimento. 

Questionados sobre prazos para implantação das ações, os secretários afirmaram que será um trabalho ao longo do ano para que em novembro/dezembro as ações possam estar em funcionamento para as futuras enchentes no município. 

O secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Zé Ovídio declarou que os rios não estão preparados para as chuvas, que as alterações na natureza modificaram até mesmo a previsão do tempo, que muitas vezes são acompanhados mas chove acima do previsto. 

O secretário de Trânsito e Transporte, Kal disse que em sua pasta um esquema operacional foi implantado com a disponibilização de carros para por exemplo auxiliar no fechamento de vias. Ele disse que quatro pontos são observados durante as chuvas, sendo na Belas Artes, Caixa Econômica, Antigo Caipirão e na Aba Motors. 

Em contrapartida, os empresários e moradores cobraram mais ações preventivas e que os grandes empreendimentos façam os estudos necessários para evitar possíveis transtornos para o comércio e residências. 

Estiveram presentes os secretários Kal (Trânsito e Transporte), José Ovídio ( Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano), Nelson Pedroso (Obras), Paulo Brandão (Defesa Civil) e o engenheiro Francisco, além do presidente da Acise, Batista que intermediou toda reunião. Também estiveram na reunião, os presidentes do Conseg, Claudia Maria e Junqueira.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.