Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Comissão de Obras discute área institucional em empreendimentos da Cooperativa Vida Nova

Por Assessoria de Imprensa da Câmara de Taboão | 4/11/2015

obras

Cynthia Gonçalves

A Comissão de Obras da Câmara Municipal de Taboão da Serra realizou audiência pública nesta quinta-feira, 29, onde tratou sobre o fato dos empreendimentos da Cooperativa Habitacional Vida Nova instalados na cidade não terem deixado área institucional para a construção de equipamentos públicos. Durante os trabalhos o vereador Eduardo Lopes, presidente da Comissão de Obras, disse que recebeu documentos sobre o assunto e vai emitir parecer a respeito nas próximas semanas.

“O nosso objetivo será analisar toda a documentação recebida e somente depois disso vamos exarar parecer. A ideia é não expor a Cooperativa e seus dirigentes, mas temos que investigar se havia ou não a necessidade de área institucional. Estamos sendo cautelosos, mas não vamos prevaricar”, explicou Eduardo Lopes. 

Eduardo Lopes disse que a comissão ainda se reuniu para tratar do assunto. Afirmou que tratou o tema individualmente com os outros dois membros da comissão, André Egydio e Luzia Aprígio. 

Membro da Comissão a vereadora Luzia Aprígio sugeriu que a ex-secretária de Habitação de Taboão da Serra,  ngela Amaral, seja convidada a prestar esclarecimentos sobre os empreendimentos, já que os mesmos teriam sido aprovados durante sua gestão na pasta. Além de  ngela Amaral a vereadora sugeriu que o engenheiro Frazão. 

“Vamos nos reunir e deliberar se há a necessidade de ouvir os dois. Vamos analisar a documentação e deliberar se há a necessidade de novas audiências”, declarou o presidente da comissão. 

O secretário de Obras de Taboão, Rogério Balzano, participou dos trabalhos e repassou aos vereadores participantes informações sobre os empreendimentos da Cooperativa. Ele disse que a administração municipal cumpre seu papel e investiga todas as denúncias de irregularidades nas obras realizadas na cidade.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.