Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Começam as obras no Pirajuçara para recompor o viário

Por Assessoria de Imprensa | 24/10/2015

viario

Assessoria de ImprensaPrefeito Fernando Fernandes acompanha inicio das obras

Iniciaram as obras na rua José Carlos de Macedo, entrada e saída de Taboão, no córrego Pirajuçara. Cerca de 15 metros do muro de arrimo às margens do córrego vieram abaixo com as chuvas do início do ano, provocando também um afundamento do asfalto. 

A obra é de responsabilidade do governo do Estado, uma vez que o córrego Pirajuçara é um rio que faz divisa com municípios de Taboão e São Paulo. A deputada estadual Analice Fernandes havia feito uma solicitação formal para que o DAEE – Departamento de Águas e Energia Elétrica do Estado - desse prioridade a realização da obra. 

“Nos reunimos com o superintendente do DAEE, Ricardo Daruiz Borsari, dia 18 de maio, para solicitar os reparos na Carlos de Macedo e em outros dois trechos”, afirmou a deputada.
O prefeito Fernando Fernandes verificou o inicio das obras. Serão feitos três trechos um de 15 metros lineares, e os outros de 70 metros e 40 metros, o valor da obra é de R$ 1.049.924,16. 

“Felizmente, o governo iniciou as obras, a queda de parte da rua estava causando muito transtorno para a cidade, principalmente porque a rua José Carlos Macedo tornou-se uma importante via”, afirmou o prefeito Fernando Fernandes.  

Serão executados também os trechos da rua Luiz Bartolomeu Antunes e da rua Luiz Santos Silva, que fica no Leme, e que também foram afetados pela velocidade das águas do córrego Pirajuçara. 

Segundo o engenheiro responsável pelas obras, Roberto Fernandes, da Construtora Tecno Gab Engenharia, será refeito o muro de gabião, com reforço nas fundações. “Houve mudança no projeto para que o muro resista ao impacto das chuvas”, afirmou.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.