Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Em rápida sessão, os vereadores de Embu aprovam anistia das dívidas do IPTU

Por Direto da Redação do Jornal na Net | 1/10/2015

sessao_embu

Adriana MonteiroSessão ordinária aconteceu nesta quarta-feira, dia 30, em Embu das Artes 

Os vereadores de Embu das Artes aprovaram o projeto de lei complementar 14/2015, de autoria do prefeito municipal, Chico Brito, que concede aos munícipes anistia das dívidas do Imposto Predial e Territorial Urbana (IPTU), que como objetivo facilitar o pagamento atrasos por parte dos moradores. Alem disso, foi aprovada a indicação 70/2015, de autoria dos vereadores Carlinhos do Embu e Ney Santos, que solicita estudos para implantação de uma creche no Parque Esplanada.  

A sessão ordinária desta quarta-feira, dia 30, foi rápida com inicio após às 18h20 e termino às 19h40, contando com a aprovação de alguns projetos de lei e também indicações de interesse da população.  

Foram aprovadas o projeto de lei complementar n°14/2015, que trata da concessão de anistia das dívidas de IPTU aos moradores do município. Também aprovaram o projeto de lei nº 46/2015, de autoria do vereador Carlinhos do Embu, que dispõe sobre a implantação do programa 0800 para Marcação de consultas ambulatoriais via telefone. O projeto de Resolução nº 09/2015, também foi aprovado e trata sobre a relação de documentos arquivados que não possui mais valor documental para serem triturados.  

O vereador Doda Pinheiro pediu para retirar suas duas indicações, para que fossem votadas em outro momento, sendo elas 67/2015, que indica estudos quanto de implantação de câmeras de segurança, na Avenida Augusto Almeida Batista no Jardim São Marcos e a  68/2015, que indica estudos quanto à Implantação de GCM motorizada no município de Embu das Artes.  

Aprovaram a indicação nº 70/2015, de autoria dos vereadores Carlinhos do Embu e Ney Santos, que indicam em caráter de urgência, estudos sobre implantação e execução das obras de "Construção de Creche no Bairro do Parque Esplanada. Esse foi um pedido do líder comunitário, o GCM Denis Viana juntamente com a população da região.  

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.