Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Em clima de unidade, amor e fé Câmara de Taboão cria feriado do Dia Amor Misericordioso de Deus

Por Sandra Pereira | 29/09/2015

IMG_9467

Cynthia GonçalvesCatólicos e evangélicos se uniram para garantir a aprovação do feriado que originalmente pretendia ser dedicado a Santa Terezinha

O Amor Misericordioso de Deus será comemorado em feriado municipal em Taboão da Serra, no dia 1º de outubro. A data é dedicada a padroeira da cidade, Santa Terezinha. O feriado foi aprovado por unanimidade, em clima de unidade e paz, na sessão desta terça-feira, 29, na Câmara Municipal. Católicos e evangélicos celebraram a aprovação de mãos dadas com o Pai Nosso. O amor e união foram as palavras mais presentes nos discursos de todos os vereadores e do monsenhor Agnaldo Carvalho. O projeto foi enviado a Casa pelo prefeito Fernando Fernandes e conseguiu unificar católicos e evangélicos por conta da nomenclatura dada ao feriado. O nome do feriado foi escolhido pelo monsenhor que disse ter aprendido o amor misericordioso de Deus com Santa Terezinha padroeira da cidade. Nesta quinta-feira, 1º de outubro a data será ponto facultativo o feriado será celebrado a partir do próximo ano. A aprovação do feriado acontece poucos dias antes do jubileu de diamantes, quando o santuário de Santa Terezinha celebra 60 anos.Veja fotos aqui. Assista aqui comemoração após votação.

"Será maravilhoso as crianças chegarem em casa e falarem para os pais que amanhã não vai ter aula porque é dia para comemorar, celebrar e viver o amor misericordioso de Deus. Colocamos Deus no trono da nossa cidade. Todos nós servimos a Ele. Esse projeto não poderia ser aprovado em meio à divisões ou contendas. Isso não seria de Deus. Eu não poderia sair daqui feliz sendo vencedor, se houvesse perdedores. Meu coração ficou inquieto e na missa do dia 22 pedi a Deus que resolvesse essa questão. Ele trabalhou, tocou nossos corações e por isso estamos aqui hoje numa grande convergência para celebrar o Dia do Amor Misericordioso de Deus”, afirmou o monsenhor Agnaldo em entrevista à imprensa.


Passava das 12h30 quando dezenas de fiéis da comunidade católica de Taboão ingressaram no plenário da Câmara Municipal, liderados pelo monsenhor Agnaldo para acompanhar a votação do projeto de lei que torna 1º de outubro feriado na cidade. Logo que os fiéis entraram no plenário os vereadores se revezaram em elogios ao projeto e apelos à união de católicos e evangélicos. Os fiéis do Santuário de Santa Terezinha e várias paróquias de Taboão entraram na câmara distribuindo rosas vermelhas aos presentes. Logo depois eles rezaram no plenário liderados pelo monsenhor. Enquanto isso os vereadores faziam reunião interna para fechar a votação do projeto.

Há pouco mais de seis o vereador José Aparecido Alves, o Cido, presidente da Câmara Municipal protocolou na Casa projeto criando o feriado de Santa Terezinha em 1º de outubro. Não houve consenso para a aprovação e por causa disso o monsenhor Agnaldo Carvalho sugeriu a troca de nomes. Ele tratou o assunto com o prefeito que passou a ser autor da lei que cria o feriado no dia da padroeira. Em 9 de setembro de 2009 aconteceu outra tentativa de aprovar o feriado. Na ocasião os vereadores daquela legislatura acabaram instituindo o ponto facultativo, que contempla apenas as repartições públicas. A medida foi paliativa e não completou a comunidade que esperava desde então a instituição do feriado no dia da padroeira. Isso ficou claro na sessão desta terça. Bastou o projeto ser posto em votação para os fiéis explodirem em aplausos e gritos de euforia.

“Católicos ou evangélicos, todos tementes a Deus saímos vitoriosos com esse projeto. Vamos brindar ao amor misericordioso de Deus num mundo cerceado de violência, tanto ódio e rancor. Nós estamos juntos. Somos irmãos. Não podemos deixar o inimigo de Deus agir na nossa cidade. Independente da nossa religião temos que nos unir. Ser grandiosos. Nossa cidade tem outros problemas graves e precisamos estar todos unidos contra as armas do inimigo”, afirmou o monsenhor.

Ele disse que Santa Terezinha está ligada diretamente a história de Taboão. Citou que há mais de 70 anos no local onde atualmente está localizado o Santuário de Santa Terezinha havia uma capela dedicada à santa. Lembrou que ela se tornou padroeira graças a um projeto de lei do ex-vereador Savazzi. 

“Nos pareceria ser natural e louvável o feriado. Mas não poderíamos criar contenda por causa disso. O que aconteceu hoje foi grandioso. Um milagre. Tivemos que exercer a humildade e nos despir da vaidade. Cada um cedendo chegamos a convergência. Minha mestra do amor misericordioso de Deus foi Santa Terezinha. Taboão da Serra tem muito a celebrar porque lá no céu Santa Terezinha está em festa”, comemorou, acrescentando que a unidade proporcionada pelo projeto vai permitir que todos se unam em prol dos desafios que a cidade enfrenta atualmente.

O presidente Cido disse que projeto foi aprovado graças à unidade que o amor permite. Ele afirmou ter sido contemplado em sua ideia inicial e disse que esperou o tempo de Deus. "Tenho certeza que este dia já estava escrito. Meu objetivo era criar pontes. Não queria que ninguém saísse daqui desgastado ou chateado. Fico feliz por fazer parte desse momento. Digo isso sem vaidades. Para mim só a aprovação já é suficiente", afirmou.

27/04/2017

Justiça concede liminar para tentar barrar greve geral em ônibus e metrô

Numa tentativa clara de barrar a greve geral contra as reformas da Previdência e Trabalhista,...

27/04/2017

Câmara aprova proposta de reforma trabalhista; texto segue para o Senado

Após quase 14 horas de sessão, a Câmara dos Deputados concluiu, na madrugada desta quinta-feira...

26/04/2017

Vereadora Priscila Sampaio fará pedágio contra o jogo Baleia Azul em Taboão

Preocupada com a disseminação do trágico jogo virtual baleia azul, que já levou vários...

26/04/2017

Vereadores de Taboão aprovam regulamentação do uso da sede da Câmara Municipal

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram por unanimidade na sessão desta terça-feira, 25,...

26/04/2017

Senado aprova em 1º turno fim do foro privilegiado de políticos e autoridades

Senado aprovou nesta quarta-feira (26), em primeiro turno, a proposta de emenda à Constituição...

26/04/2017

Temer decide cortar ponto de servidores que entrarem em greve

O presidente Michel Temer decidiu que cortará o salário dos servidores que participarem da greve...

25/04/2017

Bom Prato de Taboão começa a funcionar nesta quarta (26) com almoço a R$ 1,00

O prefeito de Taboão da Serra, Fernandes Fernandes Filho, anunciou no começo da noite desta...

22/04/2017

Taboãoprev presta contas de 2016 em audiência da Comissão de Finanças da Câmara

A Autarquia Previdenciária do Município de Taboão da Serra (Taboãoprev) realizou prestação de...

28/04/2017

Manifestantes fecham Régis param a região por causa da greve geral

A greve geral deflagrada em protesto contra as reformas da previdência e trabalhista...

28/04/2017

Ônibus intermunicipais param em adesão a greve geral contra as reformas de Temer

Os moradores de Taboão da Serra, Embu das Artes e Itapecerica da Serra que utilizam o transporte...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.