Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Audiência de Cultura revela paradoxo entre riqueza cultural e falta de recursos em Taboão da Serra

Por Sandra Pereira | 11/09/2015

cultura_1

Sandra Pereira

A cultura de Taboão da Serra é rica em talentos e formas de expressão. É modesta em recursos. Apresenta resultados bem acima das expectativas a despeito da falta de estrutura e de investimento público. Os artistas da cidade literalmente doam suas vidas à arte. Tudo isso ficou evidente durante a realização da 1ª Audiência Pública de Cultura realizada na Câmara de Taboão da Serra, na quarta-feira, 9. Na ocasião foi apresentado balanço do trabalho realizado pela Secretaria de Cultura, os anseios dos artistas, as expectativas e os projetos que vão beneficiar os coletivos de cultura que atuam no município. Ainda que sem querer a arte e cultura de Taboão convive com o paradoxo da riqueza x pobreza. Riqueza de talentos, forma, expressão e pobreza de investimentos e infraestrutura.  

Os números apresentados na audiência mostraram a importância do trabalho da Secretaria de Cultura em Taboão. A Escola de Bailado conta com 620 alunos, as oficinas de dança atendem 300 pessoas, os núcleos contam com 495 participantes e a biblioteca Castro Alves recebe diariamente mais de 300 pessoas e tem meta de demanda diária fixada em 500 visitantes. O parque das Hortênsias também está lotado na infraestrutura da pasta. É para lá que vai a maior parte dos recursos da pasta. 

O sistema municipal de cultura de Taboão foi implantado por força de lei. Graças a isso foi criado o Conselho Municipal de Cultura que elaborou o Plano Municipal de Cultura, que é essencial para que os artistas do município integrem o Plano Nacional de Cultura e dessa forma possam receber financiamento público do governo federal. O plano foi entregue a Câmara, mas como trata de recursos deve ser encaminhado à Casa pelo poder Executivo. Diante dessa constatação o Conselho vai agendar reunião com o prefeito para tratar do tema. Outro projeto que tramita na Câmara determinando a isenção de tributos de imóveis que funcionam como espaços de cultura também será tratado dessa forma. 

“Conheci o teatro na rua abaixo da minha casa, na sede do Tesol, com o seu Daniel. Foi lá onde desde criança eu conheci a arte. Ali aprendi sobre cultura e a sua importância na formação das pessoas e dos jovens”, declara a vereadora Joice Silva, presidente da Comissão de Saúde, Educação, Assistência Social e Cultura, responsável pela convocação da audiência pública.
O presidente da Câmara Municipal, vereador José Aparecido Alves, o Cido, disse que vai estudar no regimento da Casa uma forma de criar a Comissão de Cultura do Legislativo. Lembrando o irmão artista que durante anos trabalhou em farmácia para se manter e fazia arte quase como atividade paralela, ele afirmou que é preciso valorizar a produção cultural. 

“A audiência pública mostrou o que os artistas esperam e qual o papel do poder público no apoio às atividades culturais”. 

O vice-prefeito e secretário de Cultura, Laércio Lopes, disse que aprendeu a  admirar os diversos coletivos de cultura que a cidade tem. “Nesse período a frente da pasta conheci o trabalho deles e sem sombra de dúvidas vi a dedicação e o esforço pessoal de todos para fazer as coisas acontecerem. Mesmo sem recursos todos fazem o que podem”, afirmou Laércio, pedindo desculpas por quebrar o protocolo ele agradeceu ao vereador Dr. Ronaldo Onishi pela atuação durante a crise envolvendo ativistas e o parque das Hortênsias. “Nunca agradeci publicamente, mas hoje preciso dizer que o apoio naquele momento foi importante para mim”, contou. 

Ronaldo Onishi falou sobre a importância da cultura na formação humana. Disse que a área carece de mais recursos e se dispôs a ajudar os artistas da cidade. O vereador lembrou que ficou impressionado ao conhecer o trabalho do grupo Clariô e citou trabalhos de excelência como o musical o Homem de La Mancha. 

A vereadora Érica Franquini brincou que não tem talento artístico, mas admira quem tem e reconhece na cultura uma forma de integração social ainda pouco explorada. “Temos que dar aos nossos jovens a oportunidade de ter mais contato com a cultura. Precisamos tirar os nossos jovens do caminho das drogas, unir todos os esforços”, apontou.

17/08/2017

Mulheres vítimas de violência emocionaram público em Audiência da Comissão de Di

A violência contra a mulher ganhou rosto, voz e vez no plenário da Câmara Municipal de Taboão da...

16/08/2017

Deputada Analice consegue 1 milhão para reforma de UBS em Itapecerica

O prefeito Jorge Costa, o vice Paulinho, os vereadores Allan, Ramon Corsini, Cepacol e Carlinhos...

12/08/2017

Audiência pública da comissão dos Direitos Humanos acontece na próxima quinta

A comissão dos Direitos Humanos da Câmara Municipal de Taboão da Serra realizará no próximo dia...

12/08/2017

Taboão aprova requerimento para conscientização sobre mortes no trânsito

A Câmara Municipal de Taboão da Serra aprovou por unanimidade de votos na sessão do dia 8,...

12/08/2017

Pq. Marabá ganha nova sinalização viária, diz vereadora Rita de Cássia

Um dos bairros mais populosos de Taboão da Serra, o Pq. Marabá, recebeu nos últimos dias uma...

10/08/2017

Vereadores de Embu defendem Taxa do Lixo e manifestantes esvaziam Câmara

Num embate nunca visto anteriormente na história recente de Embu das Artes o governo municipal...

09/08/2017

Dr. André da Sorriso atua para construção de novo retorno no Pirajuçara

Com indicações e ofícios encaminhados à Prefeitura Municipal de Taboão da Serra desde 2014, Dr....

06/08/2017

Presidente Joice Silva aprova Moção contra a Liberação da Maconha e Cocaína

Por iniciativa da presidente Joice Silva (PTB), a Câmara Municipal de Taboão da Serra aprovou...

03/08/2017

Após rejeição de denúncia, Temer diz que segue com ações necessárias para o país

O presidente Michel Temer disse, em pronunciamento na noite de hoje (2), que, com a rejeição da...

03/08/2017

Protesto contra Taxa do Lixo lotou Câmara de Embu e sessão foi suspensa

A habitual calmaria que predomina nas sessões da Câmara de Embu das Artes cedeu espaço a uma...

17/08/2017

Creche no Santa Tereza foi roubada 8 vezes esse ano

Pela oitava vez consecutiva, somente esse ano, bandidos invadiram a creche municipal Maria...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.