Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Farmácia 24h é aprovada pelos vereadores de Itapecerica da Serra

Por Direto da Redação do Jornal na Net | 2/09/2015

itap01

Genildo RochaSessão ordinária ocorreu na noite desta terça-feira, dia 01, em Itapecerica da Serra 

Em sessão agitada, os vereadores de Itapecerica da Serra aprovaram na noite desta terça-feira, dia 01 de setembro, o projeto de lei, que institui o plantão de atendimento 24h das farmácias no município. O projeto que passou por vista de 10 dias foi aprovado com 6 votos favoráveis e 4 votos contrários, gerando um desentendimento entre o autor do projeto, o vereador Ernandes e o vereador Cícero Costa. Além disso, o vereador Hércules da Farmácia defendeu que a lei revogada deve ser cumprida e ao menos duas farmácias já funcionam no período noturno.  

O vereador Ernandes foi até a tribuna para defender a aprovação do projeto e em tom de provocação agradeceu aos que votaram a favor e também os votos contrários. Relembrou uma situação da gestão do ex-presidente da Câmara, Cícero Costa com relação ao citado projeto. Os dois chegaram a trocas farpas no final da sessão, que era conduzida pelo vereador Ernandes e cordialmente acordaram que um não citaria o outro em seus projetos e Cícero pediu que as questões fossem resolvidas antes das sessões.  

O vereador Cícero Costa ainda rebateu que o projeto deveria ser melhor analisado e trabalhado, uma vez que impõe que as farmácias fiquem abertas e no seu ponto de vista deveria ter um diálogo com os proprietários e ouvir a intenção do funcionamento 24h ou não. Ele chegou a citar seu bairro Jacira com farmácia em funcionamento até às 23h, porém acredita que 24h não seria uma boa alternativa. 

Em explicação pessoal, o vereador Hércules da Farmácia destacou que duas farmácias funcionam no período noturno, sendo a Pense Farma até às 0h e a Drogadelia com funcionamento até às 23h. Ainda destacou que a Pense Farma, funcionava com plantão no Pront Socorro, no entanto, aconteceu um assalto e o motoboy veio a obito. O vereador defende que a iniciativa é boa porém é um risco para o trabalhador.  

Os vereadores Gerson Lazarin e Jonas Feijo também foram contra o projeto, porém sem manifestação nas explicações pessoais do projeto. 

Lei do Silêncio 

Após duras críticas na última terça-feira, dia 25, o presidente da Câmara, vereador Alex Pires voltou a tribuna para agradecer a atuação do orgão competente ao inibir o som alto nas festas tipo pancadão que acontecem em toda cidade. Ele destacou que é preciso reconhecer quando as reinvidicações são atendidas pela administração pública. O vereador Ramon Corsini pediu uma parte da fala para também agradecer e esclarecer que em seu bairro ocorreu fiscalização da mesma forma. 

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.