Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Educação

Novas disciplinas na educação de Embu

Por Prefeitura da Estância Turística de Embu das Artes | 26/08/2010

2207.jpg

Orientação e brincadeiras preparam os novos educadores da rede

A obrigatoriedade de oferecer língua estrangeira, artes e educação física é a partir do Ensino Fundamental 2, mas a equipe técnica já prepara os professores que darão aulas para turmas desde a Educação Infantil.

Materiais lúdicos, instrumentos musicais, sucatas, além de uma pasta para suporte teórico apresentando a proposta pedagógica do governo da cidade de Embu das Artes foram os elementos fornecidos na recepção aos profissionais recém contratados da rede municipal. Mais de cem novos professores especialistas em Espanhol, Artes e Educação Física receberam curso de formação preparado pela equipe técnica da Secretaria de Educação. O salão da pastoral do Museu Sacro dos Jesuítas ficou repleto de educadores nos dias 16, 18 e 19 de agosto, quando os contratados pelo concurso realizado em 2007 receberam orientações gerais sobre a rede e uma programação específica.

Todos receberam documentos do plano pedagógico da Secretaria de Educação, folhetos e cartilhas referentes à infância e juventude, o livro "Embu - Aldeia de M’Boy", da artista e folclorista Raquel Trindade, além de material informativo sobre políticas públicas do governo da cidade e outros artigos.

Na apresentação de boas vindas, a secretária Rosemary falou da importância de que cada um conheça o projeto político pedagógico antes de seguir para a escola, pois para muitos deles, essas orientações são completamente novas, já que vêm das mais diversas experiências convencionais ou não em educar.

Brincadeiras para integração e práticas

O curso de formação foi divido em três partes, a primeira de conceituação geral da rede e outras duas com práticas e vivências, fazendo com que todos "entrassem na brincadeira". As atividades foram preparadas para simular situações de sala de aula e promover a integração da equipe, sempre considerando a proposta pedagógica de educação humanizada, interdisciplinar e integral.

As experiências de cada um também foram consideradas no desenrolar do curso. Divididos em grupos de Espanhol, Artes e Educação Física, eles mostraram exercícios de integração como brincadeiras de roda e músicas, como fez Almir Candiani, com um coro que mesclava vozes entre grupos. "A formação é bem dinâmica e deixa a gente à vontade para expor nossas ideias", disse o professor, que vai integrar a equipe da Escola Municipal Elza Marreiro.

Cada atividade propunha novas formas de tratar a escola experimental, a interdisciplinaridade, a educação ambiental, e a proposta de educação integral, o que foi bem recebida pelo professor de Educação Física Ivan Gonçalves Branco da Silva, que já atuava como personal trainner e agora vai dar aulas para o Fundamental 1 no Complexo Educacional Valdelice Medeiros Prass. "Será um desafio, uma nova realidade, que vai exigir um planejamento diferente, com flexibilidade, já que cada turma tem sua individualidade", afirmou ele.

Toda a programação foi dedicada a dar segurança aos educadores que iniciam nas escolas municipais nas próximas semanas.

Texto: Cristiane Del Gaudio

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.