Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) será inaugurado no sábado, dia 15

Por Prefeitura da Estância Turística de Embu das Artes | 11/08/2015

ceu

Guego

Dentro do programa Agosto Espetacular da Prefeitura de Embu das Artes, com entrega de obras e serviços à população neste mês, será inaugurado no dia 15, sábado, às10h, o Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), que fica entre as ruas Ursa Maior e Cruzeiro, no Jardim do Colégio. Moradores do bairro e arredores têm acompanhado a obra e aguardam com ansiedade poder usar o novo equipamento. 

O complexo cultural é composto de anfiteatro, biblioteca, telecentro, Academia Pública, barras de exercício, quadra poliesportiva coberta, parque infantil, pistas de skate e de caminhada, espaço para descanso em bancos e gramado. Foi construído no local um miniterminal de ônibus e reconstruída a ponte, de acesso ao complexo cultural, esportivo e assistencial da Prefeitura. No local funcionará um Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), com serviços de assessor jurídico e assistência social, e base móvel da Guarda Civil Municipal (GCM).

O que dizem moradores 

 “Acho bom ter o CEU. Aqui não tem nada. Só que as pessoas precisam saber aproveitar, cuidar e não destruir”, diz Cristiane. “Vai ser bom pra mim e meu irmão (2 anos) brincar”, declara o filho, Artur, 9 anos. Sebastião Silva Oliveira, liderança comunitária no bairro, elogia o governo municipal: “O CEU é um projeto muito importante para a nossa região e agradecemos o governo Chico Brito por isso. Além das atividades diárias de cultura e lazer, vai contribuir na formação das crianças e dos jovens do bairro”. 

Outros moradores festejam ter uma área de cultura e lazer na porta de casa, como Zenilda: “Perto de casa, as crianças vão se divertir mais e minha filha, de 9 anos, também". Antes, tinha de usar carro ou ônibus para chegar a um centro de cultura ou lazer. “Beleza de bom. Vou, sim, na inauguração e depois aproveitar tudo que tenho direito neste CEU. Há muito tempo que esperamos por isso”, diz Marliete Bezerra Torres, que mora há 34 anos no bairro. 

“Muito bom”, afirma Vânia Santos Barbosa, enquanto o idoso Otávio Romero, sentado em dos novos bancos da praça, ainda inacabada, declara: “Acho boa essa obra e tá ficando muito bonita. Só tem certas coisinhas. Se não corrigir, isso aqui vai acabar logo. A prefeitura limpa, mas continua vindo lixo de fora. Se não controlar o lixo, não vai melhorar nunca”. Para os motoristas Maurício Marques e José Severino da Silva, o cobrador Alexandre Sanches e a fiscal Marisa de Oliveira, o terminal de ônibus ao lado do CEU é um presente. “Antes não tínhamos abrigo, banheiro nem cobertura para o passageiro”, diz Maurício. 

Não será difícil atrair a população do bairro mais rapidamente para o novo centro de cultura e lazer. O grafiteiro Marcos, da Visuarte, declara que a arte, inspirada em desenho de Milton Coelho, que levou sete dias para fazer, junto com cinco colegas, na parede externa do CEU, tem atraído a atenção de todos. Alguns moradores, segundo ele, param diante do painel de entrada e conversam sobre a colonização, fundação da cidade, tudo representado na figura. “Esse trabalho é uma oportunidade superbacana, para poder retratar a história da cidade através da arte para população. Superválido ter o CEU aqui!”

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.