Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Projeto sobre mudança na contribuição de servidores públicos causa polêmica em Taboão

Por Outro autor | 1/06/2015

prefeitura_alt

Assessoria da PMTSFuncionalismo municipal de Taboão está de olho na lei que prevê mudanças na arrecadação 

O projeto do Executivo  que prevê mudanças no sistema de arrecadação da contribuição para a TaboãoPrev e aposentadoria dos servidores municipais levantou uma série de dúvidas entre o funcionalismo municipal. Na última semana o assunto predominou entre a categoria que teme prejuízos na hora em que for se aposentar. A dúvida consiste no fato do servidor ter que fazer opção sobre como vai contribuir. Há o receio de que a pessoa possa sofrer perdas caso faça a opção equivocada. O governo garante que não haverá perdas para o funcionalismo.

O projeto que muda a regra tramitou em regime de urgência na sessão passada da Câmara e recebeu pedido de vistas por 10 dias. Desde então vem sendo debatido por servidores municipais nos mais diversos segmentos. 

O líder do governo, vereador Eduardo Nóbrega explicou à imprensa que a proposta não prejudica o funcionalismo.Para ele o projeto não muda nada, já existe uma lei federal que regulamenta a forma de contribuição, o município estaria apenas a adequando.

Segundo Nóbrega, os servidores terão a opção de dizer se quer contribuir sobre o salário base ou sobre o salário e todas as gratificações. “Isso depende de cada servidor, para muitos não compensa pagar pelo teto, em cima de horas extras, quinquênios ou cargos comissionados, essa analise deve ser feita por cada servidor”, disse. 

O vereador ainda disse que pretende marcar uma reunião com os servidores para poder explicar o projeto. “Quando eu defendi a aprovação na terça-feira foi porque ele não prejudica em nada os servidores, nunca iria contra a categoria. Mas aceitei e voteis nas vistas [prorrogação da votação] para que a proposta seja mais bem explicada para os servidores”, garantiu.

Com informações da assessoria de imprensa da CMTS

tony

O servidor publico não aguenta mais,já esta cansado de ser passado pra trás sempre,quase 20 anos sem um reajuste no salário, ganhando menos que o salário mínimo assim não há paciência que aguente greve geral já,unidos venceremos

Antonio Pereira

Moro em Taboão da Serra há mais de 44 anos e a cada dia me surpreendo mais com a péssima qualidade de nossos políticos, onde a falta de respeito não é somente com os moradores que são castigados por serviço público de péssima qualidade e que somente funciona no improviso. Os servidores públicos são massacrados com péssimos salários enquanto os amigos do poder desfilam como semi deuses, muito bem remunerados etc. Sem contar as empresas parceiras que sugam a grana de nossos impostos entregando materiais de péssima qualidade, superfaturados, vide área da saúde e no final todos ficam alegres e contentes, menos a população.

Mauricio Lourenço da Silva

O interessante é que o projeto de lei complementar que, para ser aprovado, precisa de 9 votos dos 13 vereadores já está em execução. O servidor que conseguiu tirar o holeirite na internet teve 2 surpresas: se tinha insalubridade (20% ou 40% do Salário Mínimo)perdeu, mas não teve o desconto da previdência(Taboaoprev), ou seja, se deixar como está terá redução em todos os seus direitos previdenciários e, detalhe, não lhe será devolvido o que pagou sobre todo o vencimento até então, pode isso?!

Gomes

Tudo o que a prefeitura de Taboao da Serra faz em relação ao funcionalismo público é prejudicial, basta observar que não reajusta salário há 18 anos. Detalhe, jamais se vota projetos de funcionário público sem discussão com a categoria O nobre apoiador de Fernando Fernandes não sabia?

Roberto

Esse povo e muito engraçado, os maiores interessados no assunto não ficam sabendo de nada!!! Cade essa enganação de SINDICATO, que não briga por nada não faz nada alias ainda existe????existe sim na hora do desconto em folha. Vamos parar tudo, quase 20anos sem aumento real, as coisas subindo e o salario defasado desse jeito, ninguém aguenta mais, convocação paralisação geral de servidores 01/07/2015 ate essa situação mudar ou vai ou racha!!!!!!!!!!!!!!!

carlos

Isso é uma esculhambação, veja só, o governo afirma que não vai haver perda, porém colocou o projeto na madrugada para ser votado, entretanto, o funcionalismo CONCURSADO, está a 18 anos sem reposição salarial do básico que é a inflação, contudo, alem de não haver reposição salarial o coitado do funcionário aqueles que serviram durante toda a sua vida, vai ganhar uma aposentadoria de fome, ou seja, vai ter que trabalhar depois de aposentado para sustentar sua familia.

25/07/2017

Deputada Analice intervém e Taboão terá dois pontos de recarga do Cartão Bom

Após as reclamações dos usuários do transporte público intermunicipal sobre o fechamento da loja...

21/07/2017

Novos funcionários efetivos assumem cargos na Câmara Municipal

A Câmara Municipal de Taboão da Serra deu posse nesta sexta-feira, dia 21, para os novos...

21/07/2017

Vereador Eduardo Nóbrega defende aumento de efetivo da PM em Taboão da Serra

A questão da segurança irá voltar a pauta da Câmara Municipal de Taboão da Serra. O vereador...

14/07/2017

Câmara de Taboão permanece com atendimento ao público durante o recesso

A Câmara Municipal de Taboão da Serra entrou em recesso parlamentar no início de julho e neste...

12/07/2017

MPT pede veto e não descarta entrar com ação contra reforma trabalhista

O Ministério Público do Trabalho (MPT) encaminhou ao presidente Michel Temer, nesta quarta-feira...

07/07/2017

Deputada Analice assume presidência da Assembleia e recebe delegação da Baviera

A deputada estadual Analice Fernandes assumiu interinamente a presidência da Assembleia...

07/07/2017

Assembleia aprova proposta de Alckmin que reduz valores de multa e juros de ICM

Na tarde desta quarta-feira, 05 de julho, a Assembleia Legislativa de São Paulo aprovou o...

05/07/2017

Tribunal de Contas reunirá prefeitos de Taboão, Embu, Itapecerica e região

Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP) realiza em Suzano, na próxima quinta-feira...

05/07/2017

Assembleia aprova proposta de Alckmin que reduz valores de multa e juros de ICMS

Na tarde desta quarta-feira, 5 de julho, a Assembleia Legislativa de São Paulo aprovou o Projeto...

04/07/2017

Vereadora Érica Franquini comemora o sucesso da 1ª audiência pública

Na quinta-feira, 29, a comissão de Segurança da Câmara Municipal de Taboão da Serra realizou a...

25/07/2017

Deputada Analice intervém e Taboão terá dois pontos de recarga do Cartão Bom

Após as reclamações dos usuários do transporte público intermunicipal sobre o fechamento da loja...

25/07/2017

Civil de Itapecerica prende quadrilha especializada em roubar condomínios

A Polícia Civil de Itapecerica da Serra prendeu nas primeiras horas da manhã desta terça-feira,...

25/07/2017

PM entrega doações à família que perdeu tudo em incêndio em Itapecerica

Há cerca de uma semana uma família de Itapecerica perdeu tudo após um incêndio criminoso em sua...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.