Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Vereadores de Embu aprovam contratação de professores de Libras nas escolas municipais

Por Direto da Redação do Jornal na Net | 28/05/2015

camara_27

Adriana MonteiroSessão aconteceu na quarta-feira, dia 27 em Embu das Artes 

Os vereadores de Embu das Artes aprovaram o projeto de lei que autoriza a contratação de professores de Libras, nas escolas municipais, a aprovação foi amplamente aplaudida pelos funcionários da educação que lotaram a Casa de Leis na noite desta quarta-feira, dia 27. A Câmara Municipal também recebeu os capoeiristas e na ocasião foi aprovada uma moção de aplausos. 

O projeto de lei 22/2015, de autoria do prefeito Chico Brito, trata da alteração do anexo e dessa forma autoriza a contratação de professores de Libras nas escolas da rede municipal de ensino. Os vereadores enalteceram o projeto e afirmaram que é uma satisfação aprovar projetos que beneficiam a área da Educação. Também visando a educação foi aprovado o projeto de lei 16/2015, de autoria do vereador Gilson Oliveira, que institui a obrigatoriedade da realização de curso de primeiros socorros aos servidores das creches do município. 

Os vereadores também aprovaram o projeto de lei 17/2015, de autoria do vereador Edvânio Mendes, que dispõe sobre a pintura de grafite como forma de expressão e de arte. E o projeto de lei complementar 06/2015, que trata dos cargos de comissão e livre nomeação solicita a alteração do anexo da lei aprovada em 05/2015 foi aprovado. 

Na noite de trabalhos também foram aprovadas as indicações 46/2015, de autoria do vereador Doda Pinheiro, que indica que sejam efetuados estudos para a troca das lampadas de luz amarela por luz branca dos postes em toda a cidade. Também a indicação 48/2015, de autoria do vereador Clidão do Táxi, que indica implantação de um playground no bairro do Jardim Novo Embu. 

A moção de aplausos 20/2015, de autoria do vereador Pedro Valdir, foi direcionada aos capoeiristas, e dessa forma do incentivo da pratica de capoeira no município. Também foi aprovada a moção de pesar 17/2015, pelo falecimento da servidora pública, D. Isabel, que trabalhava no gabinete do prefeito. 

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.