Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Transporte e Trânsito

Secretário de Trânsito vistoria veículos do transporte complementar de Itapecerica

Por Departamento de Comunicação da Prefeitura de Itapecerica da Serra | 28/05/2015

vistoria

PMIS

Na manhã do último dia 19 de maio, o Pr. Márcio Roberto (secretário Municipal de Segurança, Trânsito e Transporte) esteve na sede da Cooperativa de Transporte Alternativo do Município de Itapecerica da Serra (CTAMIS), acompanhado por Jaqueline Martins de Carvalho dos Santos e Alberone da Silva Souza, presidente e vice, respectivamente, do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência, para vistoriar os veículos do transporte complementar que servem as linhas municipais.

A iniciativa teve como objetivo principal verificar os dispositivos que permitem a acessibilidade dos cidadãos portadores de algum tipo de deficiência. Na oportunidade, o secretário e os representantes do conselho verificaram as plataformas com elevadores, além de estado geral de higiene dos veículos.

Segundo Maria Aparecida (presidente da CTAMIS), a partir da regularização do transporte complementar promovida pelo prefeito Chuvisco, a frota vem sofrendo renovação, sendo, inclusive, efetuadas adequações nos veículos para atender a lei, no que diz respeito à acessibilidade. 
“Desde que foi iniciado este processo de regularização do transporte municipal, a CTAMIS vem exigindo que seus cooperados façam a troca dos veículos velhos por carros mais novos. Também que sejam feitas as adaptações necessárias para atender a lei de acessibilidade”, disse Cida.

Para o secretário Pr. Márcio Roberto, o processo de adequação dos veículos do transporte municipal, que garantirá o acesso de todos os cidadãos ao transporte público, ainda não está totalmente efetuado, e que a SSTT estará empenhada para que se cumpra o Decreto-lei nº 5.296 de 2 de dezembro de 2004, que regulamenta a Lei nº 10.048, que dá prioridade de atendimento às pessoas com necessidades especiais, e a Lei nº 10.098, que estabelece normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade.

“Infelizmente, ainda não temos todos os veículos das linhas municipais, adaptados com dispositivos que permitam a acessibilidade. Entretanto, posso garantir que a SSTT está atenta e buscando o cumprimento desta determinação legal”, afirmou o secretário.

Já Jaqueline Martins e Alberone da Silva cobraram da CTAMIS mais agilidade no processo de adaptação dos veículos, alegando que as pessoas portadoras de necessidades especiais do município necessitam de transporte digno e com total acessibilidade.

A presidente e o vice do Conselho da Pessoa com Deficiência ainda cobraram que os operadores do transporte municipal sejam treinados para que possam prestar melhor atendimento aos passageiros especiais.

“Estamos convictos que o secretário Pr. Márcio está buscando o cumprimento da legislação, e esperamos que as operadoras das linhas municipais, tanto CTAMIS quanto Miracatiba, façam a parte delas”, disseram.

A legislação de acessibilidade prevê atendimento prioritário a idosos, gestantes, obesos, portadores de necessidades especiais e com mobilidade reduzida, e determina que todos os veículos de transporte coletivo sejam adaptados e possuam elementos que permitam maior facilidade de acesso a esse público.

As modificações

Quando se fala em acessibilidade muita gente já pensa em rampas com elevadores dentro dos ônibus, micro ônibus e vans, para cadeirantes. Na realidade, a lei que regulamenta essa adaptação nos coletivos descreve quatro níveis, sendo a utilização de plataforma elevatória um deles.

É preciso que o veículo tenha um dispositivo tátil, que é a instalação de botões próximos aos assentos para que o passageiro prioritário possa sinalizar o interesse em desembarcar sem precisar se deslocar ou pedir ajuda.

Também é necessário aplicar um material com alta rugosidade, para que os portadores de dificuldade de locomoção ou dificuldade visual possam perceber onde estão pisando ou segurando. 

Além do espaço para o cadeirante quando existir elevador, o coletivo deverá ter assentos com identificação visual que permita esclarecer que a área é reservada. Os lugares preferenciais devem existir mesmo sem a plataforma. A disposição das lixeiras também pode ser revista, caso elas estejam bloqueando a passagem pelas portas.

As escadas também precisam ser devidamente modificadas. As quinas dos degraus, conhecidas oficialmente como perfis, deverão ser pintadas na cor amarela, para auxiliar na identificação. É necessário que essa visibilidade seja frontal e superior, permitindo a visão no embarque e no desembarque. Além disso, passageiros obesos deverão possuir assentos apropriados e reservados. 

Para os casos em que o veículo passar a ter embarque de nível, como a plataforma, por exemplo, o lado externo do veículo deve possuir o símbolo SAI, que é um selo mundial de acessibilidade. O objetivo é permitir a visualização pelo público de portadores de dificuldade de locomoção e também de fiscalização.

07/12/2017

Prefeitura de Taboão fecha cerco a publicidade irregular em abrigos de ônibus

Em vigor há quase 10 anos, o Código Tributário de Taboão da Serra (Lei Complementar Nº...

04/12/2017

Brasil sedia encontro internacional para discutir despoluição dos transportes

O primeiro Encontro Internacional sobre Descarbonização do Transporte reunirá em Brasília, a...

03/12/2017

Loja do Cartão Bom de Itapecerica fecha as portas e usuários são prejudicados

Usuários foram surpreendidos com a notícia do fechamento da loja do Cartão Bom de Itapecerica da...

30/11/2017

Governador promete que IPVA 2018 será mais barato em São Paulo

O Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) ficará mais barato em São Paulo em...

27/11/2017

Setram multa Fervima após ônibus circular perder janela durante viagem

A secretaria de Transportes e Mobilidade Urbana multou em mais de R$ 9 mil a empresa Viação...

17/11/2017

Licenciamento: novembro é o mês de veículos com final 9

Os proprietários de veículos com placa final 9 já podem fazer o licenciamento. Já os donos de...

13/11/2017

Congonhas reabre após ter 34 voos desviados por causa de drone

O Aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo, reabriu hoje (13) normalmente, após ter 34...

13/11/2017

Em sua 1ª edição, POP Run reúne mais de 600 corredores nas ruas de Taboão

Mais de 600 corredores profissionais e amadores participaram na manhã deste domingo (12) da 1ª...

13/11/2017

Moradores se unem e deputada Analice consegue reverter paralização da linha 029

A máxima de que o povo unido jamais será vencido virou realidade na última sexta-feira, 10,...

12/11/2017

Moradores do Jardim Clementino, Guaciara e Roberto em Taboão reclamam de buracos

A população de Taboão da Serra, entre os bairros do Jardim Clementino, Jardim Guaciara e Jardim...

14/12/2017

Governo libera hoje abono salarial de 2016 para nascidos em dezembro

O Ministério do Trabalho liberou hoje (14) o pagamento do abono salarial do PIS/ Pasep ano-base...

14/12/2017

Definido calendário escolar para o ano letivo de 2018

Foi divulgado na noite desta quarta-feira (13), o calendário escolar para 2018. O ano letivo...

14/12/2017

Deputada Analice anuncia reformas em Escolas Estaduais de Taboão

Depois de uma reunião com o presidente do FDE - Fundação para o Desenvolvimento da Educação,...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.